Folha salarial dos clubes italianos

  • por Tiago Lima Domingos
  • 7 Anos atrás

 

Já imaginou uma pesquisa feita, aqui no Brasil, mostrando aos torcedores o quanto seu clube de coração gasta com salários de jogadores e toda a folha salarial de um ano todo? Utopia, né? Mas na Itália a coisa não funciona dessa maneira. Os clubes, que são empresas, oferecem transparência e informam ao torcedor o quanto o clube gasta com cada atleta de sua equipe.

Qual jogador é o mais bem pago? Quem ganha mais do que devia? Quem ganha menos? Foi o que o jornal Gazzetta dello Sport apresentou nesta terça-feira aos seus leitores e nós mostraremos a vocês a partir de agora.

Buffon, De Rossi e Sneijder recebem €6 milhões/ano e são os mais bem pagos da Série A. Um milhão abaixo por ano vem Francesco Totti. Recebendo €4,5 milhões aparecem os matadores Diego Milito e Edinson Cavani, este último com contrato recém renovado. Com €4 milhões/anuais temos os primeiros brasileiros da lista. Robinho e Pato recebem esta quantia no Milan, junto ao zagueiro Mexes. Recebendo o mesmo valor, e fechando o Top 10, está Cambiasso, da Inter.

Entre os treinadores, quem lidera a lista é Antonio Conte, campeão com a Juventus que recebe €3 milhões por ano. Atrás, com €2,5 milhões, está Walter Mazzarri, do Napoli. E recebendo 100 mil euros a menos aparece o técnico Massimiliano Allegri do Milan. Os três treinadores, por exemplo, recebem menos que Felipão e Muricy Ramalho, treinadores aqui no Brasil. Nomes como Francesco Guidolin, que por duas vezes seguidas levou a Udinese à Champions League, recebe a quantia de 170 mil reais por mês. Cabe até uma reflexão de que os treinadores aqui estão supervalorizados.

Falando dos clubes, a crise europeia atingiu também a Itália, que aos poucos vai tentando diminuir os altos gastos com salários de jogadores. O Milan continua sendo o líder em gastos anuais considerando-se toda sua folha de pagamento. São €120 milhões/ano. Número que foi reduzido em relação aos €180 milhões/ano da última temporada, devido às saídas de Ibra, Thiago Silva, Cassano, e dos ‘senadores’ Seeforf, Gattuso, Nesta, entre outros, que reduziram a (gorda) folha do clube. Logo atrás, aparecem Juventus (€115 milhões/ano), Inter (€100 milhões. 40 milhões a menos que na última temporada), Roma (€95 milhões) e Lazio (€66,2 milhões). Já o recém-promovido Pescara gasta apenas €10,8 milhões com salários durante todo o ano.

Curiosidades:

O jogador brasileiro Phillipe Coutinho recebe “apenas” cerca de R$ 130 mil/mês. Hernanes ganha em torno de R$ 350 mil/mês.
O 3º maior salário da Juventus é de Iaquinta, que vive encostado no clube, mas todo final de mês cai na conta dele cerca de R$
650 mil/mês. O maior salário da Sampdoria é de Palombo, outro jogador encostado no clube.

Confira no link abaixo o salário de todos os jogadores dos 20 clubes da Série A Italiana e tire suas próprias conclusões:

http://footballmanagerforum.forumfree.it/?t=63106518

Comentários

Carioca e rubro-negro. Do Rio de Janeiro a Milão. Doente por futebol, é claro. E apaixonado pelo Calcio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.