Terceira rodada da Champions League.

  • por Igor Leal da Fonseca
  • 8 Anos atrás

 

Grupo A

Porto 3×2 Dinamo de Kiev – Varela, Martinez(2) x Husyev, Ideye
D. Zagreb 0x2 PSG – Ibrahimovic, Ménez

Porto e PSG vão encaminhando suas vagas para as oitavas de final. A única dúvida é definir a posição no grupo. Atualmente, o Porto lidera com 100% de aproveitamento e o PSG tem 6 pontos.

Grupo B

Arsenal 0x2 Schalke – Huntelaar, Afellay
Montpellier 1×2 Olympiacos – Charbonnier x Torosidis, Mitroglou

Bela vitória do Schalke contra o concorrente direto pela liderança numa semana que também venceu o maior rival fora de casa, abrindo vantagem para o 4º colocado na Bundesliga. O Arsenal segue na sua eterna sina de ‘’nunca ir’’. No outro jogo, o Olympiacos fez seus primeiros pontos na edição atual da Champions.

Grupo C

Zenit 1×0 Anderlecht – Kerzhakov
Málaga 1×0 Milan – Joaquin

O Málaga é a surpresa desta Champions. Depois da venda de jogadores importantes e da crise financeira da equipe, era senso comum afirmar que seria presa fácil. Além de não ser presa fácil, venceu seus três jogos e mantém os 100% de aproveitamento. Detalhe: nenhum gol sofrido em três jogos. Já o Milan, esse não surpreende ninguém. Perdeu mais uma na temporada e segue fazendo o esperado: vergonha.

Grupo D

Ajax 3×1 Manchester City – De Jong, Moisander, Eriksen x Nasri
Borussia Dortmund 2×1 Real Madrid – Lewandowski, Schmelzer x Cristiano Ronaldo

Se o Málaga é a surpresa, o City é a decepção. Um ponto em 3 jogos e terminou o turno na lanterna. Péssimo trabalho de um treinador que tem uma das equipes mais caras do mundo em mãos. No outro jogo, grande vitória do Dortmund sobre o Madrid, num grande jogo. O Dortmund mostra que a eliminação prematura na temporada passada não foi nada além de inexperiência.

Grupo E

Nordsjaelland 1×1 Juventus – Beckmann x Vucinic
Shakhtar 2×1 Chelsea – Alex Teixeira, Fernandinho x Oscar

A Juventus empata pela nona vez seguida em jogos por competições europeias (6 da UEL na temporada passada, 3 empates nessa Champions). O time ainda sente a falta de um atacante mais qualificado. No outro jogo, o Shakhtar venceu o Chelsea com grande partida de William (pretendido pelo clube inglês no começo dessa temporada) e assumiu a ponta. A força do clube na Ucrânia começa a aparecer também na Europa. O destaque do Chelsea fica por conta de mais um gol do Oscar na temporada. (O terceiro nesta Champions League)

Grupo F

BATE 0x3 Valencia – Soldado(3)
Lille 0x1 Bayern – Muller

Grupo completamente embolado, com Valencia, BATE e Bayern com 6 pontos. O Lille não somou pontos e não deve avançar. Destaque para o hattrick de Soldado e por mais uma boa partida de Thomas Muller, que garantiu a importante vitória do Bayern fora de casa.

Grupo G

Spartak 2×1 Benfica – Rafael Carioca, Jardel(GC) x Lima
Barcelona 2×1 Celtic – Iniesta, Alba x Samaras

O Barcelona passou um grande sufoco contra o Celtic. Sem Puyol, Piqué, Alves, Abidal e Busquéts, a equipe passou apuros nas bolas aéreas e assim o Celtic abriu o placar. O Barcelona empatou no fim do primeiro tempo e conseguiu a vitória apenas nos acréscimos, com um gol de Alba aos 94 minutos. No outro jogo, o Benfica perdeu novamente e vai se complicando na Champions League.

Grupo H

Galatasaray 1×1 Cluj – Burak Yilmaz x Nouenku
Manchester United 3×2 Braga – Chicharito(2), Evans x Alan(2)

A surpresa Cluj saiu na frente do Galatasaray, mas não conseguiu segurar o resultado e sofreu o empate. Felipe Mello desperdiçou uma penalidade para o time turco. No outro jogo, o United passou aperto. Em 20 minutos o Braga fez 2×0, mas um gol de Chicharito aos 25 minutos do primeiro tempo colocou o United no jogo novamente e no segundo tempo a equipe sufocou o Braga e virou o jogo, se mantendo com 100% na fase de grupos.

Comentários

33 anos, morador do Rio de Janeiro. Rubro Negro de coração, apaixonado pelo Maracanã, tem no Barcelona o exemplo de clube para o que entende como futebol perfeito, dentro e fora do campo. Estudioso da memória do futebol, tem nessa sua área de maior atuação no site, para preservar a memória do esporte. Dedica especial atenção aos times mais alternativos, equipes que tiveram grandes feitos, mas que não são tão lembradas quanto as maiores do mundo. Curte também futebol do centro e do leste da Europa, com uma coluna semanal dedicada ao assunto. Um Doente muito antes de fazer parte desse manicômio, sua primeira memória acadêmica é uma redação sobre o Zico, na qual tirou 10 e a mesma foi para o mural da escola. Nunca trabalhou com futebol dessa forma, mas adora o que faz junto com o restante do pessoal e se pergunta o porquê de não ter começado com isso antes. Espera recuperar o ''tempo perdido''. Acha Lionel Messi o melhor que viu jogar e tem em Zico, Petkovic e Ronaldo Angelim como heróis.