2ª rodada do Nordestão é marcada por goleadas e artilheiros inesperados

Marcos Aurélio e Felipe Menezes saíram do banco para protagonizar a virada do Sport sobre o Confiança.

Na noite de ontem, foi concluída a segunda rodada do Campeonato do Nordeste, que trouxe algumas reviravoltas e mais alguns jogos que entrarão na memória do torcedor nordestino.

O início da rodada ficou marcado pela maior goleada do torneio até agora: o favorito Vitória venceu o Salgueiro no Barradão pelo placar de 5×1, num resultado que não era esperado nem mesmo pelo mais pessimista dos torcedores do Carcará. Com os dois gols marcados, Marcelo Nicácio se isolou na artilharia do campeonato. David Braz, Gabriel Paulista e Allan Pinheiro completaram o placar para o Leão da Barra, enquanto Fabrício Ceará descontou para o Salgueiro. O atacante do Carcará ainda protagonizou um lance bizarro: nos acréscimos do segundo tempo, ele teve a oportunidade de diminuir o marcador com uma cobrança de pênalti, mas numa cavadinha fraca e no meio do gol, desperdiçou a chance. No prosseguimento da jogada, o rubro-negro baiano ainda marcou seu quinto gol. No outro jogo do grupo B, o América se reabilitou e venceu o ASA em Arapiraca, com um gol do atacante Rico.

Pelo grupo A, dois empates: Itabaiana e Ceará se enfrentaram no Agreste sergipano e ficaram no 0x0, enquanto ABC e Bahia empataram em 1×1 no Frasqueirão, em Natal. O gol do time potiguar teve origem num pênalti mal marcado pela arbitragem, já que a falta ocorreu fora da área. Na cobrança, Rodrigo Silva converteu com tranquilidade, no meio do gol. O empate do Bahia saiu numa jogada de bola parada: Talisca cobrou escanteio na cabeça de Fahel, que marcou seu segundo gol no Nordestão.

No grupo D, placares elásticos e um resultado surpreendente. Em Campina Grande, no Amigão, o Campinense atropelou o Santa Cruz e venceu por 3×0. O clube coral, que vive uma etapa de reformulação de seu elenco e comissão técnica, mostrou muitas dificuldades em campo, criando pouquíssimas oportunidades que foram quase sempre mal aproveitadas pelos atacantes Philco, Flávio Caça-Rato e Paulo César, que entrou no segundo tempo e teve péssima atuação. Por outro lado, o rubro-negro paraibano se mostrou em ótima forma física, fruto de um trabalho que vem sendo feito desde dezembro. Os destaques ficaram por conta do lateral Panda, onipresente no campo, e do zagueiro Edvânio, que fez seu segundo gol no campeonato. O meia Bismarck também teve atuação destacada, sempre participando das jogadas ofensivas da Raposa paraibana. No outro jogo da chave, o CRB se reabilitou da derrota sofrida na estreia e venceu o Feirense por 3×1, com dois gols do meia Paulo Victor e um de Carlão. O gol do clube de Feira de Santana foi marcado pelo defensor Djavan.

A rodada foi concluída ontem, com os dois jogos do grupo B. Na primeira partida da noite, o Fortaleza recebeu o Sousa e conseguiu uma vitória convincente no Presidente Vargas, por 3×0. Os gols do Leão do Pici foram marcados por Jaílson (2) e Assisinho. E na Ilha do Retiro, o Sport jogou pouco, mas venceu o Confiança de virada, por 3×1. O rubro-negro pernambucano iniciou o jogo pressionando, mas num escanteio, o lateral Diego Neves subiu mais alto que Roger e abriu o placar para os visitantes. O Sport, então, aumentou ainda mais seu volume de jogo, mas só conseguiu chegar à igualdade quando Felipe Menezes entrou em campo. O meia deu um bom passe para a finalização de Reinaldo, que desviou no zagueiro e entrou por cima do goleiro. Logo em seguida, o estreante Marcos Aurélio, que também havia saído do banco de reservas, marcou um golaço, de fora da área, encobrindo o goleiro. Dois lances fortuitos que tranquilizaram a torcida do Leão, apesar da atuação apenas mediana. No finalzinho da partida. Felipe Azevedo cruzou na cabeça de Felipe Menezes, que contou com a mão de alface do goleiro para fechar o marcador.

A próxima rodada do Nordestão terá início amanhã, e ficará marcada principalmente pela estreia do Castelão, a primeira das arenas da Copa de 2014 a ser inaugurada. Confira os jogos da rodada:

GRUPO A:

26/01 – 16:00h – Itabaiana x ABC, no Presidente Médici;

27/01 – 18:00h – Ceará x Bahia, no Castelão;

GRUPO B:

27/01 – 16:00h – Fortaleza x Sport, no Castelão;

27/01 – 16:00h – Sousa x Confiança, no Marizão;

GRUPO C:

26/01 – 18:30h – América x Salgueiro, no Nazarenão;

27/01 – 16:00h – Vitória x ASA, no Barradão;

GRUPO D:

26/01 – 16:00h – Santa Cruz x Feirense, no Arruda;

27/01 – 18:30h – Campinense x CRB, no Amigão.

Tabela de Artilharia:

3 gols – Marcelo Nicácio (Vitória);

2 gols – Fahel (Bahia), Edvânio (Campinense), Diego Neves (Confiança), Paulo Victor (CRB), Jailson (Fortaleza);

1 gol – Assisinho (Fortaleza), Marquinhos (Vitória), Roger (Sport), Leandro (Sousa), Philco (Santa Cruz), Pingo (Ceará), Diones (Bahia), Jeferson (Bahia), Tiago Furlan (Itabaiana), Eduardo (Itabaiana), Da Silva (Confiança), Ângelo (Confiança), Fabinho (América-RN), Roberto (Feirense), Tite (Feirense), Selmir (Campinense), Rico (América-RN), David Braz (Vitória), Gabriel Paulista (Vitória), Alan Pinheiro (Vitória), Fabrício Ceará (Salgueiro), Yerien (Salgueiro), Rodrigo Silva (ABC), Thiago Granja (Campinense), Cleibson (Campinense), Tim (Feirense), Carlão (CRB), Reinaldo (Sport), Marcos Aurélio (Sport), Felipe Menezes (Sport), Djavan (Feirense).

Comentários

Jornalista recifense, sócio-diretor do Doentes por Futebol, editor da Revista Febre. Curioso observador de tudo o que cerca o futebol brasileiro e internacional.