Guia do Campeonato Brasileiro 2013 – parte 1

  • por Doentes por Futebol
  • 8 Anos atrás

CRICIÚMA

Paulo Santana Neto

criciúma

O Criciúma disputou a séria A do Brasileirão pela última vez em 2004. De lá pra cá, o Tigre rodou pelas divisões inferiores para, enfim, conseguir o acesso de volta à elite no ano passado. A dupla de atacantes, que fora o destaque do time na campanha que trouxe os catarinenses novamente para a primeira divisão, não continuou na equipe. O jovem Lucca se transferiu para o Cruzeiro, enquanto Zé Carlos partiu para o futebol chinês. Mas este último está prestes a retornar ao Brasil, atuando pelo rival Figueirense.

Para 2013, o Criciúma se reforçou com jogadores conhecidos no cenário nacional, como o atacante Marcel, ex-Grêmio e Santos, o meia Daniel Carvalho, ex-Palmeiras, e o zagueiro Fábio Ferreira, ex-Botafogo. Além de diversos outros jogadores oriundos de times grandes, tendo como exemplos o volante João Vitor e o defensor Thiago Heleno, ambos vindos do Palmeiras. No começo do Catarinense deste ano, a campanha foi um tanto irregular. Com isso, o técnico Paulo Comelli deu lugar ao experiente Vadão, que conseguiu dar uma nova cara para a equipe. E, desde então, o Tigre subiu consideravelmente de produção, conquistando o campeonato estadual e garantindo o lugar na terceira fase da Copa do Brasil.

Foto: reprodução - Lins, certeza de gols para o tigre.

Foto: reprodução – Lins, certeza de gols para o Tigre.

Mas, mesmo com os jogadores conhecidos e as vitórias conquistadas nas últimas partidas, o elenco do Criciúma ainda não inspira a confiança necessária para cravar a permanência da equipe na Série A, até mesmo porque o time não foi inteiramente testado no ano. Portanto, pode-se afirmar que, com base no cenário atual, caso o Tigre fique fora da zona de rebaixamento no campeonato, esta já será uma conquista significativa.

Time base: Bruno, Marlon, Fábio Ferreira, Matheus Ferraz, Suéliton, Ewerton Pascoa/Amaral, Elton, Ivo, Fabinho, Lins, Marcel.

Destaque: O atacante Lins, que já marcou 13 gols no ano, vem sendo a principal arma ofensiva da equipe.

Comentários

Páginas: 1 2 3 4 5