Minha vida torcedora

  • por Francine Belem
  • 6 Anos atrás

torcida_cfc

No dia da mulher, a Doentes vai homenagear todas que, assim como eu, têm o estádio de futebol como sua segunda casa. Que sabe e sente o que é entrar em um estádio lotado, onde o coração bate mais forte a cada lance, e no grito de gol tem a certeza que está no lugar certo.

foto 1

Aos 10 anos comecei ir ao estádio junto com o meu pai, que agradeço por ter me apresentado esse maravilhoso mundo da bola, e desde então foi amor ao primeiro apito. Dentro do Couto aprendi a gostar, a entender e aprender que jogos lotados, vazios, em dias de calor ou de frio, lugar de torcedor é no estádio.

 

Depois de treze anos, entre tantos campeonatos brasileiros, copas do Brasil, estaduais e clássicos, ainda não consigo expressar em palavras o quão grande é a alegria toda vez que entro no estádio lotado e afirmo que estamos cada vez mais presentes dentro e fora de campo, apoiando o nosso time, cantando o jogo inteiro e amando esse esporte que encanta e contagia.

foto 2

A todas torcedoras que sem medo de vestir a camisa vão ao estádio pra ver, torcer, cantar, amar o seu time e representar todas nós, parabéns por fazer parte dessa massa de Doentes Por Futebol!

 

Comentários