Concachampions é México x Estados Unidos!

México x Estados Unidos mais do que nunca é a tônica da Concachampions. A hegemonia mexicana e o crescimento do desempenho dos norte-americanos falam por si só. Nessa edição, essa tese só vem a se confirmar, pois, entre os seis primeiros colocados, são três de cada país.

O Monterrey segue na briga pelo tricampeonato. Foto: Rayados.com

O Monterrey segue na briga pelo tricampeonato. Foto: Rayados.com



Nas quartas de final, foram dois confrontos, com uma vitória para cada país, e ambas com reversão no jogo de volta. O Seattle Sounders, após ser derrotado pelo Tigres no México pelo placar mínimo, venceu nos Estados Unidos de virada, 3×1. O triunfo mexicano foi conquistado pelo Santos Laguna, vice campeão da última edição da competição, que havia perdido também pelo placar mínimo, mas superou o Houston Dynamo com um belo 3×0, que deixa a equipe novamente entre as quatro melhores da América do Norte/Central. Seattle e Santos Laguna duelarão na próxima fase por uma vaga na final.

Estes confrontos foram só o começo, pois as semifinais reservaram os dois confrontos entre os países. Na outra semifinal,  o Monterrey, atual bicampeão continental, que apenas controlou o duelo com o Xelajú da Guatemala no segundo jogo. 1×1 no México após a vitória por 3×1 na América Central. terá pela frente o badalado Los Angeles Galaxy, atual bicampeão da Major League Soccer, que goleou o Herediano por 4×1, após empatar sem gols na Costa Rica. O irlandês Robbie Keane marcou um dos gols do Galaxy.

Robbie Keane comanda o badalado Galaxy. Foto: Kelvin Kuo-USA TODAY Sports

Robbie Keane comanda o badalado Galaxy. Foto: Kelvin Kuo-USA TODAY Sports



Seattle Sounders x Santos Laguna e Monterrey x Los Angeles Galaxy. Dois grandes confrontos que devem acirrar ainda mais a rivalidade entre Estados Unidos e México e que irão decidir a Concachampions 2012/13, assim como foi na temporada 2006/07, oportunidade em que as duas equipes mexicanas, Pachuca e Chivas Guardalajara, levaram vantagem sobre Houston Dynamo e DC United, respectivamente. No fim, o Pachuca acabou sendo campeão.

O favoritismo ainda decai sobre o Monterrey por tudo o que fez nos últimos anos, mas os dois duelos prometem ser bastante equilibrados. As partidas serão realizadas apenas em abril, devido à pausa para as eliminatórias para a Copa do Mundo. Quando voltar, é pra valer, e por terem feito melhores campanhas, as equipes mexicanas contam com a vantagem de decidir em casa. Sabendo disso, arrisca um palpite? Seria o Monterrey favorito ao tricampeonato? Quem poderá desbancá-lo? Opine!

Comentários

21 anos, morador de Maringá-PR. Corintiano de coração, aprendi ainda a ser Liverpool, na Europa. Como Doente por Futebol, acompanho diariamente jogos, jogadores e tudo o que acontece acerca deste apaixonante esporte. Minha função por aqui será de analisar e informar tudo o que rola na América do Sul e no México. Responsável ainda pelas colunas "Craque DPF" e "Futebol na Mídia".