Pré jogo: Grêmio x Santa Fé-COL

  • por Mauricio Fernando
  • 8 Anos atrás
Foto: Lancepress.  O suspenso Luxemburgo está ameaçado.

Foto: Lancepress.     O suspenso Luxemburgo está ameaçado.

Não dá mais para bobear. É hora de todo o investimento feito valer a pena. Pensando nisso, o Grêmio entrará em campo no jogo de ida das oitavas de final da Taça Libertadores da América 2013. Nesta quarta, às 19h30 em sua arena, o tricolor gaúcho enfrenta o Independente Santa Fé da Colômbia, única equipe invicta na competição.

O confronto é de extrema importância para o Imortal. Se não fizer valer o alto investimento, o técnico Vanderlei Luxemburgo pode perder o emprego, segundo afirma parte da imprensa gaúcha. Luxa trouxe jogadores de sua confiança e teve da diretoria, resposta positiva com relação aos reforços, que foram trazidos, mas até agora não renderam tudo o que deles se esperava. Apesar de alguns bons momentos, o time ainda não deu liga, e boa parte da culpa recai sobre o treinador.

Foto: Estadio Vip.  Omar Perez está confirmado.

Foto: Estadio Vip.    Omar Pérez está confirmado.


Diferentemente do adversário destas oitavas, o Independente Santa Fé vive ótimo momento. Além da liderança na liga colombiana e da invencibilidade na Libertadores, o clube vive lua de mel com a torcida pelas recentes conquistas históricas como o Apertura colombiano de 2012, quebrando um jejum de 37 anos sem o título nacional, além da recente conquista da Superliga Colombiana em janeiro, a primeira da história do clube.

Os colombianos confiam que podem conquistar um bom resultado no Brasil. Não é para menos, a excelente campanha no grupo 6 (4 vitórias e 2 empates), que tinha ainda Garcilaso-PER, Tolima-COL e Cerro Porteño-PAR, valeu a segunda colocação geral para a equipe, que chega motivada ainda pela ótima campanha no atual campeonato nacional. A equipe lidera a competição e está a uma vitória da classificação antecipada para o quadrangular semifinal, mesmo restando ainda cinco rodadas para o fim.

Para o duelo desta quarta, o expresso vermelho comandado por Wilson Gutierrez não poderá contar com os volantes Arias e Garcia, além do lateral Garcia, todos lesionados. O meia Omar Pérez e o atacante Medina, destaques do time, estão confirmados. Christian Borja, velho conhecido do torcedor gaúcho da passagem pelo Caxias – além do Flamengo – deve começar no banco.

Foto: Lancepress.  Elano volta ao time após lesão.

Foto: Lancepress.      Elano volta ao time após lesão.


Já o Grêmio, recém eliminado da disputa do Gauchão, concentra todas as forças na Libertadores, competição em que faz campanha irregular até aqui. Após se classificar nos pênaltis na primeira fase eliminatória diante da LDU, a equipe se classificou em segundo no grupo 8, que tinha Fluminense, Huachipato-CHI e Caracas-VEN e teoricamente deveria ser fácil para os gaúchos, que acabaram se classificando no sufoco na última rodada, somando oito pontos (2 vitórias, 2 empates e 2 derrotas) em seis partidas, a segunda pior campanha dentre os classificados.

Porém muitos são os problemas para esta primeira partida. Zé Roberto suspenso pelo acúmulo de cartões amarelos, os zagueiros Werley e Saimon e o volante Adriano contundidos são os desfalques mais sentidos. As novidades ficam por conta da volta de Elano, após se recuperar de lesão no joelho direito, e das presenças de Alex Telles e Bressan na equipe titular. André Santos atuará mais avançado, como meia, completando esquema semelhante ao que esteve em campo em boa parte do jogo frente ao Huachipato. O zagueiro Cris que cumpriu suspensão diante dos chilenos também está de volta. O defensor Gabriel, recém contratado junto ao Lajeadense, ficará no banco.

Foto: Edu Andrade/Gazeta Press.  Roger Machado dirigirá o Grêmio.

Foto: Edu Andrade/Gazeta Press.       Roger Machado dirigirá o Grêmio.


Outras ausências importantes serão a do zagueiro Douglas Grolli, do técnico Vanderlei Luxemburgo e de seu auxiliar Emerson Rosa, punidos de forma rigorosa pelo incidente ocorrido após a partida contra o Huachipato em Talcahuano, que valeu a classificação do Grêmio às oitavas. Roger Machado, outro ex-atleta gremista assumirá o comando da equipe na ausência de Luxa.

Prováveis equipes:

Grêmio: Dida; Pará, Cris, Bressan e Alex Telles; Fernando, Souza, André Santos e Elano; Vargas e Barcos.
Técnico: Roger Machado

Santa Fé: Camilo Vargas; Roa, Valdés, Meza e Acosta; Torres, Bedoya, Anchico e Omar Pérez; Medina e Cuero.
Técnico: Wilson Gutierrez

Comentários

21 anos, morador de Maringá-PR. Corintiano de coração, aprendi ainda a ser Liverpool, na Europa. Como Doente por Futebol, acompanho diariamente jogos, jogadores e tudo o que acontece acerca deste apaixonante esporte. Minha função por aqui será de analisar e informar tudo o que rola na América do Sul e no México. Responsável ainda pelas colunas "Craque DPF" e "Futebol na Mídia".