O Ogro Renascentista

  • por Lulu
  • 6 Anos atrás

Tévez é o cigano bad boy mimado e escaldado do planeta bola. Oriundo da plebe, morador assíduo da côrte do futebol. Sempre foi assim. Passando por Boca, Corinthians, United e City, o argentino deixou marcas conquistando títulos e fãs incondicionais.

Ele tem garra esfomeada, demonstra apetite por disposição a cada ação. Entrega-se nos jogos doando pulmões e coração. É essa raça que às vezes ofusca sua graça. Seu bom futebol, que contém técnica, drible, passe, chute e colhões.

Carlos Tévez  comemorando gol pela Juve | Foto: Claudio Villa

Carlos Tévez comemorando gol pela Juve | Foto: Claudio Villa

Não à toa começou bem a atual temporada pela Juventus, marcando gols e comandando a equipe. Não à toa virou ídolo da Vecchia Signora desde as primeiras atuações pelo clube italiano. Não à toa faz jus ao rótulo de decisivo.

Carlitos sabe encantar tal qual o legado de Leonardo da Vinci, Michelangelo e Rafael; abocanhando olhares boquiabertos nos torcedores. Paradoxalmente ao semblante chacoteado, o filho dos guetos de Buenos Aires embeleza partidas com a verve necessária para amar esse esporte sob o estopim da ovação.

Comentários

Homem garoto de convicções grisalhas formado em Ciência da Menstruação, Agronomia Espacial, Lirismo Marginal e Terapia Libidinosa. Com repertório vocacional fincado em irreverência, improviso, cinismo lúdico e boleiragem plena.