Números, fatos e curiosidades da final da Euro 2016

Chegou o grande dia da final, quando os portugueses se consagraram, vencendo o maior título da sua história. Seguem as curiosidades, as estatísticas e os números que marcaram a partida.

 

Portugal 1 x 0 França

(na prorrogação)

portugal

– Foi a sexta final de Euro a ir para a prorrogação, a primeira encerrada em 0 x 0 no tempo regulamentar.

– Agora, na história do confronto, temos 18 vitórias francesas, 6 portuguesas e 1 empates.

– Portugal tinha 10 derrotas consecutivas contra a França. A última vitória contra os franceses, em tempo normal, continua datando de 1975.

– Foi a quarta partida oficial entre as equipes. Antes, os franceses haviam vencido em três semifinais: Euro de 1984 (3 x 2), Euro de 2000 (2 x 1) e Copa de 2006 (1 x 0).

– A França se tornou o quarto, de 13 anfitriões, a perder uma final de grande competição em casa. Antes dela, foram derrotados o Brasil (Copa de 1950), a Suécia (Copa de 1958) e Portugal (Euro de 2004). Curiosamente, os brasileiros, que perderam em 1950, venceram em 1958, e os portugueses, que perderam em 2004, venceram em 2016).

– Aliás, a última derrota francesa em casa em uma grande competição havia sido em 1960, na Euro, quando perdeu as duas partidas disputadas. Foram 23 partidas de invencibilidade até este domingo. Os franceses ainda são os últimos anfitriões a vencer uma Euro, em 1984.

– Em oito finais de competições oficiais (Copa, Euro ou Copa das Confederações) ou Jogos Olímpicos, a França nunca perdeu no tempo normal. São agora 6 títulos, uma derrota na prorrogação (nesta Euro) e uma nos pênaltis (na Copa de 2006, contra a Itália).

– Franceses e portugueses decidiram dois europeus de base. Em 1996, Portugal venceu no sub-16, enquanto em 1997 os franceses venceram no sub-18.

– Antes dessa partida, Portugal tinha perdido suas cinco partidas realizadas contra anfitriões de Copas ou Euros.

– Ricardo Carvalho (38 anos e 53 dias) é o campeão mais velho da história da Euro. Renato Sanches (18 anos e 237 dias) o mais novo.

Sanches foi eleito o jogador jovem do torneio. (Foto: UEFA.com)

Sanches foi eleito o jogador jovem do torneio. (Foto: UEFA.com)

– Didier Deschamps perdeu a chance de se tornar o segundo homem a ser campeão como jogador e técnico. O feito continua com Berti Vogts, que venceu em 1972 e 1996.

– Sob o comando de Fernando Santos, Portugal continua invicto, com 10 vitórias e 4 empates.

– Cristiano Ronaldo foi o primeiro jogador a começar dois finais de Euro não-consecutivas. Foi titular em 2004 e 2016.

– Kingsley Coman, com 20 anos e 27 dias, tornou-se o mais jovem francês em uma final de Euro, o quinto no geral.

-Esses são os substitutos que marcaram em finais de Euro:

Jogador Seleção Res. final
Oliver Bierhoff Alemanha – 1996 Campeão
Sylvain Wiltord França – 2000 Campeão
David Trezeguet França – 2000 Campeão
Fernando Torres Espanha – 2012 Campeão
Juan Mata Espanha – 2012 Campeão
Éder Portugal – 2016 Campeão

 

Portugueses comemoram o gol do título. (Foto: UEFA.com)

Portugueses comemoram o gol do título. (Foto: UEFA.com)

 

Estatística curiosa do Misterchip: O confronto entre Cristiano Ronaldo e Pepe contra Griezmann é o primeiro caso de jogadores que se enfrentaram na final da Euro e da Liga dos Campeões na mesma temporada.

Estatística super maluca do Misterchip: Gignac foi o quarto jogador a acertar uma bola na trave em uma final de Euro. Foi a sétima francesa na competição, isolando-se como a equipe que mais chutou na trave em uma única Euro.

Estatística maluca do Opta: Portugal só acertou o gol francês aos 35 minutos do segundo tempo. Foi a equipe que mais demorou para ter um chute correto em finais de Euro, desde 1980.

Estatística nacionalista do Sergio: Pepe foi o segundo jogador nascido no Brasil a vencer uma Euro. O primeiro havia sido Marcos Senna, pela Espanha, em 2008.

– Esses são os jogadores que venceram uma Euro sem nascer na Europa

Ano Jogador País de nascimento Seleção
1984 Jean Tigana Mali França
1988 John van’t Schip Canadá Holanda
2000 Marcel Desailly Gana França
2000 Christian Karembeu Nova Caledônia França
2000 Patrick Vieira Senegal França
2008 Marcos Senna Brasil Espanha
2016 Danilo Guiné Bissau Portugal
2016 Éder Guiné Bissau Portugal
2016 Nani Cabo Verde  Portugal
2016 Pepe  Brasil  Portugal
2016 William Carvalho Angola Portugal

Estatística do Sergio: Portugal era a equipe com mais partidas em Euros sem um título (são agora 38). Agora, a Inglaterra, com 31 partidas, assumiu a posição.

Mais dados históricos curiosos

– Essas são as equipes que chegaram em finais de grandes torneios após serem terceiras colocadas em uma fase de grupos. Já tínhamos falado sobre isso aqui

Seleção Competição Resultado
Argentina Copa do Mundo de 1990 Vice
México Copa América de 1993 Vice
Itália Copa do Mundo de 1994 Vice
Uruguai Copa América de 1999 Vice
Paraguai Copa América de 2011 Vice
Portugal Euro 2016 CAMPEÃO

 

– Essas equipes jogaram três prorrogações em uma mesma edição de um grande torneio:

Seleção Competição Resultado
Bélgica Copa do Mundo de 1986 Quarta colocada
Inglaterra Copa do Mundo de 1990 Quarta colocada
Costa do Marfim Copa da África de 1992 Campeã
Coréia do Sul Copa da Ásia de 2007 Terceira colocada
Panamá Copa Ouro de 2015 Terceira colocada
Portugal Euro de 2016 Campeã

 

– Esses são os jogadores que venceram a Liga dos Campeões (ou Copa da Europa) e Euro (ou Campeonato Europeu) no mesmo ano:

Ano Jogador Clube Seleção
1964 Luis Suárez Internazionale Espanha
1988 Hans van Breukelen PSV Holanda
1988 Ronald Koeman PSV Holanda
1988 Berry van Aerle PSV Holanda
1988 Gerald Vanenburg PSV Holanda
1988 Wim Kieft PSV Holanda
2000 Nicolas Anelka Real Madrid França
2000 Christian Karembeu Real Madrid França
2012 Fernando Torres Chelsea Espanha
2012 Juan Mata Chelsea Espanha
2016 Pepe Real Madrid Portugal
2016 Cristiano Ronaldo Real Madrid Portugal

 

pepe

 

 

– Portugal entrou agora na lista das equipes europeias com grandes títulos. Foi a 10ª a vencer uma Euro, 11ª a vencer uma grande competição e 17ª a conseguir tal feito incluindo os Jogos Olímpicos na lista.

Equipe Copas Euros Copa das Confederações Jogos Olímpicos
Alemanha 4 3
Itália 4 1 1
França 1 2 2 1
Espanha 1 2 1
Inglaterra 1 3 (GBR)
Holanda 1
URSS/Rússia 1 2
Tchecoslováquia 1 1
Dinamarca 1 1
Grécia 1
 Portugal 1
Hungria 3
Iugoslávia/Sérvia 1
Polônia 1
Alemanha Oriental 1
Suécia 1
Bélgica 1

 

Sergio Rocha é torcedor do Madureira e sempre teve o sonho de escrever sobre esportes em geral, embora tenha optado pela carreira de engenheiro civil. No "currículo", cadernos recheados de resultados esportivos e agendas da década de 90, quando antes da internet acessava rádios de diversos locais do país buscando os resultados esportivos do Acre à Costa Rica. Além de fanático por futebol, é fanático por praticamente todos os esportes, e no tempo livre que sobra sempre busca os últimos resultados esportivos do PGA Tour ou dos futures da ATP. Além disso, coleciona quadrinhos da Disney e é louco por astronomia.

  • facebook
  • twitter