Você sabia? O artilheiro da era Pontos Corridos

  • por Lucas Sartorelli
  • 8 Anos atrás

 

O Campeonato Brasileiro mudou seu formato há nove anos, passando a ser disputado no sistema de pontos corridos. Há quem acredite ser o modo mais justo, premiando de fato os melhores times ao fim do certame, sem zebras. Entretanto, em meio a tudo isso, a surpresa dá as caras.

O maior artilheiro da história dos pontos corridos não é centroavante de ofício, já foi muito contestado em sua carreira, tem 38 anos, acaba de ajudar seu time a voltar à 1ª divisão e não pensa em parar tão cedo. Mesmo fora da divisão de elite em 2012, Paulo Baier mantém sua belíssima marca de 91 gols desde 2003 apenas em jogos da série A do Brasileirão, acumulados em passagens por Criciúma, Goiás, Palmeiras e Sport.

Fred, artilheiro absoluto desse ano com 20 gols, se tornou o segundo colocado, com 83, ultrapassando Borges e o aposentado Washington, com 1 a menos. Se formos considerar ainda a série B, somando com os 8 gols que Bayer marcou esse ano pelo Atlético PR, a conta chega a impressionantes 99 gols. E ele já acertou sua permanência no Furacão para o ano que vem.

Que as defesas em 2013 se cuidem.

O homem-gol dos Brasileirões voltou, e ainda mais experiente nessa brincadeira de estufar redes.

Confira a lista dos 20 maiores artilheiros da era Pontos Corridos:

1º) Paulo Bayer – 91 gols
2º) Fred – 83 gols
3º) Borges – 82 gols
Washington – 82 gols
5º) Alecsandro – 79 gols
6º) Obina – 73 gols
7º) Souza – 72 gols
8º) Deivid – 68 gols
9º) Dagoberto – 64 gols
10º) Marcinho – 61 gols
11º) Luis Fabiano – 57 gols
12º) Edmundo – 56 gols
13º) André lima – 55 gols
Roger – 55 gols
15º) Fernandão – 54 gols
Neymar – 54 gols
Tuta – 54 gols
18º) Alex Mineiro – 53 gols
19º) Iarley -52 gols
20º) Jonas – 51 gols

Comentários

Paulistano, projeto de jornalista e absolutamente ligado a tudo o que envolve essa arte chamada futebol, desde a elegante final de uma Copa do Mundo às peculiaridades alternativas das divisões mais obscuras de nosso amado esporte bretão. Frequentador assíduo nas melhores (e piores) várzeas e peladas de fim de semana, sempre à disposição para atuar em qualquer posição.