Os destaques dos pequenos no Carioca 2014

  • por Fernando Carreteiro
  • 7 Anos atrás

Antes grandes formadores de talentos, os clubes pequenos do Rio de Janeiro caminham em um processo de enfraquecimento terrível, acentuado na década de 90 e mantido até os dias de hoje. Os mais tradicionais, como América e Bangu, mal conseguem se manter na primeira divisão carioca. Este enfraquecimento reflete diretamente na revelação de bons jogadores

Atualmente, os clubes grandes do estado têm dificuldades tremendas de garimpar atletas úteis aos seus elencos dentro de seu território. A última e única grande revelação foi Dedé, atualmente no Cruzeiro. O zagueiro despontou quando jogou ao lado de Júnior Baiano no Volta Redonda em 2009. Cortês também merece citação. Apesar de hoje estar de volta às mazelas do mundo da bola, teve um meteórica ascensão que o tirou do Nova Iguaçu e o fez chegar a vestir a amarelinha da Seleção.

Nos últimos anos, alguns atletas até conseguiram jogar partidas como titulares nos grandes ou se estabelecerem no elenco, mas nada destacável. Elias, destaque do Resende em 2013, foi titular boa parte do tempo do Brasileirão no Botafogo. Já William Barbio, ex-parceiro de Cortês no Nova Iguaçu, foi uma aposta do Vasco que não se firmou, fez boas partidas no Bahia e agora tenta novamente espaço no Cruzmaltino. O lateral direito Wellington Silva chegou a ser apontado como substituto de Léo Moura no Flamengo após se destacar no estadual de 2012 pelo Resende. Foi parar no Fluminense e, depois de lesões, polêmicas e brigas, está afastado do elenco tricolor.

O ano de 2014 no Cariocão não foi dos piores em termos de revelações dos pequenos. Tentamos garimpar alguns jogadores que podem ser aproveitados ou pelo menos testados em clubes de maior expressão.

_________________________________________________________

AFONSO || GOLEIRO || FRIBURGUENSE

A defesa do Friburguense certamente tem a maior média de idade do Cariocão. Veteranos como Sérgio Gomes e Cadão, e ainda com Bidu na volância, fizeram do Frizão um oásis para atacantes velozes, o que isso acabou ajudando o jovem goleiro Afonso a se destacar. Bombardeado durante todo o campeonato, o goleiro de 22 anos e bom posicionamento salvou o time da serra em vários jogos, vivendo seu auge contra o Botafogo, quando foi o melhor da partida, fechando o gol.

_________________________________________________________

RODRIGUES || LATERAL ESQUERDO || DUQUE DE CAXIAS

Rodrigues começou o campeonato “on fire”. O baiano foi logo mostrando suas credenciais contra o time titular do Flamengo. Fez gol olímpico, salvou bola em cima da linha e correu o campo todo, garantindo o empate. O lateral tem um fôlego absurdo, não se omite e tem um chute fortíssimo na sua canhota, destacando-se também nas bolas paradas. Pesa a sua idade: Rodrigues já tem 27 anos.

_________________________________________________________

WALDIR || ATACANTE || MACAÉ

Waldir é o tipo de jogador que os zagueiros odeiam enfrentar. Leve e arisco, o camisa 11 do Macaé parte sempre pra cima tentando o drible e geralmente se dá bem. No atual sistema tático da moda, o 4-2-3-1, ele joga aberto na linha de 3, geralmente pelo lado direito de ataque. Ele chegou no time da cidade do Petróleo após de destacar no Madureira em 2013. Waldir tem 23 anos e a notícia ruim é que, após 4 gols no estadual, acertou um contrato com o Qingdao Jonoon, da China.

_________________________________________________________
MARQUINHO || MEIA || MACAÉ

Seguindo no time de Macaé, e na mesma linha de 3 do meio-campo, encontramos o meia Marquinho. Jogando um pouco mais recuado que Waldir, ele demonstrou muita técnica e disposição durante o estadual. Camisa 10, fez excelentes partidas contra Botafogo e Flamengo. Bom na marcação e no apoio, o meia de 24 anos, revelado no Quissamã, é uma boa aposta pra reforçar elencos de clubes maiores.

_________________________________________________________

CARLINHOS || MEIA || MADUREIRA

Carlinhos foi a grande revelação do Campeonato Carioca 2014. É, sem dúvida, o jogador mais valorizado após a competição. Camisa 10 clássico, o canhotinho de 23 anos tem uma técnica apurada que lembra o talentoso Felipe, ex-craque do Vasco. As semelhanças não param por aí: Carlinhos também foi revelado pelo Vasco e começou a carreira como lateral. Porém, não vingou e foi parar no Madureira. Lá as coisas também não começaram bem e, após dois anos sem oportunidades, chegou a pensar em largar a carreira. A perseverança foi recompensada com a titularidade no Tricolor Suburbano em 2014. Com 8 gols na competição, atrás somente dos artilheiros Edmílson e Alecsandro, seu desempenho geral foi de encher os olhos. Com bom passe, dribles curtos, visão de jogo e finalização precisa, Carlinhos é a joia a ser disputada pelos grandes clubes.

_________________________________________________________

LUIZ PAULO || LATERAL ESQUERDO || MADUREIRA

Companheiro de Carlinhos, o lateral esquerdo Luiz Paulo é titular do Madureira desde o ano passado. Veloz e habilidoso, chamou a atenção em diversos jogos do estadual. Ainda demonstra certa irregularidade, mas nada absurdo para um jogador de apenas 20 anos. Luiz Paulo é cria do próprio Madureira. Vale a aposta.

_________________________________________________________

NIL || MEIA || BONSUCESSO

Nil é um jogador de alta rodagem e aparenta ser daqueles que descobriram o melhor jeito de jogar muito tarde. Ex-lateral esquerdo, destacou-se no estadual deste ano jogando como segundo volante e sendo responsável pela distribuição das jogadas. Com muita facilidade pra virar o jogo, Nil foi o dono do meio-campo do Bonsucesso na competição, organizando a equipe, construindo as jogadas e comandando a troca de passes. Dificilmente será contratado por um time de porte, pois já possui 31 anos, mas vale o registro do seu excelente Cariocão este ano.

_________________________________________________________
MARCELO || ZAGUEIRO || VOLTA REDONDA

Novo Dedé? É como a mídia carioca tem chamado o jovem zagueiro do Voltaço. Como diria o craque português, “calma, calma…”. Não é bem assim. Marcelo é natural de Juiz de Fora (MG) e joga no Volta Redonda há três anos, sendo este seu único time na carreira. Com 1,86m, forte no jogo aéreo, muita força física e excelente recuperação, o zagueiro de 22 anos chamou a atenção de Vasco, Flamengo e Fluminense, que, segundo notícias de bastidores, brigam pela sua contratação. Ele se destacou nos jogos contra Botafogo e Vasco neste Carioca, o que o ajudou a chamar atenção dos observadores. Está aí uma aposta que certamente será vista em um clube grande no 2° semestre.

Comentários