Mundial de Clubes 2012: Monterrey e Al-Ahly classificados para as semifinais.

  • por Rogério Bibiano
  • 8 Anos atrás

Na manhã deste domingo, foram conhecidos os dois últimos semifinalistas do Mundial de Clubes FIFA 2012, que farão companhia a Corinthians e Chelsea, em jogos programados para quarta-feira e quinta-feira próximos.

Mundial de Clubes FIFA 2012. De Nigris e Delgado comemoram o gol que selou a vitória dos “Rayados”.
Foto: Agência EFE.

ULSAN HYUNDAI 1 X 3 MONTERREY

No primeiro jogo deste domingo, em Toyota, os sul-coreanos do Ulsan Hyundai, campeões da Ásia, enfrentaram os mexicanos do Monterrey pelo direito de jogar contra o Chelsea, na semifinal do torneio.
Favorito, o Monterrey comandou o jogo desde o início e logo aos nove minutos do primeiro tempo abriram o placar. Após cruzamento da direita, Aldo de Nigris foi inteligente e tocou no meio para Jesus Corona, que chegava pelo outro lado sozinho e só teve o trabalho de escorar para o gol.

O gol deu a vantagem que o Monterrey precisava, já que o Ulsan pouco atacava, e a equipe relaxou. Tanto que o segundo gol só aconteceu aos 32 minutos do segundo tempo, quando o ataque mexicano trocou passes rápidos, Jesus Corona tocou de calcanhar para De Nigris, que não foi fominha e achou César Delgado para marcar.

Apenas sete minutos depois, o próprio Delgado marcou o terceiro e definiu a vitória do time do México. Ele recebeu passe de Ayovi na entrada da área, ameaçou bater e cortou para o meio. Depois, tocou no canto direito do goleiro. Aos 43 minutos, Keunho Lee arriscou de longe, Orozco aceitou e o Ulsan marcou seu gol de honra.

FICHA TÉCNICA

Data: 09/12/2012
Horário: 05h00 (horário de Brasília)
Local: Toyota Stadium; Toyota-JAP
Público: 20.353 torcedores.
Árbitro: Cuneyt Cakir-TUR.

Cartões Amarelos: Shinwook Kim (Ulsan); Jonathan Orozco, Meza, Chávez (Monterrey).
Gols: Jesus Corona, aos 9 minutos do primeiro tempo. César Delgado, aos 32 e aos 39, e Keunho Lee, aos 43 minutos do segundo tempo.

ULSAN HYUNDAI: Kim Youngkwang; Lee Yong, Kwak Taehwi, Kim Youngsam (Lee JaeSung) e Kim Chigon; Lee Ho, Kim Seung Yong (Ko Changhyun) e Juan Estiven Velez; Rafinha, Kim Shinwook (Maranhão) e Lee Keunho. Técnico: Kim Ho Kon.

MONTERREY:  Jonathan Orozco; Meza, Chávez, Basanta e Hiram Mier; Sergio Pérez, Jesus Corona (Morales) e Neri Cardozo (Solis); De Nigris, Ayovi e César Delgado (Carreno). Técnico: Victor Vucetich.

 

Mundial de Clubes FIFA 2012. Aboutrika comemora o gol da vitória com o treinador Hossam El Badry, juntamente com Ahmed Fathi e Walid Soliman.
Foto: Agência EFE.

SANFRECCE HIROSHIMA 1 X 2 AL-AHLY

No segundo jogo do dia, em Toyota, o Sanfrecce Hiroshima, empolgado pela vitória na estreia da competição, enfrentou a experiente equipe do Al-Ahly, disputando o direito de enfrentar o Corinthians, nas semifinais do Mundial.

O Al-Ahly, com uma formação tática mais cautelosa num 3-5-2, enfrentou um Sanfrecce Hiroshima que na prática adentrou em campo num 3-6-1, nitidamente respeitando o favoritismo africano. O Al-Ahly coemçou pressionando. Aos treze minutos de jogo, Nagib recebeu enfiada de bola pelo lado direito, passou pelo marcador, chegou à linha de fundo, levantou a cabeça e rolou para a marca do pênalti. Hamdi se posicionou bem e, sozinho, tocou para o gol vazio.

O gol acordou o Sanfrecce, que já não podia mais ficar só se defendendo. Desta forma, a equipe foi para cima, criando as primeiras oportunidades e passando a ter o controle do jogo, contando também com o recuo excessivo do Al-Ahly. Após cobrança de escanteio, a zaga do Al Ahly afastou mal, Mikic aproveitou e tocou de cabeça para Sato, que bateu de primeira, com a bola passando por baixo de Ekramy, empatando o jogo. O Sanfrecce criou mais duas grandes oportunidades antes do intervalo, mas falhou nas finalizações.
As chances perdidas pelo Sanfrecce fariam falta e logo na volta para o segundo tempo o Al Ahly voltou a ficar em vantagem. Aos onze minutos, o veterano Aboutrika, de 34 anos, recebeu lançamento pela direita, ganhou na disputa de corpo com o zagueiro e saiu de frente para o gol. Tranquilo, apenas tirou de Masuda para marcar. Ao contrário do que aconteceu no primeiro tempo, o gol acuou o Sanfrecce. Aos 35 minutos, aconteceu o lance que definiu a partida. Em uma ótima enfiada de bola, Morisaki achou o atacante Sato sozinho. O artilheiro do último Campeonato Japonês arrancou sozinho da intermediária, teve tempo de ajeitar o corpo e bater de esquerda, mas errou o alvo e jogou para fora a última chance do Sanfrecce.

FICHA TÉCNICA

Data: 09/12/2012
Horário: 08h30 (horário de Brasília)
Local: Toyota Stadium; Toyota-JAP
Público: 27314 torcedores.
Árbitro: Carlos Vera-ECU.

Cartões Amarelos: Kazu Morisaki (Sanfrecce); Soliman, Ashour, Trezeguet, Gomaa (Al Ahly).
Gols: Hamdi, aos 13, e Hisato Sato, aos 31 minutos do primeiro tempo. Aboutrika, aos 11 minutos do segundo tempo.

SANFRECCE HIROSHIMA: Shusaku Nishikawa (Takuya Masuda); Mizumoto, Chiba e Ryota Moriwaki (Seok-Ho); Yojiro Takahagi, Mikic, Aoyama, Koji Morisaki, Kazu Morisaki e Kohei Shimizu (Yamagishi); Hisato Sato. Técnico: Hajime Moriyasu.

AL AHLY: Sherif Ekramy; Gomaa, Nagib e Fathi; Ashour, Said, Ghaly (Aboutrika), Kenawy e Soliman (Barakat); Hamdi (Trezeguet) e Gedo. Técnico: Hossam El Badry.

Comentários

Natural de Telêmaco Borba-PR e criado em meio à "boemia futebolística", com horas de papo sobre futebol, samba e cervejas na pauta. Influência do pai, que também adorava futebol, e da mãe, que sempre apoiou a iniciativa. Técnico em Eletrônica, formado desde 1999, e fanático por futebol, futsal, futebol de praia, society e todo esporte que tenha no futebol a sua essência.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.