DPF recomenda: The Two Escobars

DPF RECOMENDA THE TWO ESCOBARS

Por O Futebólogo

Depois do excepcional livro Como o Futebol Explica o Mundo – Um Olhar Inesperado Sobre a Globalização, do jornalista norte-americano Franklin Foer, e o filme Maradona, do diretor Emir Kusturica, chegou a vez de recomendar a interessantíssima e real história da ascensão do futebol na Colômbia no final da década de 80 e início da de 90 e a concomitante promoção do tráfico de drogas: The Two Escobars (Os Dois Escobares), uma excelente produção dos irmãos Jeff e Michael Zimbalist.

O filme se passa na Colômbia e tem o maior narcotraficante do mundo, Pablo Escobar, e o ex-zagueiro Andrés Escobar como protagonistas. A produção apresenta simultaneamente a trajetória da ascensão do poder paralelo, representado pelo tráfico de drogas, e do futebol nacional, que viveu dias muito felizes, tendo conseguido muitos sucessos, como a conquista da Copa Libertadores da América pelo Atlético Nacional e a bela campanha de classificação para a Copa do Mundo de 1994.

O documentário, apresenta de maneira muito abrangente todo o contexto colombiano do período supracitado. Demonstra a verdadeira adoração de parte das classes populares do país ao poderoso Pablo Escobar, que “supria” as necessidades que o governo institucional não conseguia e também o amor do país pelo futebol.

Ademais, The Two Escobars mostra a trajetória do excelente zagueiro da seleção colombiana e do Atlético Nacional, Andrés Escobar, que foi do céu ao inferno em velocidade assustadora. Membro da grande conquista do Atlético Nacional e da geração de ouro da Colômbia, compartindo a camisa de La Tricolor com jogadores da estirpe de Freddy Rincón, Carlos “El Pibe” Valderrama e Faustino Asprilla, Andrés cometeu um grande erro – passível de acontecer – ao marcar um gol contra fatal na Copa do Mundo, e, por isso, foi assassinado ao chegar à Colômbia. Pouco antes Pablo Escobar também já havia sido morto.

Escobar e o erro que acabaria lhe custando a vida.  Foto: http://www.bbc.co.uk/blogs/timvickery/2010/02/the_legacy_of_rene_higuita.html

Escobar e o erro que acabaria lhe custando a vida.
Foto: http://www.bbc.co.uk/blogs/timvickery/2010/02/the_legacy_of_rene_higuita.html

Em resumo, o documentário trata dos cartéis de drogas colombianos, da ascensão do futebol do país (fomentado por investimentos escusos), das pressões sofridas pelos jogadores, da vida de Pablo e Andrés Escobar, em suas diversas esferas. Mas, sobretudo, a película conta uma história real vivida por nossa vizinha Colômbia.

DPF Recomenda!

Confira o trailer oficial:

[youtube id=”PHzixowbbYU” width=”620″ height=”360″]

Encontramos um canal do Youtube que disponibiliza o filme inteiro, dividido em partes, legendado em português:

http://youtu.be/_V_etPrL64U

Comentários

Advogado graduado pela PUC Minas, mestrando em Ciências da Comunicação (Universidade do Minho) e Jornalismo Esportivo (MARCA), 26 anos. Amante do futebol inglês, mas que aprecia o esférico rolado qualquer terra. Tem no atacante Marques e no argentino Pablo Aimar referências; e não põe em dúvida quem foi o melhor jogador que viu jogar: o lúdico Ronaldinho Gaúcho, na temporada 2004/05. Também n'O Futebólogo e na Revista Relvado.