O primeiro cartão vermelho de Seedorf

  • por Felippe Garcia
  • 5 Anos atrás

VERDADEIRA-SEEDORF

 

Hoje, após a expulsão de Seedorf contra o Madureira, noticiou-se (inclusive nós) que teria sido o primeiro cartão vermelho que o jogador teria levado, depois de mais de 800 jogos, e 20 anos de carreira. O que muitos não sabiam é que ele já havia sido expulso jogando pelo Milan.

A expulsão no Campeonato Carioca

Na partida contra o Madureira, aos 47 minutos do segundo tempo, Seedorf sairia da partida para dar lugar a André Bahia*. O juiz então pediu para que o jogador saísse pela lateral, mas o meia queria sair pelo local tradicional das substituições. O árbitro Philip Georg Bennett aplicou cartão amarelo pela recusa do jogador. Já amarelado, o holandês insistiu então em sair pelo meio-de-campo. Pressionado, o árbitro mostrou o segundo amarelo, seguido de vermelho.

Seedorf se pronunciou antes de descer ao vestiário, chamando de ridícula a atitude do árbitro.

Criou-se então a lenda de que seria a primeira expulsão do disciplinado Seedorf.




A verdadeira primeira expulsão

Em 23 de abril de 2006, Seedorf havia sido expulso no jogo Messina x Milan, pela Serie A 2005/06. O elenco do Milan contava com os brasileiros Dida, Serginho, Cafu e Kaká.

Num jogo de várias expulsões, nos acréscimos da segunda etapa da partida, Seedorf , após discutir com o jogador adversário, levou o primeiro cartão vermelho de sua carreira. A partida terminou em 3×1 para o Milan.

Para que se comprove, os sites Soccer Way e Transfer Markt têm os registros da partida.

E, para que não haja dúvidas, o vídeo abaixo mostra a expulsão, nos minutos finais:





É o fim do mito. O site da FIFA ainda não reconhece o primeiro vermelho:
http://pt.fifa.com/worldfootball/clubfootball/news/newsid=1626641.html

* A substituição na partida do Botafogo é confusa, visto que Cidinho havia dado o lugar para André Bahia minutos antes do acontecido. Não havia mais ninguém para entrar no lugar de Seedorf. Este post poderá ser editado após averiguação.

Comentários

Publicitário apaixonado por esporte. Fundador do projeto Doentes por Futebol.