Romário vem aí!

Foto: Marino Azevedo/Photocamera || R7.com

Foto: Marino Azevedo/Photocamera || R7.com

Ele é o gênio da pequena área. Um dos maiores artilheiros da história. O grande responsável pelo título brasileiro na Copa de 1994. Ídolo mundial de várias gerações. Acaba de se tornar o senador mais votado da história do Rio. Quando você acha que o baixinho Romário já fez de tudo, ele sai como candidato à presidência do America, time do seu pai. E vai ser eleito!

Essa pode ser a virada para um clube que tem sofrido tanto nas últimas décadas. Com credibilidade no mundo da bola, Romário deve atrair mídia e patrocinadores. Sua presença no clube ajudará a estimular jogadores, comissão técnica e funcionários. A perspectiva de resultados positivos provavelmente levará a torcida às arquibancadas.

O mandato é de 3 anos. Como ele deve estar no Rio apenas nos finais de semana, os trabalhos serão divididos com uma equipe local – provavelmente liderada pelo vice, Léo Almada. Essa equipe será responsável por fazer a parte chata: cuidar do clube, dívidas, estrutura etc. O baixinho fica com o filé, que por enquanto tá mais com cara de acém: o time está na segunda divisão do campeonato carioca e, no momento, joga a Copa Rio (competição que classifica um clube para a Série D e outro para a Copa do Brasil).

A grande vantagem dessa história é o America receber de presente a oportunidade de respirar novos ares e se recompor. Mas como “com grandes poderes vêm grandes responsabilidades”, é fundamental que seja criada uma gestão profissional capaz de fazer o Mecão andar com as próprias pernas. O time precisa ser capaz de gerar receitas além do que vai chegar junto com seu nome e gerir os recursos de forma inteligente.

E, no mínimo tão importante quanto tudo isso, ele e todos os seus precisam trabalhar para atrair novos torcedores e simpatizantes. Sem as novas gerações, o clube estará fadado a envelhecer com os atuais fãs. Com o tempo, talvez até encolher. E uma instituição com 110 anos e a grandeza do América merece um destino muito, mas muito melhor.

Fato é que Romário vem aí. E, se tudo der certo, o bicho vai pegar!

Comentários

Sou coordenador de redes sociais do America-RJ e planejamento publicitário. Escrevo sobre marketing esportivo e futebol. Etc e tal.