Pré-Jogo – São Paulo x Corinthians

  • por Bráulio Silva
  • 8 Anos atrás

2502_4041059965376_1616632270_n

São Paulo e Corinthians precisavam de tudo neste domingo de Páscoa, menos de um clássico às vésperas de jogos decisivos na Libertadores da América. Mas a sempre competente Federação Paulista conseguiu marcar o duelo pro domingo de Páscoa, quando vários torcedores estão viajando ou curtindo a família e quando as equipes estão com a cabeça inteiramente na Libertadores.

Pensando na Bolívia, onde o tricolor terá um duelo decisivo contra o The Strongest na próxima quinta-feira, o time de Ney Franco defende a liderança do campeonato. Já classificado para o mata-mata, na visão de muitos o time falha no planejamento ao colocar os titulares no duelo de hoje à tarde, já que o jogo só vale pelo clássico mesmo.

RC

Já o Corinthians entra em campo pensando no duelo contra os colombianos do Millonários. Com força total, o alvi-negro quer manter a hegemonia no histórico recente do confronto em jogos do Paulistão. A única dúvida que o técnico Tite mantém é quem será o substituto de Renato Augusto, lesionado. A tendência é que Jorge Henrique o substitua.

BRASILEIRO A 2011/CRUZEIRO X CORINTHIANS
Desde 2007, os times se encontraram pelo estadual em oito partidas. A vantagem é corinthiana, que venceu três jogos, contra três empates e duas vitórias do tricolor. A última vitória do São Paulo na competição foi quando saiu o 100º gol do goleiro-artilheiro Rogério Ceni.

Ney Franco do São Paulo, provavelmente, mandará a campo o time escalado com: Rogério Ceni; Rodrigo Caio, Rafael Tolói, Edson Silva e Carleto; Denílson, Maicon, Jádson e Ganso; Osvaldo e Luís Fabiano.

Já o Corinthians também vem a campo com o que tem de melhor. O time deve ser escalado por Tite com: Cássio; Alessandro, Chicão, Gil e Fábio Santos; Ralf, Paulinho e Danilo; Romarinho, Guerrero e Emerson.

O jogo acontecerá às 16 horas, no Estádio do Morumbi.

Comentários

Paulistano, casado e com 33 anos. Apaixonado por futebol e pelo São Paulo FC. De memória privilegiada, adora relatar e debater fatos futebolísticos de outrora. Ex-estudante de jornalismo, hoje gerencia uma drogaria no município de Barueri, além de escrever para a Doentes por Futebol.