A fonte da juventude

  • por Doentes por Futebol
  • 8 Anos atrás

Escreveu para o site Cleiton dos Santos

Chegar aos 38 anos com algumas pessoas pedindo a sua convocação para a Seleção não é para qualquer um. O paulistano e quase quarentão Zé Roberto foi ovacionado, aclamado e aplaudido de pé na noite de ontem. Vimos mais uma atuação de luxo do capitão gremista que liderou o time a uma goleada de 4×1 sobre o Caracas, o que deixa o tricolor novamente líder do Grupo 8 da Copa Bridgestone Libertadores.

A partida começou difícil para o Grêmio, pois mais uma vez, em casa, enfrentava um adversário retrancado. Dessa vez, diferentemente de contra o Huachipato, o time conseguiu ser mais paciente e trabalhar melhor a bola. Após falha do goleiro, Hernán Barcos abriu o placar para os gaúchos. Mais um na conta do Pirata. Minutos depois um Werley sempre efetivo na área adversária ampliaria de cabeça, após cobrança de escanteio do capitão Zé. Já nesse ponto do jogo, Zé Roberto marcava, dava carrinho, roubava a bola, virava o jogo, tabelava. Suas “matadas” com a canhota geravam um “OOOOOHHHHH” dos gremistas presentes na Arena.

O primeiro tempo encerrou e um show de Zé estava por começar. Em tabela dos dois, Hernán Barcos recebeu do capitão gremista e este infiltrou-se pela defesa venezuelana; o centroavante argentino aguardou e devolveu a bola para Zé, que teve o trabalho de apenas driblar o goleiro e empurrar mansamente a bola com a perna direita. Golaço.

O Caracas diminuiria com Sanchez de cabeça, aproveitando bobeira da defesa gremista após cobrança de falta. Mas não haveria espaço para surpresas.

Após incrível jogada de Eduardo Vargas, Zé ficou cara a cara com o goleiro, mas chutou alto demais. Em outro contra-ataque, Vargas puxou a defesa e rolou para o incansável Pará, que driblou o lateral-esquerdo, foi à linha de fundo e bateu forte para o meio da área. Zé aparou de canhota para fechar com chave de ouro mais uma atuação impecável.

38 anos e um fôlego de menino. Em que fonte da juventude Zé Roberto se banhou?

Comentários