Neymar, Fernandinho e as oitavas

  • por Eduardo Jenisch Barbosa
  • 7 Anos atrás
Foto: Assessoria da CBF | Neymar é o principal destaque do Brasil

Foto: Assessoria da CBF | Neymar é o principal destaque do Brasil

O primeiro tempo diante de Camarões mostrou os mesmos defeitos das duas primeiras partidas nesta Copa do Mundo. O principal deles seguia sendo a ausência de um meio campo capaz de trocar passes com eficiência e criar chances para o ataque concluir. E não se faz um time sem este setor.

As chances eram criadas somente a partir de lançamentos longos da defesa. E é uma virtude contar com zagueiros como Thiago Silva e David Luiz, que sabem fazer este tipo de lance, mas é um erro viver somente disso. Coube a Neymar decidir com seu talento, genialidade, fantasia, e também, é preciso registrar, objetividade.

O intervalo, no entanto, clamava por uma mudança no meio. Fernandinho entrou no lugar do apagado Paulinho e deu outra dinâmica ao time. Marcação intensa e saída de bola, o jogador do lado azul de Manchester faz as duas funções com imensa qualidade, fora a mobilidade impressionante que trouxe vida ao setor central da Seleção.

Cabe internação à Felipão se não começar as oitavas de final diante do Chile com Fernandinho em campo e Paulinho no banco. Outro que está decepcionando é Daniel Alves, que até tem lapsos ofensivos, mas sua nulidade defensiva atrapalha e muito o Brasil. Maicon seria uma boa e tem experiência o suficiente para encarar esta bronca.

Finalmente chegamos às oitavas de final, onde a Copa do Mundo realmente começa para os gigantes. O Chile tem uma bela equipe, dinâmica e de pegada, será um árduo rival. Mas sua zaga insegura, especialmente na bola aérea, me dá esperanças de uma vitória com autoridade da Seleção Brasileira. E Felipão sabe fazer sua equipe crescer quando chega o momento. A hora é agora!

Avaliações:

Júlio César:
Sem culpa no gol sofrido, passou segurança, mas não teve tanto trabalho. Nota: 7

Daniel Alves:
Lapsos ofensivos, mas nulo na defesa. Maicon pede passagem! Nota: 4,5

Thiago Silva:
Novamente um monstro na zaga e quando ajuda o ataque. Nota: 7

David Luiz:
Boa atuação, mas teve lapso de queda de produtividade. Nota: 6

Marcelo:
Não comprometeu atrás e bem na frente quando foi acionado. Nota: 7

Luiz Gustavo:
Baita cão de guarda e ainda deu assistência. Nota: 7

Paulinho:
Apagado, sem confiança. Nota: 3,5

Fernandinho: 
Marcação intensa e ótima saída de bola, deu vida ao meio campo. Ainda fez um belo gol. Nota: 8

Hulk:
Taticamente importante, nulo na principal função que é atacar. Nota: 5,5

Ramires
Entrou com eficiência, preencheu bem o meio. Nota: 6,5

Oscar
Muito bem taticamente, ótimo na marcação, pouco participativo na frente. Mesmo assim, bela assistência para o gol de Fernandinho. Nota: 6,5

Neymar
Gênio! Chamou a responsabilidade e mostrou seu imenso talento com fantasia e objetividade. Dois golaços e vários belos lances. Nota: 9

Willian
Entrou bem, cumpriu seu papel. Nota: 6,5

Fred
Enfim, o gol. Dará confiança. Vinha mal, mas é um bom centroavante.
Nota: 7

Felipão
Entrou com o mesmo erro de sempre, corrigiu bem no intervalo. Agora tem a obrigação de manter Fernandinho. Nota: 6

Comentários