Homenagem ao goleiro Manga: Completa hoje 76 anos

  • por Caio Feitosa
  • 7 Anos atrás
Foto: R7 - Goleiro Manga

Foto: R7 – Goleiro Manga

Hoje faz aniversário um dos maiores goleiros da história do futebol brasileiro. Haílton Corrêa de Arruda, o Manga, completa 76 anos. Recifense, ficou conhecido principalmente como goleiro do Botafogo, clube que defendeu por 10 anos, e pela Seleção Brasileira, sendo o arqueiro da Copa de 66, na Inglaterra.

Manga começou a carreira em 1955 pelo Sport, estreando como profissional num clássico contra o Náutico na Ilha do Retiro, com vitória rubro-negra por 5×2. Porém, só assumiu a camisa 1 do Leão em definitivo dois anos depois, numa excursão do clube pernambucano para o Oriente Médio, barrando o então titular Carijó e o experiente Osvaldo Baliza (que já tinha passado por Botafogo, Vasco e Bahia antes de ir para Pernambuco).

Depois de dois anos no Sport, tendo apenas o título Pernambucano de 1958 conquistado no período, Manga transferiu-se para o Botafogo. Uma curiosidade é que Manga marcou um gol no seu último jogo vestindo a camisa leonina contra o Ferroviário do Recife.

Em General Severiano, Manga se consagrou, principalmente, pela agilidade debaixo das traves e velocidade na reposição da bola. Diferenciado, chegou à Seleção Brasileira e até hoje é considerado por muitos o melhor goleiro da história do Botafogo. Venceu quatro Cariocas e três Torneios Rio-São Paulo neste período. Gostava de provocar os rivais, principalmente o Flamengo. Dizia: “Flamengo é bicho certo. Gasto o dinheiro na véspera”.

Em 1968, Manga foi vendido para o Nacional de Montevidéu após um desentendimento com o jornalista João Saldanha, que o acusou de ter se vendido a Castor de Andrade (bicheiro e mandatário do Bangu) na final do Carioca de 1967. Por lá, foi campeão da Libertadores e do Mundial Interclubes. Voltou ao Brasil em 1974 para jogar no Internacional, time pelo qual foi campeão brasileiro em 75 e 76. Ainda passou por Coritiba, Operário/MS e Grêmio, até terminar a carreira aos 45 anos jogando pelo Barcelona de Guayaquil (Equador).

Conhecido pela grande estatura (media 1,91m), Manga até hoje é referência para muitos goleiros. Marcou geração e merece a homenagem. Parabéns Manga!

Comentários

Fanático pelo Calcio e pelo futebol nordestino, recifense, torcedor do Clube Náutico Capibaribe, ex-narrador esportivo de (projeto de) web-rádio e estudante de Engenharia Química.