Para espantar a maldição

  • por Bráulio Silva
  • 8 Anos atrás

O São Paulo inicia hoje a noite no Morumbi o duelo diante do Atlético-MG, válido pelas oitavas de final da Libertadores de 2013. Time brasileiro com maior número de participações na competição, o Tricolor fez uma campanha fraca na primeira fase, onde quase foi eliminado, no grupo onde também estava o adversário de hoje à noite, além dos bolivianos do The Strongest e os argentinos do Arsenal de Sarandí.

ceniajoelhafestarmatsukawaterra
Para o duelo de logo mais, o São Paulo aposta na mesma fórmula que deu certo no confronto da fase de grupos, com marcação forte e velocidade nos contra-ataques, principalmente com Osvaldo que atravessa grande fase, ainda mais sendo municiado por Jádson e Ganso.

O time terá como desfalques o artilheiro Luis Fabiano, que cumpre o último dos quatro jogos que ele recebeu de suspensão e os volantes Fabrício e Maicon, lesionados.

FBL-LIBERTADORES-ARSENAL-SAOPAULO
Com relação a última partida, a novidade é o meia Jádson que cumpriu suspensão pelo acúmulo de amarelos. Um dos principais jogadores do time na temporada, Jádson entra na equipe no lugar de Douglas, que o substituiu.

Novidade: O São Paulo inscreveu o atacante Silvinho, que disputou o campeonato paulista pela equipe da Penapolense. Silvinho ultilizará a camisa 22, que era de Casemiro, que foi para o Real Madrid. Mas o atacante ainda não estará a disposição de Ney Franco, que deve optar por escalar o São Paulo com: Rogério; Paulo Miranda, Lúcio, Tolói e Carleto; Denilson e Wellington; Jádson, Ganso e Osvaldo; Aloísio.

13fev2013---ronaldinho-gaucho-do-atletico-mg-conversa-com-ganso-do-sao-paulo-apos-jogo-valido-pela-libertadores-1360808466384_1920x1080
Boa parte dos 64 mil ingressos colocados à venda foram comercializados e a promessa é de casa cheia, além do maior público desta edição da Libertadores.

Curiosidade: Em todas as edições que o São Paulo ficou com o título, houve pelo menos um confronto contra equipes brasileiras. Em 92 o tricolor eliminou o surpreendente Criciúma nas quartas de final. Em 93 foi a vez do Flamengo também nas quartas. Em 2005 foram dois confrontos – Palmeiras nas oitavas e o Atlético-PR na final. De lá pra cá, foram sete confrontos com cinco eliminações e apenas 2 triunfos;

* 2006 – vitória sobre o Palmeiras nas oitavas e derrota para o Inter na final.
* 2007 – derrota para o Grêmio nas oitavas
* 2008 – derrota para o Fluminense nas quartas
* 2009 – derrota para o Cruzeiro nas quartas
* 2010 – vitória sobre o Cruzeiro nas quartas e derrota para o Inter na semi-final.

 

Comentários

Paulistano, casado e com 33 anos. Apaixonado por futebol e pelo São Paulo FC. De memória privilegiada, adora relatar e debater fatos futebolísticos de outrora. Ex-estudante de jornalismo, hoje gerencia uma drogaria no município de Barueri, além de escrever para a Doentes por Futebol.