The Strongest fatura tri inédito na Bolívia

  • por Mauricio Fernando
  • 8 Anos atrás
The Strongest - tri inéditoFoto: La Razón.com

The Strongest – tri inédito
Foto: La Razón.com

O The Strongest pode comemorar no último final de semana em seu estádio, o tri campeonato boliviano consecutivo, com a conquista do Apertura 2012, consagrando a hegemonia “atrigrada” nos últimos dois anos. Foi o primeiro tri campeonato consecutivo da história da Liga Boliviana desde que ela se estabeleceu, em 1977. Foi ainda, o décimo título nacional do Strongest, segundo maior campeão do país, historicamente atrás apenas do Bolívar, que possui 17 conquistas.

Foi uma conquista relativamente tranqüila, que veio com uma rodada de antecipação, na semana passada com um empate diante do Real Potosí, em Potosí. A festa prosseguiu durante a semana, com a consagração diante da torcida no estádio Hernando Siles, em La Paz e mais um empate, desta vez em ritmo de treino, sem preocupações, contra o Bolívar, 1×1.

Pablo Escobar, o destaque.Foto> La Razón.com

Pablo Escobar, o destaque.
Foto> La Razón.com

O grande destaque da equipe treinada por Eduardo Villegas é conhecido dos brasileiros. Com passagens por Ipatinga, Santo André, Mirassol, Ponte Preta e Botafogo-SP aqui no Brasil, foi na Bolívia que Pablo Escobar se encontrou. Artilheiro do time com 21 gols, Escobar travou um duelo excepcional pela artilharia da competição com Carlos Saucedo do San José, vice-campeão. Saucedo acabou levando a melhor nesta disputa com os quatro gols marcados na última rodada, terminando com 24 tentos em 22 rodadas, mas o que importa é que o título foi para o Strongest, e Escobar eleito pela maior parte dos especialistas, o grande nome da competição. Outro destaque foi o meio Alejandro Chumacero, talentoso meia de 21 anos, que vem sendo convocado com frequência pela seleção do país.

A campanha do The Strongest mostra um título incontestável. Foram 13 vitórias, 6 empates e 3 derrotas. 45 pontos conquistados, quatro a mais que o vice San José. 53 gols marcados pelo melhor ataque da competição, e apenas 31 gols sofridos. O campeão The Strongest e o vice San José se classificaram a Taça Libertadores de 2013, enquanto que Oriente Petrolero e Bolívar jogam nesta próxima quarta feira pela terceira e última vaga boliviana no torneio continental.

Equipe base do campeão: Daniel Vaca, Diego Bejarano, Jair Torrico, Luis Méndez, Marcos Barrera; Walter Veizaga, Sacha Lima, Nelvin Soliz, Alejandro Chumacero; Pablo Escobar e Reyna Figueroa. Técnico: Eduardo Villegas.

 

Comentários

21 anos, morador de Maringá-PR. Corintiano de coração, aprendi ainda a ser Liverpool, na Europa. Como Doente por Futebol, acompanho diariamente jogos, jogadores e tudo o que acontece acerca deste apaixonante esporte. Minha função por aqui será de analisar e informar tudo o que rola na América do Sul e no México. Responsável ainda pelas colunas "Craque DPF" e "Futebol na Mídia".