Os maiores sacos de pancada das Copas

  • por Lucas Sartorelli
  • 6 Anos atrás

el salvador

Como é de praxe nos mundiais, a Copa do Mundo de 2014 trouxe seleções em diferentes situações. Algumas de tradição, fortes e estruturadas, outras com futebol um tanto inconstante e também tivemos a surpresa e estreante Bósnia. Apesar dos rótulos e impressões, é somente no decorrer dos jogos que temos condições reais de separar as candidatas ao título das reais decepções.

Seleções montadas de última hora, sem entrosamento, com dificuldade de desenvolver um bom futebol e alvo de goleadas são bastante comuns em Copas do Mundo. Na edição de 2014, as primeiras apresentações foram suficientes para que Camarões, com seus conflitos internos e futebol pífio, se mostrasse favorita a esse posto. E não decepcionou. Com 3 derrotas, 8 gols sofridos e apenas 1 marcado, terminou na lanterna da classificação geral.

Foto: Gazeta do povo

Foto: Gazeta do povo | Brasil 4×1 Camarões: africanos amargaram a lanterna do torneio

Confira quais foram as piores seleções de todas as edições, os verdadeiros sacos de pancada dos mundiais, e outras curiosidades sobre o tema.

  • 1930 – México – 0 pontos 4GP/13GC Saldo: -9
  • 1934 – EUA – 0 pontos 1GP/7GC Saldo: -6
  • 1938 – Indonésia – 0 pontos 0GP/6GC Saldo: -6
  • 1950 – Bolivia – 0 pontos 0GP/8GC Saldo: -8
  • 1954 – Coréia do Sul – 0 pontos – 0GP/16GC Saldo: -16
  • 1958 – México – 1 ponto 1GP/8GC Saldo: -7
  • 1962 – Suíça – 0 pontos 2GP/8GC Saldo: -6
  • 1966 – Suíça – 0 pontos 1GP/9GC Saldo: -8
  • 1970 – El Salvador – 0 pontos 0GP/9GC Saldo: -9
  • 1974 – Zaire – 0 pontos – 0GP/14GC Saldo: -14
  • 1978 – México – 0 pontos – 2GP/12GC Saldo: -10
  • 1982 – El Salvador – 0 pontos – 1GP/13GC Saldo: -12
  • 1986 – Canadá – 0 pontos – 0GP/5GC Saldo: -5
  • 1990 – Emirados Árabes – 0 pontos – 2GP/11GC Saldo: -9
  • 1994 – Grécia – 0 pontos – 0GP/10GC Saldo: -10
  • 1998 – EUA – 0 pontos 1GP/5GC Saldo: -4
  • 2002 – Arábia Saudita – 0 pontos 0GP/12GC Saldo: -12
  • 2006 – Sérvia e Montenegro – 0 pontos 2GP/10GC Saldo: -8
  • 2010 – Coréia do Norte – 0 pontos 1GP/12GC Saldo: -12
  • 2014 – Camarões – 0 pontos 1GP/9GC Saldo: -8

.

Curiosidades

.

• Com exceção da OFC (Confederação de futebol da Oceania), todas as confederações já tiveram seleções representantes entre as piores.

Foto: botoesparasempre.com | Canadá, representante da CONCACAF em 1986

Foto: botoesparasempre.com | Canadá, representante da CONCACAF em 1986

• A CONCACAF (Confederação de futebol da América do Norte, Central e do Caribe) é a confederação com mais representantes entre os piores, seguida da AFC (Confederação africana de futebol).

• A Coréia do Sul em 1954 foi a seleção com o pior aproveitamento da história das Copas. Em apenas dois jogos, foi goleada por 9×0 para a Hungria e por 7×0 para a Turquia. Levou 16 gols e não marcou nenhum.

• Em apenas 10 ocasiões, a maior goleada da copa foi sofrida pela pior seleção do torneio.

• Em 1938, as Índias Orientais Holandesas representavam a Indonésia, que nunca mais esteve em uma Copa do Mundo novamente.

• A Suíça passou por 2 Copas seguidas (1962 e 1966) sem marcar um único ponto e figurando como a pior seleção.

Foto: Uol

Foto: Uol | 1982: Atacante de El Salvador tenta finalizar em jogo contra a Hungria

• El Salvador disputou 2 copas em sua história. Nas duas, saiu como a pior seleção do torneio.

• A seleção classificada como a pior de uma copa do mundo a chegar mais longe na história foi a Coréia do Sul. Sem nenhuma vitória e sem marcar nenhum gol em 1954, os coreanos chegaram a uma inédita semifinal em 2002, quando jogavam em casa.

• Indonésia, Zaire, China, Trinidad e Tobago e Canadá são as únicas seleções a disputarem Copa do Mundo e não marcarem nenhum gol. El Salvador marcou. O “herói” foi Ramirez, que marcou o gol de honra diante de uma derrota de 10×1 para a Hungria em 1982.

• Em sua campanha vexatória em 1990, os Emirados Árabes eram comandados pelo técnico brasileiro Carlos Alberto Parreira.

Cuba e Senegal participaram uma única vez do Mundial (1938 e 2002 respectivamente) e com destaque. Chegaram às quartas de final.

• Apenas em 1958 todas as seleções pontuaram.

Foto: ndonline

Foto: ndonline | Chineses em ação na Copa de 2002

• Em 2002, a China não marcou nenhum gol e perdeu as três partidas, duas por goleada, mas, pelo saldo de gols, ficou à frente da Arábia Saudita, também com três derrotas, incluindo uma de 8×0 contra a Alemanha.

Comentários

Paulistano, projeto de jornalista e absolutamente ligado a tudo o que envolve essa arte chamada futebol, desde a elegante final de uma Copa do Mundo às peculiaridades alternativas das divisões mais obscuras de nosso amado esporte bretão. Frequentador assíduo nas melhores (e piores) várzeas e peladas de fim de semana, sempre à disposição para atuar em qualquer posição.