Resumo da 7ª rodada do Campeonato Mineiro 2013

  • por Alexandre Reis
  • 8 Anos atrás

bandeira_MG

América-MG x Guarani

Na última quarta-feira (20), no Independência, o América goleou e venceu o Guarani por 4×0. Na etapa inicial, poucas emoções e muitos erros. A primeira jogada de grande perigo resultou em gol do Coelho aos 26 minutos. O meia Juninho fuzilou de muito longe e marcou um golaço. A resposta do Guarani veio com Rafael Estevam, em cobrança de falta na trave. Logo depois, aos 41, Gedeílson perdeu boa chance de aumentar.

O América ampliou logo no início do segundo tempo com Fábio Júnior, após boa troca de passes com Claudinei. Com o Guarani inoperante e quase nada produtivo, sentindo claramente a ausência do atacante Jajá, os donos da casa não tiveram dificuldades para voltar a marcar. Aos 39, foi a vez de Nikão aparecer. O estreante, que entrou no segundo tempo, tabelou com Claudinei e finalizou para a falha do goleiro Leandro. Em seguida, aos 43, o próprio Nikão sofreu pênalti e converteu, fechando o placar do jogo.

Tupi x América-TO

Wesley comemora o gol da virada. Foto: Felipe Couri – Tribuna de Minas

No Mário Helênio, em Juiz de Fora, o Tupi recebeu o América de Teófilo Otoni e venceu de virada, por 2×1. Os donos da casa, no entanto, começaram mal. Aos 10 minutos, depois de escanteio cobrado por Daniel pela direita, Celinho aproveitou a falha da zaga e marcou. Sob vaias, o Tupi insistia no jogo aéreo, mas sem nenhuma eficiência.

O Galo Carijó começou o segundo tempo na pressão. Paulinho, aos 4 minutos, arriscou um chute cruzado, oferecendo perigo à meta do arqueiro americano. Em seguida, aos 6, Rafael Assis quase empatou. O América não suportou e cedeu a igualdade. Aos 10 minutos, Thiago Ryan cruzou para Vinicius, que dominou e deslocou Rafael Barrios. Quando os visitantes conseguiram equilibrar o jogo, veio a virada. Rafael Assis fez boa jogada individual na área e cruzou para Wesley, que só escorou para o fundo das redes. O resultado poderia ter sido mais elástico se não fossem as boas defesas de Rafael Barrios.

Tombense x Villa Nova

Villa Nova manteve a invencibilidade na competição. Foto: Comuniqque

Em Tombos, o Leão do Bonfim manteve a invencibilidade na competição e venceu fora de casa o Tombense por 1×0, em confronto direto por uma vaga nas semifinais. Com um primeiro tempo equilibrado e poucas chances, a etapa inicial permaneceu sem gols e grandes lances.

O Villa conseguiu a vitória no início do segundo tempo, aos 10 minutos. Tchô aproveitou o corte mal feito da zaga, livrou-se do marcador e deslocou Glaycon. O Tombense seguiu pressionando, mas não conseguiu reverter. A torcida e os jogadores ainda reclamaram de um pênalti não assinalado a favor dos donos da casa, mas foi só.

Cruzeiro x Caldense

Em Belo Horizonte, no Mineirão, o Cruzeiro venceu com dificuldades a Caldense por 2×1, de virada, e segue líder. No primeiro tempo, muita posse de bola celeste e falta de criatividade. O time da casa assustou com Diego Souza, aos 4 minutos, em finalização que passou à direita de Glaysson. Chimba respondeu aos 8 minutos, finalizando forte, mas Fábio defendeu. Aos 20 minutos, o susto dos visitantes. Paulão dominou mal dentro da área e, na recuperação, fez pênalti em Chimba. Nena bateu e converteu para a Veterana.

Marcelo Oliveira fez mudanças importantes no time celeste. Foto: Denitlon Dias/Vipcomm

O técnico Marcelo Oliveira fez mudanças na segunda etapa. Diego Souza saiu para a entrada de Elber e o time celeste ganhou velocidade. O Cruzeiro assustava constantemente com Dagoberto pela esquerda, e foi com ele que o empate veio. O atacante caiu dentro da área e o juiz assinalou pênalti, em um lance bastante questionado. Ele mesmo bateu e deixou tudo igual. Aos 37, a virada. Elber, de perna esquerda, cruzou da direita para Ricardo Goulart virar, de cabeça. Com a vitória, o Cruzeiro praticamente confirmou presença na semifinal.

Boa Esporte x Araxá

No Melão, em Varginha, o Boa Esporte bateu o Araxá por 1×0 e voltou a vencer depois de 5 jogos. O Ganso acumulou sua 6ª derrota seguida e segue em penúltimo no campeonato. Melhor no primeiro tempo, o time boveta marcou o único gol da partida, aos 39, com Betinho. Marcelinho Paraíba fez ótimo passe para Neílson na direita. O lateral cruzou rasteiro para Betinho, que completou pro fundo do gol.

Sem grandes emoções na etapa final, o resultado persistiu. Com as derrotas de Caldense e Guarani, o Boa Esporte subiu duas posições e agora é o sétimo. Enfrentará a Caldense na próxima rodada, em Patos de Minas. Por outro lado, o Araxá recebe o Tombense, no Fausto Alvim.

Nacional x Atlético

Jogadores comemoram o segundo gol do Atlético.

No Bernardo Queiroz, em Patos de Minas, o Atlético, mesmo sem 4 titulares, venceu de virada o Nacional por 3×1 e segue na cola do Cruzeiro. Logo no início, aos 11 minutos, o atacante Kanu fez falta por trás em Bernard e foi expulso. O Galo começou a assustar com Tardelli que, aos 14 minutos, acertou o travessão de Rodrigo Posso. Autor de importantes defesas, o arqueiro do Búfalo segurou o ataque alvinegro na primeira etapa.

No período final, Cuca mudou no time e colocou Guilherme no lugar do ineficiente Luan. O resultado foi imediato. Aos 2 minutos, Tardelli acionou Richarlyson na esquerda. O lateral cruzou rasteiro e Rodrigo Posso afastou. No rebote, Guilherme mandou no ângulo, sem chance de defesa. Aos 12, no entanto, após saída errada de bola do meio campo atleticano, Marcinho ficou livre e finalizou. Victor espalmou e, no rebote, Caleb empatou. Cuca sacou Leandro Donizete e colocou Morais, mandando o time pra frente. A virada veio aos 34 minutos, com Bernard. Alecsandro finalizou prensado com o zagueiro e a bola sobrou limpa pro meia atacante finalizar e marcar. No final, aos 43, Pierre fez ótimo passe para Bernard, que deixou Alecsandro na cara do gol. O atacante driblou o zagueiro e consolidou a vitória.

Classificação:

1. Cruzeiro – 19 pontos
2. Atlético – 18 pontos
3. Villa Nova – 15 pontos
4. Tupi – 12 pontos
5. Tombense – 10 pontos
6. América-MG – 9 pontos
7. Nacional – 8 pontos
8. Boa Esporte – 7 pontos, 2 vitórias
9. Caldense – 7 pontos, 1 vitória
10. Guarani – 5 pontos
11. Araxá – 3 pontos, -9 de saldo
12. América-TO – 3 pontos, -12 de saldo

Comentários

Estudante de Jornalismo, apaixonado por futebol. Seja a final da Copa do Mundo, as semifinais de uma Copa Rural, um jogo da Liga dos Campeões ou eliminatória da 4° divisão de algum campeonato amador do interior.