Cifras: Corinthians vs Flamengo

  • por Fernando Carreteiro
  • 7 Anos atrás

COR X FLA

 

Corinthians está aproveitando sua excelente fase pra renegociar todos seus contratos e adquirir novos patrocinadores. Com isso pode-se ter certeza que estão conseguindo extrair até os últimos centavos dos seus parceiros.

Já o Flamengo ainda está no campo da promessa. A nova diretoria está correndo atrás do prejuízo de décadas de atraso do clube e tentando convencer os investidores que o clube chegará a um profissionalismo jamais visto na Gávea.

Apesar dessa discrepância no momento dos clubes, as receitas provenientes de patrocinadores em 2013 são praticamente as mesmas para ambos, o que pode ser visto no quadro abaixo:

Valores aproximados estimados para o ano de 2013

Valores aproximados estimados para o ano de 2013



Algumas considerações:

  • O Flamengo deve adotar uma tática de rodízio de três patrocinadores, que revezarão entre os três principais espaços de camisa (peito, manga e ombro). Por isso os valores idênticos apresentados.
  • Corinthians descartou a exploração da barra da camisa, segundo o jornalista Erich Beting. O Flamengo apenas cumprirá o contrato com a Cosan até fevereiro e também não deve explorar este espaço.
  • Os valores dos contratos dos fornecedores de materiais esportivos foram retirados do blog De Prima do grupo LANCE. Em comum para ambos os clubes está o fato dos contratos terem duração de 10 anos.
  • Continuando nestes contratos com Adidas e Nike, existem muitas variáveis que podem acarretar em alavancagem de renda para os clubes, como royalties de venda, por exemplo, o que pode, de certo modo, alterar o equilíbrio comparativo.


Pode-se concluir que apesar da atmosfera de concorrência entre os valores comerciais destes dois clubes, as evoluções contratuais de um ajudam na negociação do outro. E isso pode acelerar as negociações dos demais clubes do Brasil também, gerando mais investimento pro futebol brasileiro. Por enquanto, os rivais apenas choram com as cifras de Corinthians e Flamengo. Fluminense e Palmeiras manifestaram indignação com a Adidas devido a seus contratos com a empresa alemã serem bem inferiores ao do Flamengo. Já o São Paulo preferiu contestar supostas influências para o Corinthians assinar com a Caixa Econômica.

Comentários