Jorginho é o novo técnico do Flamengo

  • por Fernando Mattos
  • 8 Anos atrás
JORGINHO FLA FP
Colunista afirma que Jorginho será o técnico do Fla

Saiu a fumaça branca na chaminé rubro-negra. Habemus Técnico. E quem garante é o colunista de O Globo e comentarista da Rádio Globo Rio, Renato Maurício Prado. De acordo com o jornalista, o tetracampeão mundial Jorginho terá a missão de comandar o Flamengo e deve ser apresentado na próxima terça-feira, dia 19.

Logo após a saída de Dorival Junior, Jorginho apareceu como o principal nome da lista devido ao seu passado como ex-jogador do Flamengo e também pelos padrões financeiros, pois o treinador se encaixa na política salarial do clube. Vale lembrar que em seu último trabalho, no Kashima Antlers do Japão, Jorginho recebia um salário de cerca de R$ 200 mil.

Com o novo comandante rubro-negro, deve vir apenas o seu auxiliar Aílton Ferraz, também ex-jogador do Fla. A diretoria do Flamengo deve ainda trazer um preparador físico para completar a nova comissão técnica.

Com 48 anos, Jorginho terá seu primeiro desafio em um grande clube do futebol brasileiro. O treinador iniciou na função no América, em 2006, quando realizou um bom trabalho e levou a equipe rubra ao vice-campeonato da Taça Guanabara.

Após deixar o América, o novo técnico do Flamengo trabalhou como auxiliar de Dunga até a Copa do Mundo de 2010. Teve ainda uma passagem não muito destacada pelo Goiás depois de deixar a Seleção Brasileira. O melhor trabalho do ex-lateral direito foi no Figueirense, quando quase levou o clube de Santa Catarina à inédita classificação na Copa Libertadores da América.

No Kashima Antlers, porém, o trabalho não foi lá muito bom. No comando da equipe japonesa, Jorginho terminou a última temporada da J-League na modesta 11ª posição e seu único título foi a Copa da Liga Japonesa.

Comentários

Carioca, jornalista e apaixonado pelo velho esporte bretão. Rubro-negro de coração e torcedor do Tottenham por opção, já trabalhou em emissoras como TV Record e Rádio Livre do Rio de Janeiro. Também foi comentarista do programa Plus TV Sports. Virou um Doente Por Futebol em março de 2013.