A Fênix Romanista – O voo de Totti

  • por Tiago Lima Domingos
  • 8 Anos atrás

Tida com um dos provérbios mais populares da mitologia grega, a Fênix é um pássaro que, quando morria, entrava em autocombustão. Após algum tempo, ressurgia das cinzas para o voo mais lindo que se tenha conhecimento. É o que podemos comparar com Totti, que, aos 36 anos, volta a viver boa fase, sem lesões e com lampejos (frequentes) do grande craque do passado. Um final de carreira digno para a maior bandeira do clube romano.

Tecnicamente ele é indiscutível. Mas nas últimas temporadas na Roma, já era visto com alguma desconfiança por parte da crítica. Muitos diziam, e com alguma razão, que ele costumava atrapalhar o andamento da equipe. O brilho de outrora era cada vez menos intenso e caminhava para um final de carreira não condizente com toda a sua história no esporte.

Temporada 2012/2013 – O brilho final?

Com total apoio do agora ex-técnico da Roma, Zdenek Zeman, Totti começou a dar mostras de uma boa temporada logo na 2ª rodada. No Giuseppe Meazza, palco do gol mais bonito de sua carreira, conduziu a Roma a uma bela vitória contra a Inter. Duas assistências que lembravam o bom e velho camisa 10 do passado não tão distante assim. Na temporada 2009/10, ainda vimos um bom Totti em campo, diferentemente das seguintes 10/11 e 11/12.

O que se vê na atual temporada é um Totti diferente de anos anteriores. Um jogador mais coletivo, mais participativo e principalmente um jogador sem as constantes lesões. Atuou em 23 das 25 rodadas do Calcio e o que mais chama a atenção é o protagonismo nos grandes jogos. Foi assim no 1×3 em Milão, como nos 4-2 contra Fiorentina e Milan. E, no último sábado, o craque decisivo na vitória sobre a líder Juventus. Golaço de fora da área, no amigo, e grande vítima da carreira, Gianluigi Buffon. Rapidamente virou notícia em jornais do mundo todo. Com o gol na Juventus, chegou a nove na temporada. Apenas um foi de pênalti (em 10/11, por exemplo, fez 15 gols, mas 8 deles foram da marca penal). Além dos gols, Totti vem dando assistências (já são oito na temporada).

São 224 gols do jogador na Série A (43 doppiettas e 2 triplettas). E pela bola que vem jogando, o número tende a aumentar e será histórico. Hoje, Totti é o 3º maior goleador da história da Série A, atrás apenas de Gunnar Nordahl (225 gols) e Silvio Piola (274 gols). A marca de Nordahl, salvo uma catástrofe, será batida.

totti

Foto: reprodução facebook.com/serieatim – Os 3 maiores goleadores de todos os tempos da Série A. Totti é o 3º, apenas um gol atrás do 2º colocado, Nordahl

Totti, aos 36 anos, vai vivendo um fim de carreira de sonhos. Uma pena que a Roma, em muitas vezes, não teve times à altura de seu eterno capitão. Termino de escrever esse texto na esperança desse canto do cisne se repetir na temporada 2013/14, pois deverá ser a última desse grande craque da Bota.

Acompanhe abaixo os números do jogador na atual temporada:

totti

Foto: Repdrodução. Dados estátísticos: Opta Sport – A boa temporada em números

Comentários

Carioca e rubro-negro. Do Rio de Janeiro a Milão. Doente por futebol, é claro. E apaixonado pelo Calcio.