Liga Futsal/13: tudo igual no duelo catarinense

  • por Rogério Bibiano
  • 4 Anos atrás

No duelo catarinense das semifinais da Liga Futsal 2013, tivemos, nesta segunda-feira (14) no Centro de Eventos de Concórdia, na homônima cidade de Santa Catarina, a equipe da Passarela/Águia Seguros/IACC/Unimed/Concórdia/Umbro recebendo a Krona Futsal.

Primeiro tempo sem gols

Empurrada pela fanática e empolgada torcida, a Concórdia, ciente da força da equipe joinvilense e da necessidade de conquistar uma vitória em casa, tomou a iniciativa do jogo. A equipe da casa começou pressionando e buscando mais o gol da Krona Futsal, que defendia-se bem, mas não oferecia riscos à meta defendida pelo goleiro Gian. Com isto, o placar não foi alterado.

Marquinhos (10) domina a bola marcado por Daniel Sakai (22). Pivô de Concórdia deixou o seu - foto: reprodução - ligafutsal.com

Marquinhos (10) domina a bola marcado por Daniel Sakai (22). Pivô de Concórdia deixou o seu – foto: reprodução – ligafutsal.com

Segundo tempo de um jogaço de futsal

Na segunda etapa, logo a 1m36s (21m36s do tempo total), o goleiro Tiago avançou, na típica função de goleiro-linha, e quando todos imaginavam um arremate ao gol de Gian, Tiago fez um passe para Deives, que, no pé da trave, tocou de letra. Golaço e Krona Futsal 1 x 0.

A equipe da Concórdia não se intimidou e foi para cima da Krona Futsal, que, por sua vez, não conseguia encaixar com segurança um contra-ataque para aumentar a vantagem. Aos 28m59s, o ótimo ala Felipe, um dos destaques da Liga, recebeu passe em cobrança de falta de Biel, pela ala, dominou com esquerda girando sobre Leco e batendo de pé direito no ângulo de Tiago para empatar o jogo em outro lindo gol.

O gol de empate era o que faltava para “incendiar” a partida, com as duas equipes buscando ampliar o marcador. Aos 33m17s, Marquinhos livrou-se de Pelé, achou Rafinha no fundo da quadra, que devolveu para o próprio Marquinhos tocar “chapado” de esquerda para o fundo das redes de Tiago, virando o para a equipe concordiana.

Pelé (6) conduz a bola, observado por Dé (8). Ala foi um dos melhores jogadores da Krona Futsal - foto: reprodução - ligafutsal.com

Pelé (6) conduz a bola, observado por Dé (8). Ala foi um dos destaques da Krona Futsal – foto: reprodução – ligafutsal.com

A Krona Futsal, que estava um tanto tímida nas ações ofensivas, partiu para cima dos donos da casa, utilizando-se de Café na função do goleiro-linha. Exerceu uma pressão enorme que obrigou o goleiro Gian a executar inúmeras intervenções, além de contar com a sorte, como na bola na trave chutada por Valdin.

Diz o ditado popular, que “água mole em pedra dura tanto bate até que fura”. Sendo assim, a Krona Futsal teve paciência e faltando 56s para o fim, a bola chegou na linha de fundo para Dyego, que, com um ótimo passe na diagonal cruzada, achou Pelé, que, de canhota, chutou de primeira no canto esquerdo de Gian, empatando o jogo em 2×2.
[youtube id=”zgucAngvCfo” width=”620″ height=”360″]
O segundo jogo entre as duas equipes está programado para o dia 03/11, em Joinville. O empate classifica a Krona Futsal. Para a equipe concordiana, somente a vitória interessa. As emoções do futsal, você também confere aqui, no Doentes por Futebol.

Comentários

Natural de Telêmaco Borba-PR e criado em meio à "boemia futebolística", com horas de papo sobre futebol, samba e cervejas na pauta. Influência do pai, que também adorava futebol, e da mãe, que sempre apoiou a iniciativa. Técnico em Eletrônica, formado desde 1999, e fanático por futebol, futsal, futebol de praia, society e todo esporte que tenha no futebol a sua essência.