Liga Futsal/13: é a grande decisão!

  • por Rogério Bibiano
  • 19 Visualizações

INTELLI X CONCORDIA - FAN PAGE

A Liga Futsal 2013 chega à sua final neste domingo (17). A partir das 14h, na Arena João Mambrini, em São Sebastião do Paraíso, o A.D.C. Intelli/Orlândia enfrentará a equipe do Passarela/Águia Seguros/IACC/Unimed/Concórdia/Umbro.

Na primeira partida da decisão, disputada na última segunda-feira (11), na Arena Concórdia, a Intelli/Orlândia venceu de virada por 2×1 (veja os gols abaixo) e agora joga pelo empate para conquistar o bicampeonato. O Concórdia Futsal precisa vencer no tempo normal para levar o jogo para a prorrogação.
[youtube id=”sgoHiOjftgo” width=”620″ height=”360″]
A.D.C. INTELLI/ORLÂNDIA

A tradicional equipe do interior de São Paulo busca o bicampeonato da Liga Futsal. Após a vitória no primeiro jogo, está em grande vantagem na decisão. Conta com um dos maiores investimentos da Liga Futsal 2013, como o ala Falcão, o fixo Ciço, o ala Vinícius, entre outros. Todos seriam naturalmente titulares em qualquer outro time da Liga.

Falcão, um dos maiores jogadores da história da modalidade, faz o passe de letra, observado por Marquinhos (10), no primeiro jogo da decisão - foto: reprodução - futsaldobrasil.com

Falcão, um dos maiores jogadores da história da modalidade, faz o passe de letra, observado por Marquinhos (10), no primeiro jogo da decisão. Ala disputa a sua 9ª final de Liga Futsal – foto: reprodução – futsaldobrasil.com

Apesar da qualidade, a equipe passou por momentos conturbados no primeiro semestre, quando terminou na quarta colocação na primeira fase, além de perder o Mundial Interclubes e também a Liga Paulista de Futsal, gerando certa desconfiança. No total, são 29 jogos, 18 vitórias, 4 empates e 7 derrotas, com 85 gols marcados e 55 sofridos. O técnico Cidão tem duas dúvidas importantes: o goleiro titular da Seleção Brasileira, Guitta, que luta contra o tempo para recuperar-se de lesão, e o pivô Jé, ausente desde as semifinais.

CONCÓRDIA FUTSAL

Em desvantagem na final, começou a Liga como apenas mais um participante, especialmente porque, na temporada 2012, terminou na lanterna da competição. No entanto, foi chegando sem alardes e hoje briga pelo inédito título. Com um investimento abaixo de outros clubes da Liga Futsal 2013, a equipe catarinense apostou em jovens valores muito desconhecidos, se comparados com outros no cenário do salonismo nacional.

Pito, observado por Marinho (7), marcou gols decisivos nos jogos que a equipe de Concórdia fez fora de casa. Pivô é uma das esperanças para reverter a vantagem paulista na decisão deste domingo - foto: reprodução - futsaldobrasil.com

Pito, observado por Marinho (7), marcou gols decisivos nos jogos que a equipe de Concórdia fez fora de casa. Pivô é uma das esperanças para reverter a vantagem paulista na decisão deste domingo – foto: reprodução – futsaldobrasil.com

O discurso do Concórdia Futsal é otimista, apesar de compreender que a missão é muito difícil. O time de Serginho “Bigode” Schiochet espera contar com a boa fase de Joãozinho, que nesta semana foi convocado para a seleção, e, claro, o grande destaque na reta decisiva, o ala Felipe, que não atuou tão bem no primeiro jogo.

Nos 29 jogos, o Concórdia Futsal venceu 12, empatou 10 e perdeu 7. A equipe marcou 80 gols e sofreu 64, com um aproveitamento de 56,32%. Nas fases anteriores, venceu fora de casa o Carlos Barbosa e o Krona Futsal. Espera, com esse retrospecto, surpreender a Intelli/Orlândia.

Natural de Telêmaco Borba-PR e criado em meio à "boemia futebolística", com horas de papo sobre futebol, samba e cervejas na pauta. Influência do pai, que também adorava futebol, e da mãe, que sempre apoiou a iniciativa. Técnico em Eletrônica, formado desde 1999, e fanático por futebol, futsal, futebol de praia, society e todo esporte que tenha no futebol a sua essência.

  • facebook