Copa Africana das Nações 2013: Burkina Faso, buscando fazer história!

  • por Rogério Bibiano
  • 8 Anos atrás

Jonathan Pitroipa, abraçado por Abdul Razak comemora o gol da classificação.
Foto: AFP.

O último classificado às semifinais da 29ª Copa Africana das Nações é Burkina Faso. Neste domingo, a equipe burkinabé venceu Togo na prorrogação por 1 a 0. Esta é a segunda vez que a equipe chega à semifinal da CAN. A primeira vez foi em 1998, quando sediou a competição.

O Jogo

Com ambas as equipes intencionadas em não deixar espaços, o meio-campo era a área mais controlada. Charles Kaboré, de um lado, e Floyd Ayité, do outro, destacavam-se nas ações defensivas. Aos cinco minutos, Mohamed Koffi obrigou Agassa a fazer uma defesa difícil. Foi um dos poucos momentos de emoção em um primeiro tempo de muita voluntariedade e pouca técnica. A condição péssima do gramado do Mbombela Stadium também dificultava. Soma-se a isso o visível nervosismo presente em ambas as Seleções que, diga-se de passagem, iniciaram a CAN 2013 como franco atiradores.

No começo da segunda etapa, a seleção de Togo chegou muito perto do gol. Quase abriram o marcador com uma cabeçada de Adebayor; Panandétiguiri salvou em cima da linha. O lance assustou Burkina Faso, que passou a controlar a posse de bola, com Togo esboçando o contra-ataque. Aos 33 minutos, Adebayor novamente levou perigo, mas a finalização foi desviada providencialmente pela defesa. O placar seguiu em branco, com as equipes pouco arriscando. Com isso, o jogo foi para a prorrogação.

No tempo extra, muita voluntariedade dos dois lados. Porém, o cansaço era nítido. No apagar das luzes do primeiro tempo, Kaboré cobrou escanteio e encontrou Pitroipa no primeiro pau para abrir o placar.

O segundo tempo da prorrogação foi marcado por Togo ter tentado empatar a todo custo. Por outro lado, Burkina Faso estava muito bem postada e não dava chances aos togoleses, que abusavam da jogada aérea. Ao final do jogo, a equipe burkinabé perdeu a chance de ampliar no contra-ataque, mas o placar foi suficiente para avançar à semifinal. O adversário será Gana, grande favorita ao título, na próxima quarta-feira.

FICHA DO JOGO:

BURKINA FASO 1X0 TOGO

Data: 03/02/2013.
Horário: 16h30 (horário de Brasília).
Local: Mbombela Stadium; Nelspruit-AFS.
Árbitro: Badara Diatta-SEN.

Cartões Amarelos: Ouattara, Kaboré e Pitroipa (Burkina Faso). Floyd Ayité, Gakpe, Gaffar, Adebayor e Bossou (Togo).

Gol: Jonathan Pitroipa, aos 15 minutos do primeiro tempo da prorrogação.

Burkina Faso: Daouda Diakité; Koffi, Bakary Koné, Paul Kolibaly e Panandétiguiri; Djakaridja Koné, Kaboré, Sanou (Abdou Razak) e Ouattara (Nakoulma); Pitroipa (Rouamba) e Dagano. 
Técnico: Paul Put.

Togo: Agassa; Mamah, Bossou, Nibombé e Djene; Romao, Amewou (Wome) e Akakpo (Salifou); Ayité (Segbefia), Adebayor e Gakpé.
Técnico: Didier Six.

Comentários

Natural de Telêmaco Borba-PR e criado em meio à "boemia futebolística", com horas de papo sobre futebol, samba e cervejas na pauta. Influência do pai, que também adorava futebol, e da mãe, que sempre apoiou a iniciativa. Técnico em Eletrônica, formado desde 1999, e fanático por futebol, futsal, futebol de praia, society e todo esporte que tenha no futebol a sua essência.