Estaduais alternativos – Reta final do Capixabão e outros estados.

  • por Edson Vinicius
  • 6 Anos atrás
Campeonato estaduais de menor expressão chegam à sua fase fnal

Campeonato estaduais de menor expressão chegam à sua fase final

As semifinais do Capixabão 2013 começaram no meio da semana. O regulamento previa que, na primeira fase, todos os times se enfrentassem em turno e returno, com os quatro primeiros se classificando e jogando as semifinais em forma de mata-mata, tendo os dois times de melhor campanha a vantagem do empate, critério esse que se estende até a final.

Nas partidas de ida, o Real Noroeste reverteu temporariamente a vantagem do Aracruz, atual campeão e time de melhor campanha na primeira fase, ao vencer o jogo por 2×0, na cidade de Águia Branca. Para se classificar, o Aracruz precisa vencer o jogo de volta por dois gols de diferença.

Na outra semifinal, em Jaguaré, Conilon e a tradicional Desportiva Ferroviária empataram em 1×1. A Tiva joga por um empate pra voltar a uma decisão de Campeonato Capixaba após 12 anos. Ao Conilon só resta a vitória. Os jogos de volta acontecem no sábado e segunda.

Confira os demais Campeonatos Estaduais alternativos que estão na sua reta decisiva. No Mato Grosso e no Mato Grosso do Sul, iremos conhecer os campeões, enquanto em Roraima, iremos ver que time levará o primeiro turno, e em Brasília e no Pará, o segundo turno:

ACRE – Semifinalistas definidos. Agora, fica a pergunta: quem cairá?

No ex-território boliviano, os semifinalistas já estão definidos: Rio Branco, Plácido de Castro, Galvez e Atlético entraram no G-4 e não podem mais ser alcançados, mesmo com alguns times ainda tendo dois jogos para fazer, contra apenas um de outros. Com relação ao rebaixamento, Andirá, Alto Acre e Náuas lutam contra a degola. Neste final de semana, Náuas ou Alto Acre podem ser rebaixados.

ALAGOAS – Tradicionais são favoritos.

Na terra dos “times-siglas”, as semifinais estão equilibradas. Em uma, o CRB empatou com o CEO no jogo de ida e agora, joga pelo empate em casa. O CSA também joga por esse resultado diante do ASA.

AMAZONAS – Nacional quer papar novamente.

No segundo turno, os jogos de volta das semifinais acontecem no final de semana. No sábado, o Princesa joga pelo empate diante do Fast. Já no domingo, o Nacional pode perder até por dois gols de diferença que avança à decisão. Campeão do Primeiro Turno, o Naça pode ganhar o campeonato antecipadamente.

BRASILIENSE – Decisão entre favoritos
Brasiliense e Ceilândia empataram na partida de ida da final em 1×1, e agora o Jacaré joga pelo novo empate para levantar a taça.

MATO GROSSO – Poderemos ter um novo campeão.
Na terra do Pantanal, o Mixto venceu o jogo de ida diante do Cuiabá por 1×0, e um simples empate garante o título ao time.

PARÁ – Remo a um empate da taça.

Na primeira partida da decisão do segundo turno, o Remo derrotou o Paragominas por 1×0, e joga pelo empate na Arena Verde, neste domingo, às 16h.

PIAUÍ – Tradicionalismo soberano.

Nas semifinais, os tradicionais River e Flamengo, obtiveram vantagem diante de Piauí e Parnahyba, respectivamente. O Fla pode perder até por um gol de diferença na volta, enquanto o River joga pelo empate.

RORAIMA – De fora, Náutico torce para levar título.

Na última rodada do turno, a emoção vai tomar conta do jogo entre Baré e São Raimundo. O time do São Raimundo tem um ponto a menos do que o líder Náutico, que folga na rodada. Um simples empate garante o título à equipe.

MATO GROSSO DO SUL – Cene pode levantar o caneco.

Na partida de volta da finalíssima, o Cene, vencedor do jogo de ida por 2×1, joga por um simples empate diante do Naviraíense para garantir a taça.

*Texto escrito em colaboração com Matheus Mandy

Comentários

Médico clínico geral e geriatra, apreciador do bom futebol, doente pelo Flamengo e viúva de Zico!