Atlético Paranaense contrata o espanhol Fran Mérida

  • por Saimon
  • 8 Anos atrás
Fran Mérida com a camisa do Arsenal. Vestirá vermelho, agora no Brasil

Fran Mérida com a camisa do Arsenal. Vestirá vermelho (e preto), agora no Brasil

Pode parecer uma transferência de Football Manager, jogo em que você brinca de ser técnico, mas não é. O Atlético Paranaense se despede da Espanha nesta terça e volta de lá com o título da Marbella Cup e com um novo jogador: o clube fechou com o espanhol Fran Mérida, de 22 anos, e que ficou conhecido no futebol como “novo Fábregas”.

O meia canhoto fica no Furacão até o fim de 2013, mas pode prorrogar o contrato por mais dois anos, caso se adapte ao futebol brasileiro. Mérida chega sem a confiança da torcida, que nos últimos anos se decepcionou com todos os gringos que pisaram em Curitiba, começando por Lothar Matthäus, e passando por Guerrón, Morro Garcia, Ligüera e Federico Nieto.

Ninguém sabe ao certo como Mérida chega ao Atlético, mas provavelmente tem o dedo de Sandro Orlandelli no negócio. Sandro foi olheiro do Arsenal entre 2007 e 2010 e era diretor do Furacão até o meio do ano passado. Foi ele que fez o Atlético buscar o lateral Pedro Botelho da base do Arsenal e pode ter indicado também Mérida.

Carreira

Francisco Mérida começou sua carreira no Barcelona, clube no qual nunca jogou profissionalmente. Em 2005, seguiu os passos de Cesc Fábregas e numa transferência livre foi parar no Arsenal. Estreou no time de cima apenas em 2007, mas pouco jogou. Passou uma temporada na Real Sociedad e novamente teve algumas chances no Arsenal, porém sem sucesso. Em 2010, Mérida tentou a sorte no Atlético de Madrid, clube do coração, segundo ele mesmo em sua apresentação. Novamente sem sucesso, Mérida foi repassado ao Sporting Braga, de Portugal, mas não vingou, e ali viu sua carreira afundar cada vez mais.

Em agosto de 2012, Mérida foi contratado pelo Hércules, da segunda divisão espanhola. Era talvez a última chance para vingar a carreira e provar o status de “novo Fábregas”. Com apenas um gol, de pênalti, em 19 jogos, Mérida rescindiu amigavelmente seu contrato, podendo assim fechar com o Atlético Paranaense. O acordo foi anunciado na noite desta segunda-feira.

Fran tem passagens por todas as seleções de base da Espanha, com a qual conquistou o Europeu sub-17 em 2007, ano em que estreou no Arsenal. No mesmo ano, foi vice-campeão mundial da categoria, sendo destaque e camisa 10 da seleção espanhola, que contava com jogadores como De Gea e Bojan. A Espanha perdeu a final nos pênaltis para a Nigéria, com Mérida desperdiçando sua cobrança.

Recomeço

Após fracasso atrás de fracasso, Mérida tenta recomeçar sua carreira no Brasil. O meia deve chegar ao nosso país na próxima semana e terá concorrência pesada no meio-campo do Furacão. Atualmente os meias são Elias, Felipe, Everton, Maranhão e Ligüera.

Assumindo a meia-esquerda do Atlético, Mérida deve reencontrar um parceiro antigo de Arsenal, já que o lateral-esquerdo do Furacão é Pedro Botelho, jovem lateral revelado pelo Arsenal e com passagens por times pequenos da Espanha. Os dois foram companheiros em 2006, no time young do Arsenal.

Colaboração com as informações: Gabriel Seixas e Mozart Maragno.

 

Comentários

Palmeirense, 23 anos. Acompanha futebol em qualquer canto. Fã da ótima geração belga.