Eliminatórias Copa – África: a penúltima “estação”

  • por Rogério Bibiano
  • 7 Anos atrás

As Eliminatórias Africanas para a Copa do Mundo 2014 têm, neste final de semana e na terça-feira (15), o começo do playoff decisivo que irá classificar os 5 representantes do continente para o Brasil. O Doentes por Futebol detalha para você cada confronto da ida.

12/10 – 13:00 – BURKINA FASO x ARGÉLIA – Stade du 4 Aout/Ouagadougou

Na capital de Burkina Faso, a atual vice-campeã africana recebe a tradicional Argélia. Para o primeiro jogo decisivo, o treinador belga, Paul Put, não poderá contar com o atacante Alain Traore, um dos destaques da equipe. Traore está lesionado e sequer foi convocado. O irmão mais novo de Alain Bertrand, vinculado ao Chelsea (ENG), foi escolhido.

Vice-campeã africano, Burkina Faso luta para chegar ao seu primeiro mundial - foto: reprodução

Vice-campeã africano, Burkina Faso luta para chegar ao seu primeiro mundial – foto: reprodução

Após anos de ostracismo no futebol, a Argélia retornou ao cenário futebolístico, voltando a participar de uma Copa do Mundo em 2010. A Argélia, do treinador bósnio Vahid Halilhodzic aposta em sua base, que conta com bons jogadores, muitos atuando em grandes centros da Europa, para participar do que será a sua quarta Copa do Mundo.

Com a maioria dos jogadores atuando na Europa, a Argélia tenta ir até a sua quarta Copa do Mundo - foto: reprodução

Com a maioria dos jogadores atuando na Europa, a Argélia tenta ir até a sua quarta Copa do Mundo – foto: reprodução

Convocados de cada Seleção

Burkina Faso

Goleiros: Daouda Diakite (FC Mounana), Lare Mohamed Diarra (RC Kadiogo), Abdoulaye Soulama (Ashante Kotoko/GHA)

Defensores: Mohamed Koffi (FC Zurich/SWI), Bakary Kone (Olympique Lyon/FRA), Paul Koulibaly (El Shorta), Jean Noel Lingani (Horoya/GUI), Madi Panandetiguiri (Chippa United), Henri Traore (AshantiGold/GHA), Steeve Yago (Toulouse/FRA)

Meiocampistas: Benjamin Balima (Sheriff Tiraspol/ALB), Adama Guira (Sonderjyske/NOR), Charles Kabore (Kuban Krasnodar/RUS), Djakaridja Kone (Evian Thonon Gaillard FC/FRA), Florent Rouamba (Racing Lens/FRA), Bertrand Traore (Chelsea/ENG), Jonathan Zongo (Almeria/ESP)

Atacantes: Aristide Bance (Fortuna Dusseldorf/GER), Moumouni Dagano (Al Saliya/QAT), Prejuce Nakoulma (Gornik Zabrze/CRO), Issiaka Ouedraogo (Admira Wacker), Jonathan Pitroipa (Stade Rennes/FRA), Abdou Razack Traore (Gaziantespor/TUR)

Argélia

Goleiros: Azzeddine Doukha (USM Harrach), Rais Mbolhi (CSKA Sofia/BUL), Cedric Si Mohammed (CS Constantine/TUR), Mohamed Lamine Zemmamouche (USM Alger)

Defensores: Essaid Belkalem (Watford/ENG), Majid Bougherra (Al Lekhwiya/QAT), Liassine Cadamuro (Real Sociedad/SPA), Faouzi Ghoulam (St. Etienne/FRA), Nacereddine Khoualed (USM Alger), Carl Medjani (Olympiakos/GRE), Djamel Mesbah (Parma/ITA), Ali Rial (JS Kabylie)

Meiocampistas: Yacine Brahimi (Granada/SPA), Abdelmoumene Djabou (Club Africain/TUN), Sofiane Feghouli (Valencia/SPA), Adlene Guedioura (Crystal Palace/ENG), Foued Kadir (Stade Rennes/FRA), Amir Karaoui (Entente Setif), Medhi Lacen (Getafe/SPA), Mehdi Mostefa (Ajaccio/FRA), Saphir Taider (Internazionale/ITA), Hassan Yebda (Granada/SPA)

Atacantes: Mohamed Amine Aoudia (Dynamo Dresden/GER), Nabil Ghilas (FC Porto/POR), Hilal Soudani (Dinamo Zagreb/CRO), Islam Slimani (Sporting Lisboa/POR).

12/10 – 14:00 – COSTA DO MARFIM x SENEGAL – Stade Felix Houphouet-Boigny/Abidjan

A fortíssima Costa do Marfim recebe em casa o Senegal, um velho conhecido marfinense. Em novembro do ano passado, os marfinenses eliminaram os senegaleses da Copa Africana das Nações, sendo que, no jogo de volta, em Dacar (SEN), a partida não chegou ao fim por conta de um tumultuo com direito a incêndio nas arquibancadas, que forçou o cancelamento do jogo. Em função disto, os senegaleses foram condenados a jogarem um ano longe do país.

Foto: Reprodução | Maior jogador da história da Costa do Marfim, Drogba tenta levar seu país à mais uma Copa do Mundo

Foto: Reprodução | Maior jogador da história da Costa do Marfim, Drogba tenta levar seu país à mais uma Copa do Mundo

Em campo, os marfinenses contarão com o retorno de Kolo Touré, que desde março não era convocado. Max Gradel também retorna à seleção após recuperar-se de lesão. Didier Drogba e Didier Zokora, que, segundo parte da imprensa marfinense, não têm bom relacionamento com o treinador Sabri Lamouchi, também estão confirmados no elenco. o atacante Ya Konan, é o grande desfalque, com grave lesão no tornozelo, só retorna no próximo ano. A Costa do Marfim é a grande favorita do duelo.

Senegal deposita suas esperanças em Papis Cisse, para participar de 1 Copa do Mundo - foto: reprodução

Senegal deposita suas esperanças em Papis Cisse, para participar de 1 Copa do Mundo – foto: reprodução

Os Leões de Teranga têm uma difícil missão pela frente se quiserem retornar à Copa do Mundo. A missão é ainda um pouco mais difícil do que poderia, já que o treinador francês Alain Giresse abdicou, por opção, de convocar o centrovante Demba Ba. Também não poderá contar com Mame Birame Diouf, lesionado. Por outro lado, contará com o retorno de Papis Cissé, ausente da última rodada devido a suspensão automática.

Convocados de cada Seleção

Costa do Marfim

Goleiros: Boubacar Barry (Lokeren/BEL), Abdoul Karim Cisse (Africa Sports), Sylvain Gbohouo (Sewe Sport)

Defensores: Jean Akpa Akpro, Serge Aurier (Toulouse/FRA), Arthur Boka (VfB Stuttgart/GER), Benjamin Brou Angoua (Valenciennes/FRA), Soulemanye Bamba (Trabzonspor/TUR), Viera Diarrassouba (Caykur Rizespor/TUR), Kolo Toure (Liverpool/ENG), Didier Zokora (Trabzonspor/TUR)

Meiocampistas: Serey Die (Basel/SWI), Jean-Jacques Gosso Gosso (Genclerbirligi/TUR), Max Gradel (St Etienne/FRA), Romaric (Bastia/FRA), Cheick Tiote (Newcastle United/ENG), Yaya Toure (Manchester City/ENG)

Atacantes: Wilfried Bony (Swansea City/ENG), Didier Drogba (Galatasaray/TUR), Gervinho (AS Roma/ITA), Salomon Kalou (Lille/FRA), Giovanni Sio (VfL Wolfsburg/GER), Lacina Traore (Anzhi Makhachkala/RUS).

Senegal

Goleiros: Bouna Coundoul (Ethnikos/GRE), Cheikh Ndiaye (Stade Rennes/FRA), Issa Ndoye (Creteil)

Defenxores: Issa Cissokho, Pape Mison Djilobodji (Nantes/FRA), Lamine Gassama (Lorient/FRA), Cheikh Kouyate (Anderlecht/BEL), Cheikh Mbengue (Toulouse/FRA), Kara Mbodj (Racing Genk/BEL), Pape Ndiaye Souare (Lille/FRA), Lamine Sane (Girondins Bordeaux/FRA)

Meiocampistas: Stephane Badji (Brann Bergen/DEN), Mouhamed Diame (West Ham United/ENG), Idrissa Gana Gueye (Lille/FRA), Alfred Ndiaye (Eskisehirspor/TUR), Salif Sane (Hanover 96/GER)

Atacantes: Ibrahima Balde (Kuban Krasnodar/RUS), Papiss Demba Cisse (Newcastle United/ENG), Sadio Mane (Salzburg/AUT), Dame Ndoye (Lokomotiv Moscow/RUS), Henri Saivet (Girondins Bordeaux/FRA), Modou Sougou (Evian Thonon Gaillard FC/FRA), Moussa Sow (Fenerbahce/TUR).

13/10 – 12:00 – ETIÓPIA x NIGÉRIA – Addis Ababa Stadium/Addis Abeba

Maior surpresa da zona africana das Eliminatórias, a Etiópia espera fazer novamente história e classificar-se para a Copa do Mundo pela primeira vez. A equipe está ciente de que, para que tal objetivo seja atingido, é fundamental vencer a atual campeã continental, Nigéria, em Addis Abeba. O treinador Sewnet Bishaw não poderá contar com Getaneh Kebede e Saladin Said, ambos lesionados.

Favorita para o confronto e atual campeã africana, a Nigéria, de Stephen Keshi, tem oscilado bastante após a conquista da Copa Africana das Nações. Para este duelo, Keshi chama novamente a mesma base que venceu o torneio continental no começo do ano – tudo isto após uma série de inúmeros testes durante este período.

Convocados de cada Seleção

Etiópia

Goleiros: Dereje Alemu (Sebeta City), Jemal Tasew (Ethiopian Coffee), Samson Assefa (Saint George) e Sisay Bancha (Dedebit).

Defensores: A. Butako (Saint George), Aynalem Hailu (Dashen Beer), Birhanu Bogale (Dedebit), Degu Debebe (Saint George), Elias Biadgelegn (Saint George), Moges Tadesse (Ethiopian Coffee), S. Bergecho (), Siyoum Tesfaye (Dedebit) e Toke James ().

Meiocampistas: Adane Mentesenot (), Asrat Megersa (Hapoel HaSharon/ISR), Behailu Assefa (Saint George), Fasika Asfaw (), Medhane Tadesse (Defense), Menyahel Teshome (Saint George).

Atacantes: Adane Girma (Saint George), Dawit Fekadu () e Oumed Oukri (Saint George)

Nigéria

Goleiros: Vincent Enyeama (Lille FC/FRA); Austin Ejide (Hapoel Be’er Sheva/ISR); Chigozie Agbim (Enugu Rangers)

Defensores: Elderson Echiejile (Sporting Braga/POR); Francis Benjamin (Heartland FC); Efe Ambrose (Celtic FC/SCO); Solomon Kwambe (Sunshine Stars); Godfrey Oboabona (Rizespor FC/TUR); Azubuike Egwuekwe (Warri Wolves); James Okwuosa (Chippa United/SAF)

Meiocampistas: John Mikel Obi (Chelsea FC/ENG); John Ogu (Academica de Coimbra/POR); Ogenyi Onazi (SS Lazio/ITA); Nosa Igiebor (Real Betis/SPA); Victor Moses (Liverpool/ENG); Sunday Mba (Enugu Rangers); Nnamdi Oduamadi (AC Milan/ITA)

Atacantes: Ahmed Musa (CSKA Moscow/RUS); Brown Ideye (Dynamo Kyiv/UKR); Shola Ameobi (Newcastle United/ENG) Emmanuel Emenike (Fenerbahce FC/ENG); Obinna Nsofor (Lokomotiv Moscow/RUS); Uche Nwofor (SC Heerenveen/NED)

13/10 – 14:00 – TUNÍSIA x CAMARÕES – Stade Olympique de Radès/Rades

Após conquistar a vaga no tapetão (graças à escalação do irregular atleta Nando por parte de Cabo Verde), a Tunísia terá a estreia do treinador holandês Ruud Krol, que assumiu a equipe após Nabil Maaloul pedir demissão do comando das Águias de Cartago. Krol não poderá contar com a sua dupla titular da zaga: Karim Hagui e Aymen Abdennour, suspensos. Também optou de maneira surpreendente por não convocar Youssef Msakni e Oussama Darragi. Entretanto, a instabilidade camaronesa pode ser um aliado dos tunisianos.

Graças ao tapetão, a Tunísia pode participar de mais uma Copa do Mundo - foto: reprodução

Graças ao tapetão, a Tunísia pode participar de mais uma Copa do Mundo – foto: reprodução

Imersa em uma crise, mesmo nas vitórias, Camarões luta contra o ambiente dentro do vestiário. O problema da vez em Camarões foi a recente declaração de Eto’o que afirmou, após o jogo contra a Líbia, que não jogaria mais pela seleção. Avesso às declarações do camisa 9, o treinador alemão, Volker Finke, convocou o atacante, que reconsiderou a decisão após conversa pessoal com o presidente da República, Paul Biya, durante esta semana. No papel, os Leões Indomáveis possuem bons nomes. Resta saber se conseguirão atuar de forma coletiva.

Camarões tenta afastar a crise e ir para a Copa do Mundo 2014 - foto: reprodução

Camarões tenta afastar a crise e ir para a Copa do Mundo 2014 – foto: reprodução

Convocados de cada Seleção

Tunísia

Goleiros: Moez Ben Cherifia (Esperance), Farouk Ben Mustapha (CA Bizerte), Rami Jeridi (CS Sfaxien), Aymen Mathlouthi (Etoile Sahel)

Defesores: Siam Ben Youssef (FC Astra/FRA), Alaya Brigui (Etoile Sahel), Khalil Chammam, Sameh Derbali, Chamseddine Dhaouadi (todos do Esperance), Yassine Mikari (FC Luzern/SWI), Mohamed Ali Yacoubi (Club Africain), Alaeddine Yahia (Racing Lens/FRA)

Meiocampistas: Anis Ben Htira (Hertha Berlin/GER), Wissem Ben Yahia (Mersin Idmanyurdu), Yassine Chikhaoui (FC Zurich/SWI), Maher Hannachi (CS Sfaxien), Ahmed Harrane (CA Bizerte), Wahbi Khazri (Bastia/FRA), Khaled Mouelhi, Houcine Ragued (Esperance), Ferjani Sassi (CS Sfaxien)

Atacantes: Sami Allagui (Hertha Berlin/GER), Fakhreddine Ben Youssef (CS Sfaxien), Amine Chermiti (FC Zurich/SWI), Issam Jomaa (Kuwait SC/KUW), Saber Khalifa (Olympique Marseille/FRA).

Camarões

Goleiros: Idriss Carlos Kameni (Malaga/SPA), Charles Itandje (Konyaspor/TUR), Sammy Ndjock (Fethiyespor/TUR)

Defensores: Allan Nyom (Granada/SPA), Aurelien Chedjou (Galatasaray/TUR), Dany Nounkeu (Galatasaray/TUR), Nicolas Nkoulou (Marseille/FRA), Gaetan Bong (Olympiakos/GRE), Jean-Armel Kana-Biyik (Rennes/FRA), Henri Bedimo (Lyon/FRA)

Meiocampistas: Stephan Mbia (Queens Park Rangers/ENG), Eyong Enoh (Ajax Amsterdam/NED), Jean II Makoun (Rennes/FRA), Joel Matip (Schalke 04/GER), Raoul Cedric Loe (Osasuna/SPA), Landry Nguemo (Bordeaux/FRA), Alex Song (Barcelona/SPA). Edgar Salli (Lens/FRA)

Atacantes: Samuel Eto’o (Chelsea/ENG), Achille Webo (Fenerbahce/TUR), Aboubakar Oumarou (Waasland-Beveren/BEL), Eric-Maxim Choupo Moting (Mainz/GER), Jacques Zoua (Hamburgo/GER), Benjamin Moukandjo (Nancy/FRA), Fabrice Olinga (Malaga/SPA)

Standby: Jean-Marie Dongou (Barcelona/SPA), Roland Ndy Assembe (Guingamp/FRA), Frank Bagnack (Barcelona/SPA), Vincent Aboubakar (Lorient/FRA). Mohamadou Idrissou (Kaiserslautern/GER)

15/10 – 16:00 – GANA x EGITO – Baba Yara Stadium/Kumasi

Melhor seleção africana nos dois últimos Mundiais, Gana tem pela frente um adversário de muita tradição no continente e pouca tradição em Copas. Para o primeiro duelo decisivo, o treinador Kwesi Appiah não poderá contar com John Boye e Kevin-Prince Boateng, lesionados. Os irmãos Andre e Jordan Ayew, que estavam em lítigio com o treinador, voltam à seleção.

Melhor africana nas duas últimas Copas, Gana tem um compromisso difícil para vir ao Brasil - foto: reprodução

Melhor africana nas duas últimas Copas, Gana tem um compromisso difícil para vir ao Brasil – foto: reprodução

Sonhando com a Copa do Mundo desde 1990, o Egito tem uma missão complicada, mas aposta na camisa e no bom retrospecto contra os ganeses nos últimos anos. No entanto, os problemas políticos do país influenciaram nitidmanete o rendimento da seleção, ausente nas últimas duas Copas Africanas das Nações, torneio do qual é o maior vencedor da história. O treinador norte-americano Bob Bradley deixou de chamar alguns nomes, como Ahmed Hassan, Omar Gaber e Al Abd. A base da seleção segue sendo o Al-Ahly.

Ausente da Copa desde 1990, Egito corre por fora na briga contra Gana. - foto: reprodução

Ausente da Copa desde 1990, Egito corre por fora na briga contra Gana. – foto: reprodução

Convocados de cada Seleção

Gana

Goleiros: Fatau Dauda (Orlando Pirates/SAU), Adam Kwarasey (Stromgodset/NOR), Richard Kingson (Doxa Katokopias/CYP)

Defensores: Samuel Inkoom (Dnipro/UKR), Daniel Opare (Standard Liege/BEL), David Addy (Vitoria Guimaraes/POR), Baba Abdul Rahman (Greuther Furth/GER), Jerry Akaminko (Eskisehirspor/TUR), Rashid Sumaila (Mamelodi Sundowns/SAU), Mohammed Awal (Maritzburg United/SAU)

Meiocampistas: Michael Essien (Chelsea/ENG), Emmanuel Frimpong (Arsenal/ENG), Sulley Muntari (AC Milan/ITA), Kwadwo Asamoah (Juventus/ITA), Emmanuel Agyemang Badu (Udinese/ITA), Albert Adomah (Middlesbrough/ENG), Mubarak Wakaso (Rubin Kazan/RUS), Christian Atsu (Vitesse Arnhem/NED), Andre Ayew (Marseille/FRA)

Atacantes: Asamoah Gyan (Al Ain/UAE), Abdul Majeed Waris (Spartak Moscow/RUS), Jordan Ayew (Marseille/FRA), Mahatma Otoo (Sogndal/NOR).

Egito

Goleiros: Sherif Ekramy (Al Ahly), Ahmed El Shenawy (Al Masry), Mohamed Sobhy (Ismaily)

Defensores: Ahmed Fathy (Al Ahly), Ahmed El Mohamady (Hull City/ENG), Hazem Emam (Zamalek), Wael Gomaa (Al Ahly), Mohamed Nagub (Al Ahly), Rami Rabiea (Al Ahly), Sayed Moawad (Al Ahly), Mohamed Abdul Shafy (Zamalek)

Meiocampistas: Ahmed Sheded (Al Ahly), Amr El Sulayia (Ismaily), Hossam Ashour (Al Ahly), Hossam Ghaly (Lierse SK/BEL), Mohamed El Neny (FC Basel/SWI), Hosny Abdo Rabo (Ismaily), Abdul Razak Shikabala (Zamalek), Mohamed AbouTrika (Al Ahly), Waleed Suliman (Al Ahly), Abdulallah Al Saied (Al Ahly)

Atacantes: Ahmed Eid (Zamalek), Amr zaki (Al Salmyia), Mohamed Salah (FC Basel/ENG), Mahmoud Kahraba (Luzern/SWI), Mohamed Gedo (Hull City/ENG).

Os jogos de volta das Eliminatórias na África estão programados para a segunda quinzena do mês de novembro. Os principais detalhes das Eliminatórias na África você confere aqui, no Doentes por Futebol.

Comentários

Natural de Telêmaco Borba-PR e criado em meio à "boemia futebolística", com horas de papo sobre futebol, samba e cervejas na pauta. Influência do pai, que também adorava futebol, e da mãe, que sempre apoiou a iniciativa. Técnico em Eletrônica, formado desde 1999, e fanático por futebol, futsal, futebol de praia, society e todo esporte que tenha no futebol a sua essência.