Eliminatórias para a copa de 2014 – Concacaf

  • por Raniery Medeiros
  • 8 Anos atrás

Hexagonal Final

As eliminatórias para a Copa do Mundo estão de volta. Espalhadas pelo planeta, as seleções buscam as respectivas vagas designadas para cada continente.

Diferentemente de outras eliminatórias continentais que passaram por um período de recesso, as partidas na Concacaf voltam a ser disputadas apenas 46 dias após a 1ª rodada do Hexagonal final. Honduras, Costa Rica, Panamá, Jamaica, México e Estados Unidos brigam por três vagas diretas para o mundial. O quarto colocado disputará a repescagem intercontinental contra o campeão da Oceania, em partidas de ida e volta.

Correndo contra o tempo e sabendo que nem tudo está perdido, as seleções entrarão em campo nos dias 22/03 e 26/03. México e Estados Unidos, grandes favoritos que vacilaram na primeira rodada, poderão buscar a recuperação. Costa Rica, Panamá e Jamaica, que estão com 1 ponto cada, tentarão encontrar o caminho da vitória. Já Honduras, que bateu os estadunidenses na estreia, corre atrás de uma vaga para a sua segunda copa consecutiva.

SEGUNDA RODADA

HONDURAS X MÉXICO

Tentando a pronta recuperação no Hexagonal, o México buscará, fora de casa, a vitória diante da boa seleção hondurenha. Após o frustrante empate na rodada inaugural diante da Jamaica, o técnico J. de La Torre resolveu chamar velhos e importantes conhecidos. O principal deles, Omar Bravo, que ficou quase quatro anos fora da seleção, terá mais uma oportunidade de provar o seu valor.

Foto: Reprodução - Omar Bravo voltou a ser convocado após longo período fora da seleção

Foto: Reprodução – Omar Bravo voltou a ser convocado após longo período fora da seleção

Mesmo sem grande visibilidade no mercado futebolístico internacional, Honduras prova que evoluiu (guardada as devidas). Participante do mundial em 2010, o time comandado por L. Suárez surpreendeu ao vencer a boa seleção dos Estados Unidos por 2×1. A esperança de gols está depositada no atacante J. Bengtson. O jogador do New England Revolution (EUA) fez um golaço na primeira partida do hexagonal final.

Foto: Reprodução - Begtson fez golaço na rodada inicial.

Foto: Reprodução – Bengtson fez golaço na rodada inicial.

A partida será realizada no Estádio Olímpico Metropolitano (San Pedro Sula).

Histórico do confronto: 13 jogos; 4 vitórias Honduras, 2 empates e 7 vitórias México.

ESTADOS UNIDOS X COSTA RICA

Precisando vencer para esquecer o tropeço diante de Honduras, o técnico Jürgen Klinsmann convocou segunda-feira, 18/03, os 23 relacionados.

Com o estilo de jogo ofensivo encarnado em si, Jürgen aposta em nomes renomados para vencer e embalar de vez. É preciso pensar primeiro na Costa Rica, mas não restam dúvidas de que os estadunidenses já estão se preparando para a partida seguinte, diante do México. Altidore, Dempsey e Bradley são as grandes apostas do “Tio Sam”.

Foto: UOL - Dempsey pode decidir para os Estadunidenses

Foto: UOL – Dempsey pode decidir para os Estadunidenses

Buscando voltar ao mundial, a Costa Rica já não possui o poderio de outrora. O nível técnico nem chega perto das seleções de 2002 e 2006, que foram para as respectivas Copas do Mundo. No entanto, J. Pinto (técnico) confia em Bryan Ruiz, jogador do Fulham, para levar a sua seleção à vitória.

Foto: Reprodução - Bryan é a esperança de gols da seleção

Foto: Reprodução – Bryan é a esperança de gols da seleção

A partida será realizada em Denver (Colorado), no Estádio Dick’s Sporting Goods Park.

Histórico do confronto: 18 jogos; 7 vitórias Costa Rica, 4 empates e 7 vitórias Estados Unidos.

JAMAICA X PANAMÁ

Talvez seja, tecnicamente, o confronto mais fraco da rodada. Trata-se de duas equipes sem grandes estrelas e contando com o fator casa, empolgação e torcida para alçar voos mais altos.

Vindo de um empate incrível, quando jogaram de igual para igual contra o México, os “Reggae Boys” buscam voltar ao mundial após 16 anos. Tentando concatenar boas energias e, quem sabe, superstição, o povo Jamaicano acredita no trabalho realizado pelo técnico Theodore Whitmore. “Theo” Whitmore fez parte da seleção que esteve presente na Copa do Mundo da França, em 1998. O meio campista Garath McCleary, que atua no Reading, é a grande sensação do time.

Foto: Reprodução - Whitmore jogou a copa do mundo de 1998

Foto: Reprodução – Whitmore jogou a copa do mundo de 1998

Os Panamenhos são considerados como uma seleção em franca evolução e com o estilo de jogo baseado no aspecto físico. Vindo de um empate em casa, diante da Costa Rica, os comandados de Dely Valdés buscam, através do histórico de confrontos, uma esperança a mais para acreditar no triunfo, mesmo jogando no país adversário.

O técnico acredita na consistência defensiva e no entrosamento entre os atacantes Marcos Sánchez e Blas Pérez para surpreender a Jamaica.

Foto: Reprodução - Pérez é destaque em sua seleção

Foto: Reprodução – Pérez é destaque em sua seleção

A partida será realizada no Estádio Independence Park (Kingston).

Histórico do confronto: 8 jogos; 1 vitória Jamaica, 3 empates e 4 vitórias Panamá.

GOLS DA PRIMEIRA RODADA

MÉXICO 0 X 0 JAMAICA

PANAMÁ 2 X 2 COSTA RICA

HONDURAS 2 X 1 ESTADOS UNIDOS

Comentários