Francesão: Expectativa de campeões no final de semana

Francesão2

Aquela velha máxima, que sempre é utilizada na reta final de alguns Campeonatos Brasileiros, não poderá ser usada na Ligue1: “Ninguém quer ganhar”. Nas três principais divisões do Campeonato Francês, o título está bem encaminhado para os seus líderes, que podem levantar o caneco de suas respectivas divisões já nesse próximo final de semana.

Para ser mais preciso: Paris-Saint Germain na primeira, Mônaco na segunda e Créteil na terceira somente adiaram aquilo que já poderia ter acontecido nesse último final de semana. Todos eles já poderiam estar vivendo uma semana mais folgada. Contudo, tropeçaram nas próprias pernas e precisarão entrar mais focados na próxima rodada para conseguir já conquistar os títulos.

Na Ligue1, o PSG é soberano. Não existe qualquer time que tenha elenco pra fazer frente ao poderoso time de Paris. Porém, no último domingo, o inesperado tropeço, em casa, diante do Valenciennes, postergou o título que já é iminente. Os torcedores do bilionário líder terão que viajar até Lyon, enfrentar o atual 3º colocado – e que já não perde há quatro jogos – para tentar vencê-los e alcançar a glória na 36ª rodada. Missão bem mais difícil do que bater o VAFC em casa, convenhamos. Sobretudo, nada impossível em se tratando da qualidade do elenco parisiense. Independentemente de qualquer outro resultado do vice-líder Olympique de Marseille, uma vitória do PSG já lhe dá o título. E tem mais: o OM não pode mais, sequer, empatar. Para não entregar o título de bandeja ao Paris-Saint Germain, o time de Valbuena e cia terá que vencer todos os próximos três jogos. Um empate, em casa, na próxima rodada, contra o Toulouse, mesmo que o PSG perca para o Lyon, já dá o título ao time do sheik Nasser Al-Khelaifi.

Foto: Extra.globo.com - Ibrahimovic, principal nome do PSG na temporada, não vê a hora de colocar a mão na taça

Foto: Extra.globo.com – Ibrahimovic, principal nome do PSG na temporada, não vê a hora de colocar a mão na taça

Na segundona, assim como na Ligue1, também já se passaram 35 rodadas e o Monaco ainda não cravou seu título. Mas também é questão de tempo. O clube do Principado tem cinco pontos de diferença do vice-líder Nantes. No último domingo, assim como o primo rico da Primeirona, também tropeçou em casa. Mas nesse caso, o ASM perdeu para o Caen, por 1×0. Agora, no próximo domingo, terá a missão de bater o Nîmes, 7º colocado, dentro do Stade des Costières. Para o líder, basta uma vitória e torcer pela derrota do Nantes (que recebe aquele mesmo Caen) para se sagrar o campeão da Ligue2.

Foto: SoFoot - Ibrahima Touré se tornou a peça principal do Monaco e artilheiro do time na Ligue2

Foto: SoFoot – Ibrahima Touré se tornou a peça principal do Monaco e artilheiro do time na Ligue2

Na National – também conhecida como Terceira Divisão – quem lidera, até mesmo com certa folga, é o Créteil-Lusitanos. Soma 75 pontos contra os 67 do vice-líder Metz. Na última sexta-feira, pela 35ª rodada, o líder empatou por 2×2, em casa, contra o Red Star, da cidade de Saint-Ouen, e agora pode levantar a taça no próximo sábado, diante do Rouen, no Stade Robert Diochon, no distrito de Le Petit-Quevilly. O Créteil não precisa, sequer, vencer. Basta somente o Metz não ganhar do Orléans (4º colocado) para que o troféu caia em suas mãos. Moleza, de certa forma.

Foto: LeFootballVrai - Artilheiro do Créteil, o madagascarense Faneva Andriatsiama já caiu nas graças da torcida

Foto: LeFootballVrai – Artilheiro do Créteil, o madagascarense Faneva Andriatsiama já caiu nas graças da torcida

Tudo indica que desse final de semana não passa. As chances de títulos são enormes para os três times. Não é preciso quebrar a cabeça para entender a confortável situação dos líderes. O Monaco, com cinco pontos de diferença do seu concorrente, faltando três jogos, é o único que corre um ligeiro perigo. Mas nada que torne necessário um alerta amarelo. Definitivamente, o próximo final de semana será certeiro para o futebol francês como um todo. E a emoção, daqui em diante, ficará por conta da zona de rebaixamento e as posições de classificação para as ligas europeias. Mas aí já é outra história.

Comentários

Curte Campeonato Francês e é torcedor do Olympique LYONnais. Dono do único blog do Lyon no Brasil. Já foi colaborador do Jogo Aberto, blog do Lédio Carmona. Já foi colunista de futebol francês da extinta Revista Doentes por Futebol e do portal Os Geraldinos. Foi comentarista da Rádio Futebol Plus. Hoje em dia é editor chefe e sócio-fundador da Doentes Por Futebol. Participa do "Le podcast du Foot", podcast sobre futebol francês do colunista Bruno Pessa, do Portal IG. E é colaborador de futebol Francês no programa "[email protected]", da Rádio Globo SP.