Pré jogo: Tijuana-MEX x Palmeiras

  • por Mauricio Fernando
  • 8 Anos atrás
Foto: Site oficial Xolos  Tijuana promove o jogo a torcida.

Foto: Site oficial Xolos.   Tijuana promove o jogo a torcida.

Nesta terça feira, às 22h30, o Palmeiras será o primeiro time brasileiro a entrar em campo pelas oitavas de final da Taça Libertadores da América 2013. O alviverde faz uma viagem de mais de 9700 km até Tijuana para enfrentar o atual campeão mexicano e que faz bonito nesta Libertadores.

Como primeiro colocado de seu grupo, o Palmeiras terá direito de decidir em casa, porém fosse pela melhor campanha entre as equipes, o inverso aconteceria. O Tijuana, apesar de segundo colocado de seu grupo, conquistou 13 pontos, ficando abaixo do Corinthians, que fez os mesmos 13 pontos, mas teve saldo superior. O Palmeiras conquistou 9 pontos, tendo campanha inferior, mas ainda sim se classificou em primeiro no grupo 2, acima de Tigre-ARG, Libertad-PAR e Sporting Cristal-PER. Com o desempenho, os paulistas acabaram com a pior campanha dentre os primeiros colocados. Já o Tijuana, clube estreante em Libertadores e com apenas seis anos de fundação, foi o melhor segundo colocado dos grupos. Por isso as equipes se degladiam nestas oitavas.

O confronto que só por dar vaga para as quartas de final da Libertadores já valeria muito, ganhou um ingrediente ainda mais especial neste final de semana. O Tijuana perdeu por 1×0 para o San Luis pela 16ª rodada do Clausura mexicano, somando sua terceira derrota consecutiva e o oitavo jogo sem vencer pela competição. O resultado eliminou os atuais campeões da liga mexicana. Já o Palmeiras foi eliminado do Paulistão, no último sábado, ao ser derrotado nos pênaltis pelo Santos, após empate por 1×1 no tempo normal. Portanto, a Libertadores é tudo para ambas as equipes salvarem o primeiro semestre.

Foto: Lancenet. O estiloso equatoriano Martinez é um dos destaques do Tijuana.

Foto: Lancenet.      O estiloso equatoriano Martinez é um dos destaques do Tijuana.


O Club Tijuana mobilizou a apaixonada torcida que costuma lotar o estádio Caliente a comparecer mais uma vez. Para o duelo decisivo destas oitavas, o treinador argentino Antonio “el turco” Mohamed declarou que quer se classificar e “fazer história”. Para isso, deve contar com a força máxima, tendo inclusive poupado seus titulares na derrota do último domingo. A defesa comandada por Javier Gandolfi é o ponto forte da equipe, que ainda conta com o inspirado “Neymar equatoriano”, ou melhor, Fidel Martínez, um dos bons valores ofensivos da competição continental.

Em contrapartida, o Palmeiras, que viajou 17 horas até o norte do México, não poderá contar com o goleiro Fernando Prass, os zagueiros Vilson e Leandro Amaro, e os meias Valdívia e Patrick Vieira, todos machucados. Alguns deles desfalques muito importantes para a equipe comandada por Gilson Kleina, que ao menos tem a boa notícia da volta do atacante Kleber, que marcou seu primeiro gol com a camisa alviverde no último sábado. Outra novidade é a inclusão do meia Serginho, recém contratado pelo Oeste.

Foto: Fox Sports. O volante Charles é um dos artilheiros do verde na Libertadores.

Foto: Fox Sports.     O volante Charles é um dos artilheiros do verde na Libertadores.


O alviverde precisará se superar neste primeiro confronto para ter boas condições para a partida de volta, já que o retrospecto nesta Libertadores não aponta um bom caminho para a equipe, que até agora perdeu os três jogos fora de seus domínios, não marcando um gol sequer. Já o time mexicano venceu as três em casa, não levando um único gol. Foi lá no Caliente, inclusive, que caiu a invencibilidade de 16 jogos do campeão Corinthians. Uma das dificuldades que os adversários normalmente encontram é o peculiar gramado sintético, no qual o Palmeiras buscou a adaptação ao realizar treinos no campo do Nacional, clube paulista que utiliza este tipo de gramado.

Diante das circunstâncias, o Tijuana é favorito para a primeira partida, mas o Palmeiras tem por muitas vezes compensado as adversidades com disposição, entrega e um espírito que a Libertadores exige. Esses fatores podem, quem sabe, dar boas condições para o clube brasileiro no jogo da volta, que será realizado no dia 14/05 em São Paulo.

Prováveis escalações:

Tijuana: Saucedo, Núñez, Gandolfi, Pablo Aguilar, Abrego; Fernando Arce, Corona, Pellerano; Fidel Martínez, Alfredo Moreno e Duvier Riascos.
Técnico: Antonio Mohamed

Palmeiras: Bruno, Ayrton, Henrique, Mauricio Ramos (André Luis), Marcelo Oliveira; Marcio Araujo, Charles, Souza, Wesley; Vinícius e Kléber.
Técnico: Gilson Kleina

Comentários

21 anos, morador de Maringá-PR. Corintiano de coração, aprendi ainda a ser Liverpool, na Europa. Como Doente por Futebol, acompanho diariamente jogos, jogadores e tudo o que acontece acerca deste apaixonante esporte. Minha função por aqui será de analisar e informar tudo o que rola na América do Sul e no México. Responsável ainda pelas colunas "Craque DPF" e "Futebol na Mídia".