Hora de valorizar os campeões

Favorito desde as projeções iniciais, o Corinthians venceu o Batatais e conquistou, nesta quarta-feira (25), a décima Copa São Paulo de sua história. Um título incontestável, com nove vitórias em nove jogos, que consagrou o técnico Osmar Loss, campeão em 2015 e vice em 2014 e 2016. Um título que, acima de tudo, mostra que o trabalho de formação do clube está no caminho certo.

Não há dúvidas de que o grande nome da equipe ao longo da campanha foi Pedrinho, craque da Copinha. Pouco badalado, o meia brilhou desde a goleada sobre o Pinheiro-MA, na fase de grupos. Com gols importantes e passes precisos, ajudou a consagrar o centroavante Carlinhos, outrora contestado, como o artilheiro do torneio. Ambos, aliás, merecem ser aproveitados entre os profissionais, e o mesmo vale para o capitão Mantuan.

Além do trio supracitado, outras peças também foram importantes. O meia Fabrício Oya cresceu na hora certa, após um início pouco empolgante. E o que dizer do coadjuvante Marquinhos, essencial no mata-mata e melhor em campo na decisão? Destaque, ainda, para o goleiro Felipe, o zagueiro Del’Amore e o lateral esquerdo Guilherme Romão, todos com boa projeção de futuro.

Em função do inchaço do elenco profissional e a limitação de inscritos para o Paulistão, ainda não é possível cravar como será o aproveitamento dos atletas campeões. Convém lembrar que Fábio Carille já tem a disposição nomes como Léo Santos, Guilherme Arana, Maycon e Léo Jabá – os quatro estão disputando o Sul-Americano Sub-20 –, e a presença de Loss como auxiliar técnico será de suma importância nessa transição.

O futebol é uma “caixinha de surpresas”. Há o garoto que vinga, há o prodígio que decepciona, ser destaque na base nem sempre é sinônimo de carreira bem sucedida. Mas, diante do contexto atual, é incoerente não apostar nos garotos e dar espaço a nomes como Yago, Jean, Paulo Roberto e Mendoza, por exemplo. Chegou a hora do Corinthians valorizar seus pratas da casa! Que a transição seja bem-feita… E que nenhum talento se perca pelo caminho!

Campanha do campeão

Primeira fase
Corinthians 6 x 0 Pinheiro-MA
Corinthians 4 x 0 Operário-MS
Corinthians 3 x 2 Taubaté-SP

Mata-Mata
Corinthians 5 x 1 Manthiqueira-SP
Corinthians 2 x 1 Coritiba-PR
Corinthians 3 x 1 Internacional-RS
Corinthians 2 x 1 Flamengo-RJ
Corinthians 3 x 0 Juventus-SP
Corinthians 2 x 1 Batatais-SP

Principais Artilheiros
11 gols – Carlinhos
5 gols – Pedrinho
4 gols – Mantuan e Marquinhos
2 gols – Fabrício Oya e Guilherme Romão