Raio X do Chelsea

  • por Gregor Vasconcelos
  • 8 Anos atrás

Fundado por Henry “Gus” Mears em 1905, o Chelsea é um clube de Fulham, Londres. Apesar de ter passado a maior parte de sua história na 1ª Divisão Inglesa e ganhar algumas copas, o Chelsea nunca foi um dos times mais tradicionais do país.

O clube virou grande da noite pro dia com a chegada de Abramovich, em 2003. De lá pra cá, o Chelsea ganhou três Premier Leagues e quatro FA Cups. Antes da chegada de Abramovich, o Chelsea havia ganho apenas um titulo inglês, em 1955. No ano passado, o time finalmente conseguiu vencer a tão cobiçada Uefa Champions League pela primeira vez em sua história, ironicamente na pior temporada desde a chegada do bilionário russo ao clube.

O Sistema de Jogo:

Foto: Reuters – Mata, Hazard e Oscar são a principal força do Chelsea

O título da Champions League significou o fim do ciclo de alguns jogadores, e o grande objetivo do Chelsea para a temporada era a renovação. Durante a janela de transferências, o dinheiro foi investido em jovens meias talentosos. Oscar, Hazard, Marin e Moses foram contratados e, juntamente com Juan Mata, são o ponto forte da equipe.

Com Roberto di Matteo, o time jogava um futebol ofensivo, com Oscar, Hazard e Mata encarregados da criação de jogadas. Mas o técnico não aguentou a pressão após a primeira sequência de maus resultados e foi substiuido por Rafa Benítez. Em seus primeiros jogos, o Chelsea de Benítez foi mais negativo que o de Di Matteo. Moses substituiu Oscar para dar mais força ao meio campo e recompor na marcação. Apesar dos resultados ruins nos primeiros jogos, e de contar com o ódio da torcida do Chelsea, duas vitórias nos dois últimos jogos aliviaram um pouco a situação do novo treinador, mas mesmo assim o técnico passa longe de ter o apoio da torcida.

Enquanto o meio ofensivo é o ponto forte dos Blues, a parte defensiva é o calcanhar de Aquiles do time. Com John Terry sempre machucado, David Luiz e Gary Cahill vem formando uma dupla de zaga vulnerável que falha com muita frequência. Os jogadores também não são ajudados pelo meio campo, que não recompõe e expõe a zaga a muitos ataques no jogo. Em compensação, Peter Cech vive grande fase e consegue amenizar parte dos problemas defensivos.

O elenco do Chelsea para a temporada foi mal montado, muitos meias contratados, mas nenhum jogador relevante chegou para a defesa. Parece que a reta final da Champions League mascarou que a zaga foi o ponto fraco do time durante toda a temporada.

O Caminho para o Mundial:

Apesar de estar por várias vezes prestes a ser eliminado, o Chelsea mostrou uma força absurda para reverter os resultados. Confira a campanha da equipe na UCL 2011/12:

Chelsea 2-0 Bayer Leverkusen
Valencia 1-1 Chelsea
Chelsea 5-0 Genk
Genk 1-1 Chelsea
Bayer Leverkusen 2-1 Chelsea
Chelsea 3-0 Valencia
Napoli 3-1 Chelsea
Chelsea 4-1 Napoli
Benfica 0-1 Chelsea
Chelsea 2-1 Benfica
Chelsea 1-0 Barcelona
Barcelona 2-2 Chelsea
Bayern de Munique 1(3)-1(4) Chelsea

O Elenco para o Mundial :

1 Petr Cech
22 Ross Turnbull
40 Hilário
2 Branislav Ivanovic
3 Ashley Cole
4 David Luiz
19 Paulo Ferreira
24 Gary Cahill
28 César Azpilicueta
34 Ryan Bertrand
7 Ramires
8 Frank Lampard
11 Oscar
12 John Obi Mikel
17 Eden Hazard
21 Marko Marin
35 Lucas Piazón
9 Fernando Torres
10 Juan Mata
13 Victor Moses
23 Daniel Sturridge

Comentários

Torcedor fanatico do Arsenal e do Flamengo, Gregor é fã de longa data da Premier League, acompanhando a liga avidamente há 10 temporadas. Formado em linguística inglesa pela universidade King's College em Londres, agora faz mestrado em linguistica e literatura na universidade de Zurich. Colunista da extinta revista "Doentes por Futebol", hoje é o editor de futebol inglês no site.