Vélez campeão argentino!

  • por Mauricio Fernando
  • 8 Anos atrás

Foto: Javier Garcia Martino/Photogamma

A Argentina conheceu neste domingo o campeão do Torneo Inicial 2012: o Vélez Sarsfield, clube que voltou a se destacar desde a chegada do ótimo treinador Ricardo Gareca em 2009. Foi a nona conquista nacional da história do “Fortín”, sendo a terceira sob o comando de Gareca. A merecida conquista veio com uma rodada de antecedência.

Após um início irregular, a equipe encontrou seu ponto de equilíbrio na segunda metade da temporada e assumiu a liderança no momento certo. A série de cinco vitórias consecutivas entre as rodadas 11 e 15 foi o ápice. E foi por ali, na décima quarta rodada, que o Vélez assumiu a liderança. O Lanús, outro clube que cresceu na reta final, chegou a ameaçar, tomando a liderança na décima sexta rodada. Porém, o Vélez retomou a ponta na rodada seguinte, para não mais perdê-la. Nas 18 rodadas que se passaram, foram 12 vitórias, 2 empates e 4 empates, além de 28 gols marcados (melhor ataque), 12 gols sofridos e 38 pontos conquistados.

Os destaques da campanha foram inúmeros. Uma equipe equilibrada, que tem bons nomes em todos os setores. Desde o xerife Sebá Dominguez, passando pelo ótimo meio campo, que tem os selecionáveis Bella e Cerro, além do veterano Insúa, que municia a poderosa dupla de ataque formada por Lucas Pratto e Facundo “El Chucky” Ferreyra. O último, de apenas 21 anos, chegou ao clube para esta temporada e já se transformou logo de cara o grande nome do campeonato. Com gols decisivos, foi ainda o artilheiro do torneio com 11 gols.

Equipe base: Sosa; Peruzzi (Cubero), Tobio, Sebá Dominguez, Papa; Bella, Cerro, Cabral, Frederico Insúa; Lucas Pratto e Facundo Ferreyra.

Definiu-se ainda ontem a classificação do Boca Juniors por índice técnico para a Libertadores 2013. O Newell’s Old Boys precisa de apenas um empate nos dois jogos restantes para garantir a última vaga do país na próxima edição do torneio.

Comentários

21 anos, morador de Maringá-PR. Corintiano de coração, aprendi ainda a ser Liverpool, na Europa. Como Doente por Futebol, acompanho diariamente jogos, jogadores e tudo o que acontece acerca deste apaixonante esporte. Minha função por aqui será de analisar e informar tudo o que rola na América do Sul e no México. Responsável ainda pelas colunas "Craque DPF" e "Futebol na Mídia".