Balanço das Eliminatórias da América do Sul para a Copa do Mundo

  • por Victor Gandra Quintas
  • 8 Meses atrás

As Eliminatórias da América do Sul para a Copa da Rússia testemunharam uma metamorfose histórica. Após a troca de comando na Seleção Brasileira, o escrete canarinho não parou mais de vencer, dar espetáculo e carimbou o passaporte para o Mundial de 2018. Tite superou Dunga em todos os aspectos e classificou o Brasil com 04 rodadas de antecedência. Se no Brasil a fase é excelente, noutros países não se pode dizer o mesmo.

A décima quarta rodada das Eliminatórias da América do Sul revelou algumas situações surpreendentes. Como a má fase da Argentina. Os hermanos correm risco de ficar de fora da Copa. Hoje ocupam a posição de repescagem.

Colômbia, Uruguai e Chile estão nas primeiras colocações. E só dependem de suas forças para garantir vaga na Copa do Mundo. A Colômbia venceu o Equador (fora) e assumiu a segunda colocação das eliminatórias. O Uruguai, apesar da derrota para o Peru, se manteve entre os quatro. O Chile venceu a Venezuela (3×1), num jogo em que dominou completamente no primeiro tempo. Mas quase passou sufoco na segunda etapa.

Sem Messi, e agora?

Já a Argentina lamenta duplamente as duas últimas partidas: perdeu para a Bolívia no último jogo e, apesar de ter vencido o Chile no dia 23, teve Messi suspenso por 4 jogos, por agredir verbalmente o auxiliar na partida. O craque só estará disponível na última rodada das Eliminatórias.

A próxima rodada promete um jogo tenso entre Uruguai e Argentina, no Uruguai. E pode agravar ainda mais a crise na AFA. Uma derrota pode empurrar os hermanos para a sétima colocação.

 

Sonhar não custa nada

Seguindo a classificação, Equador, Peru e Paraguai ainda sonham em conseguir uma vaga. Ainda possuem boas chances, apenas seis pontos separam o segundo do oitavo colocado. Faltam 12 pontos a serem disputados. Apenas a Bolívia e a Venezuela estão eliminadas.

Destaques individuais

Quer ter certeza que um jogo de Eliminatórias da América do Sul será recheado de gols? Basta colocar estas feras em campo e ver a mágica acontecer: Neymar, Alexis Sánchez, James Rodríguez e Gabriel Jesus são os caras do certame.

Homens-gol das Eliminatórias da América do Sul

Seja empurrando a bola para as redes, seja servindo um companheiro de ataque, o fato é que tais jogadores têm demonstrado qualidade excepcional em atacar por suas seleções.

Comentários

Natural de Belo Horizonte. Torcedor do Cruzeiro e da Juventus. Um Doente por Futebol. Desde pequeno um apreciador do esporte mais popular do mundo, preferindo mais em acompanhar do que jogar (principalmente por não ter talento algum com a bola).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.