DOENTES POR FUTEBOL

Três perguntas para Tiepo, herói da Chapecoense

Já era madrugada desta quarta-feira quando conseguimos contato com Giovanni Tiepo, goleiro e herói da Chapecoense na disputa de pênaltis que eliminou o favorito São Paulo da Copinha, na noite de terça. O jovem de 18 anos esbanjava alegria após defender a cobrança de Eder Militão, e, na companhia do reserva Douglas Schineider, companheiro de quarto no hotel que hospeda o clube, em Porto Feliz, não conseguia dormir.

ODD Shark

Saiba de todos os detalhes no Guia da Copinha

Tiepo conversou com o Olheiros. E fez questão de dedicar a façanha ao ídolo Danilo, uma das vítimas da tragédia que comoveu o mundo do futebol há pouco mais de um mês. Confira:

Olheiros – Qual a sensação de fazer história com a camisa da Chapecoense?

Tiepo – A sensação é a melhor possível, ter passado dessa fase é algo inédito para a Chapecoense. Estamos muito felizes, sem palavras. O jogo foi “coisa linda”, muito gratificante ver o reconhecimento da torcida, que apoiou nosso time do primeiro ao último minuto. A cada lance eles vibravam, comemoravam. Quanto terminou e classificamos, metade dos torcedores não foi embora, queriam tirar foto, que autografássemos camisa, bandeira. Contamos com eles na próxima partida.

VEJA: Transmissões da Copa São Paulo de Futebol Júnior 2017

Olheiros – Foi impossível não lembrar do Danilo…

Tiepo – A defesa foi para o Danilo, sim, ele sempre pegava pênalti. Uma inspiração muito forte, nunca desistiu de seus sonhos, ganhou o carinho de todos. Sempre nos elogiava, eu e o Douglas (Schneider, goleiro reserva), quando treinávamos com ele. Uma pessoa muito humilde. um baita goleiro, um cara espetacular.

Olheiros – E o que esperar da Chape no confronto contra o Capivariano?

Tiepo – As expectativas são as melhores possíveis. Nosso objetivo é classificar, mas sem passar por cima de ninguém, com os pés no chão e humildade, trabalhando como sempre trabalhamos. Acreditamos no nosso time, no nosso potencial.

FICHA TÉCNICA

Nome: Giovanni Silva Tiepo
Posição: Goleiro
Data de nascimento: 08/02/1998
Naturalidade: São Domingos-SC
Clubes: Internacional e Chapecoense (desde 2013)
Destaque: Herói da classificação da Chape para a terceira fase da Copa São Paulo

Resultados da segunda fase:

Palmeiras-SP 0 x 1 Sport-PE
Batatais-SP 3 (5) x (4) 3 Ferroviária-SP

São Carlos-SP 3 x 2 Independente-SP
Botafogo-SP 1 (2) x (4) 1 Vasco da Gama-RJ

Paulista-SP 1 x 0 Atlético Goianiense-GO
Vitória-BA 0 x 1 Red Bull Brasil-SP

São Paulo-SP 0 (2) x (4) 0 Chapecoense-SC
Nova Iguaçu-RJ 2 x 3 Capivariano-SP

Primavera-SP 3 x 2 Santa Cruz-PE
Ituano-SP 1 (4) x (3) 1 Atlético Paranaense-PR

O conteúdo acima é de responsabilidade expressa de seu autor. O Doentes por Futebol respeita todas as opiniões discordantes e tem por missão promover o debate saudável entre ideias.