Ótimas opções no mercado sul-americano (parte II)

  • por Gustavo Ribeiro
  • 3 Anos atrás

Com a pré-temporada em andamento, os clubes brasileiros continuam a busca por reforços. Nessa busca, o que mais vemos são os mesmos nomes de sempre sendo especulados, seja de jogadores encostados em outros clubes ou que já não jogam bem há algum tempo. Quando se fala em algum atleta dos países vizinhos, normalmente é alguém que já teve grande destaque e já despertou o interesse de vários outros clubes, o que acaba transformando a negociação em um leilão.

Após nossa primeira lista de ótimas opções no mercado do nosso subcontinente, nós, Doentes por Futebol, percebemos que alguns nomes interessantes foram deixados de fora. Sendo assim, elaboramos uma segunda seleção de jogadores sul-americanos que merecem a atenção de dos clubes nacionais.

Andrés Vilches – Atacante

Foto: Emeol - Andrés Vilches, uma das revelações do futebol chileno em 2014

Foto: Emeol – Andrés Vilches, uma das revelações do futebol chileno em 2014

Revelado nas categorias de base do Huachipato, Andrés Vilches teve em 2014 o melhor momento de sua ainda curta carreira. Promovido ao time profissional em 2009, Vilches foi emprestado, visando ganhar experiência. Mas, após boa temporada no Deportes Valdivia em 2013, o Huachipato não hesitou em dar um nova oportunidade ao atacante, que, em 2014, marcou 21 gols em 28 jogos disputados. Com ótimo senso de posicionamento, o atacante de 22 anos foi artilheiro do time no Apertura com 11 gols e da Copa Sul-americana com outros 5 tentos anotados. Seu contrato com o clube vai até dezembro de 2015, mas, segundo a imprensa chilena, a Universidad Católica já demonstra interesse no futebol do atacante.

Juanmi Callejón – Meia

Foto: Depor.pe - Juanmi Callejón, um dos destaques da última Libertadores

Foto: Depor.pe – Juanmi Callejón, um dos destaques da última Libertadores

Na surpreendente campanha do Bolívar na Copa Libertadores em 2014, o nome que mais chamou a atenção foi o de Juanmi Callejón. Irmão gêmeo do Callejón, meia espanhol ex-Real Madrid e atualmente no Napoli, Juanmi chegou ao Bolívar em 2013 e, desde então, é destaque do time. Após se destacar na Libertadores com 4 gols e 2 assistências em 12 jogos, Juanmi Callejón teve seu melhor momento no segundo semestre, sendo o artilheiro do time na conquista do Apertura com 15 gols em 20 jogos.

Luis Carlos Murillo – Lateral esquerdo

Foto: Futbolred - Murillo em uma de seus jogos pelo Once Caldas

Foto: Futbolred – Murillo em uma de seus jogos pelo Once Caldas

Depois de algumas temporadas com fracas campanhas, o Once Caldas voltou a figurar entre os melhores times colombianos no segundo semestre de 2014. Um dos destaques do time foi o lateral esquerdo Luis Murillo, de 24 anos. Murillo voltou ao clube no começo da última temporada, após ser emprestado ao Deportivo Pasto em 2013, e desde então é titular absoluto no lado esquerda da defesa.

Johan Arango – Meia

Foto: Liga Postobon - Arango, um dos destaques do Once Caldas

Foto: Liga Postobon – Arango, um dos destaques do Once Caldas

Mais um dos Once Caldas na lista, Johan Arango foi o destaque do time na Liga Postobon II. Boa qualidade no passe, velocidade e boa cobrança de faltas são algumas qualidades do jovem meia de 23 anos, que ainda precisa evoluir, principalmente na parte disciplinar. Durante a temporada, Arango chagou atrasado e aparentando estar bêbado em um treinamento e foi suspenso pelo clube durante alguns jogos. Em 2014, disputou 25 jogos, marcou 9 gols e deu 2 assistências.

Matías Pisano – Meia

Foto: diariopanorama - Matías Pisano, um dos destaque na boa temporada do Independiente

Foto: diariopanorama – Matías Pisano, um dos destaque na boa temporada do Independiente

Contratado em 2013 pelo Independiente junto ao Chacarita Juniors, Matías Pisano, de 23 anos, é um dos jovens e talentosos meias argentinos da atualidade. Tendo preferência pelo lado direito do meio-campo, Pisano foi um dos destaques do Independiente na última temporada. Entrando constantemente bem durante os jogos, Pisano sempre deixa boa impressão e, com isso, terminou o período como titular. No Campeonato Argentino, foram 16 jogos, sendo 9como titular, 1 gol marcado e 6 assistências.

Cristian Techera – Meia

Foto: .tenfield - Cristian Techera, uma das revelações do futebol uruguaio

Foto: .tenfield – Cristian Techera, uma das revelações do futebol uruguaio

Assim como Michael Santos, integrante da primeira parte da lista, Cristian Techera foi um dos destaques na ótima campanha do River Plate no Apertura. Formado nas categorias de base do próprio clube, Techera já está há algumas temporadas no elenco principal, mas foi em 2014 que conseguiu deslanchar. Com seus 1,58m de altura, o jovem meia de 22 anos se destaca pela qualidade passe, velocidade e finalização. Na última temporada, somando Copa Sul-Americana e Apertura, foram 14 jogos, 8 gols e 4 assistências.

Nicolás Tagliafico – Lateral esquerdo

Foto: Tycsports - Nicolás Tagliafico é pretendido por Boca e River

Foto: Tycsports – Nicolás Tagliafico é pretendido por Boca e River

Formando nas canteras do Banfield, Nicolás Tagliafico está desde 2011 no elenco profissional. Com passagens pelas seleções de base da Argentina, o lateral esquerdo teve seu auge em 2014, sendo um dos destaques na ascensão do Banfield da segunda para a primeira divisão e peça importante no último campeonato argentino. Com o bom futebol apresentado, Tagliafico já despertou o interesse do Boca Juniors, o que complica a sua contratação. O Banfield pede quatro milhões de dólares para liberar o lateral de 22 anos.

Juan Cazares – Meia

Foto: futbolizados - Juan Cazares é mais que merece ser observado de perto

Foto: futbolizados – Juan Cazares é mais que merece ser observado de perto

Dribles curtos, visão de jogo apurada, ótima qualidade nos lançamentos e facilidade para finalizar da entrada da área são algumas das características do meia Juan Cazares, o grande destaque do Banfield na última temporada. Com o ótimo futebol apresentado, que fez com que o meia fosse convocado para a seleção equatoriana, Cazares teve seu perfil traçado na coluna “Olho Nele!”.

Yerson Candelo – Meia

Foto: Deportivo Cali - Yerson Candelo

Foto: Deportivo Cali – Yerson Candelo

Os resultados dentro de campo não foram os esperados pelo Deportivo Cali em 2014. Eliminações na Liga Postobon, Copa Colômbia, Libertadores e Copa Sul-Americana fizeram a diretoria mexer no comando técnico e no elenco durante a temporada, o que acabou abrindo espaços para as canteras, de onde surgiu Yerson Candelo. Meia de 22 anos, Candelo é conhecido pela boa condução de bola, qualidade no passe e visão de jogo. Com essas características, o jogador, que já tem passagens pela seleção de base da Colômbia, conseguiu incríveis 10 assistências na última Liga Postobón. Seu ótimo futebol fez o Atlético Nacional tentar sua contratação, mas como o Deportivo Cali pedindo em torno de 4 milhões de dólares, a transferência não se concretizou.

Sergio Díaz – Atacante

Foto: D10 - Sergio Díaz é uma da esperanças do futebol paraguaio

Foto: D10 – Sergio Díaz é uma da esperanças do futebol paraguaio

Depois de um péssimo início de segundo semestre, que resultou na demissão de Francisco Arce e a chegada de Leonardo Astrada ao comando técnico, Sergio Díaz começou a ganhar espaço e não demorou a ser um dos protagonistas do time. Aos 16, o jovem atacante já é titular absoluto e parece não sentir a pressão, mesmo com tão pouca idade. No último Clausura, em 20 jogos disputados marcou 8 gols, o que lhe rendeu um perfil em nossa coluna “Olho Nele!”.

Guillermo Celis – Volante

Foto:Futbolred - Guillermo Celis

Foto:Futbolred – Guillermo Celis

Cotado para ser o volante titular da seleção colombiana num futuro próximo, Guillermo Celis foi uma das revelações do futebol sul-americano em 2013. Mesmo com seus 21 anos, já é titular absoluto do Junior Barranquilla e coleciona passagens pela seleção de base. Recentemente, esteve no Torneio de Toulon (2013). Volante técnico, Celis mostra ótima qualidade no passe e boa visão de jogo. Na Liga Postobon II, teve 90% de aproveitamento nos passes nos 11 jogos que disputou.

Gonzalo Espinoza – Volante

Foto: Ferplei - Espinoza foi o destaque da La "U" na conquista do Apertura

Foto: Ferplei – Espinoza foi o destaque da La “U” na conquista do Apertura

Campeã do Apertura em 2014, a Universidad de Chile teve como um dos destaques o ótimo volante Gonzalo Espinoza. Contratado no início da temporada a pedido do técnico Martín Lasarte, Espinoza foi peça essencial no time, pois foi em pés que começaram as principais jogadas do time. Com inteligência para saber a hora de acelerar e desacelerar o ritmo da partida, o volante de 24 anos tem boa visão de jogo e ótima qualidade no passe.

Matías Kranevitter – Volante

Foto: gettyimages - Matías Kranevitter é uma das revelações do futebol argentino

Foto: gettyimages – Matías Kranevitter é uma das revelações do futebol argentino

No time principal do River Plate desde 2012, Matías Kranevitter teve toda sua formação nas canteras do clube. Como primeiro volante, Kranevitter tem como característica a grande facilidade de roubar bolas e a ótima qualidade no passe, o que faz com que seja colocado como o substituto de Javier Mascherano na seleção argentina. Com o ótimo futebol apresentado em 2014, o jovem volante de 21 anos foi mais um a figurar na nossa coluna “Olho Nele!”.

Ely Esterilla – Atacante

Foto: ecuavisa - Ely Esterilla

Foto: ecuavisa – Ely Esterilla

Contrato no início de 2014 como uma aposta, Ely Esterilla não demorou muito a encher os olhos da torcida do Barcelona, que via no atacante de 21 anos muito talento. Contrato junto ao Santos Laguna, onde atuava apenas nas categorias de base, Esterilla já tinha passagens pela seleção sub-20 que disputou o Sul-Americano 2013, sendo um dos destaques da seleção equatoriana com 4 gols em 9 jogos. Rápido e habilidoso, Ely Esterilla deixou bons números em 2014: foram 37 jogos disputados, sendo 18 como titular, 6 gols marcados e 9 assistências.

Javier Calle – Meia

Foto: futbolred - Calle foi um dos destaques na ótima temporada do Independiente Medellín

Foto: futbolred – Calle foi um dos destaques na ótima temporada do Independiente Medellín

Um dos destaques na conquista da Liga Postobón II pelo Independiente Medellín, Calle finalmente conseguiu ser um dos protagonistas do time. Formado nas canteras do clube, Calle estreou pelo time profissional em 2009, mas em 2012 foi emprestado ao América de Cali e ao Jaguares de Córdoba, pelo qual disputou a Segunda Divisão do país. Nessa época, já era figura certa nas seleções de base da Colômbia, que contava com Dayro Moreno, Edwin Cardona entre outros. Em 2014, já mais experiente com seus 23 anos, voltou ao clube e não demorou para se tornar peça importante, atuando como meia aberto pela esquerda. Lateral esquerdo de origem, os números de Calle na Liga Postobón agradam: foram 19 jogos, 6 gols e 3 assistências.

Ricardo Centurión – Meia

Foto: gettyimages - Centurión foi o autor do gol do título do Racing

Foto: gettyimages – Centurión foi o autor do gol do título do Racing

Formado nas canteras do clube e alçado ao elenco profissional em 2012, Ricardo Centuríon sempre foi cercado de muita expectativa. Seus primeiros jogos pelo Racing foram animadores para os torcedores, que viam um jogado com enorme talento e muito potencial para evoluir. Mas tudo começou a desandar quando ele se transferiu para Genoa, em 2013, onde não conseguiu ter sequência e regularidade e acabou tendo que conviver com o banco de reservas. Mas em 2014, após uma difícil negociação, voltou ao Racing, onde reencontrou seu futebol e foi uma das peças-chave na conquista do Campeonato Argentino, sendo dele o gol do título na última rodada. Após a ótima temporada, o meia de 21 anos já é especulado no futebol brasileiro, sendo o Atlético seu provável destino.

Ezequiel Ponce – Atacante

Foto: Clarín - Ezequiel Ponce, uma das promessas do futebol argentino

Foto: Clarín – Ezequiel Ponce, uma das promessas do futebol argentino

Em 2012, com apenas 16 anos, foi o jogador mais jovem da história do Newell’s Old Boys a estrear na primeira divisão. Se o começo de 2014 foi um período de projeção para o jovem atacante, não se pode dizer o mesmo do segundo semestre, que o deixou de fora por quase toda a temporada. Mesmo sendo veloz, habilidoso e inteligente, Ponce prefere atuar mais próximo da área, como era nas canteras do Newell’s, onde sempre foi artilheiro em todas as categorias que participou.

Emanuel Más – Lateral esquerdo

Foto: FoxSports - Emanuel Más é uma das boas opções para a lateral esquerda

Foto: FoxSports – Emanuel Más é uma das boas opções para a lateral esquerda

Em um mercado escasso de bons laterais, o argentino Emanuel Más é um dos mais cobiçados do continente. Más começou a se destacar pelo San Martín de San Juan, despertando logo o interesse dos grandes clubes argentinos, até ser contratado em julho de 2013 pelo San Lorenzo. Pelo time de Boedo, Más já atuou como ala e lateral, e sempre cumpriu bem as funções. Forte no apoio, o atleta de 25 anos é uma das ótimas opções no mercado sul-americano.

Jorge Correa – Meia

Foto: Canchllena - Jorge Correa é mais um formado nas canteras do Vélez

Foto: Canchllena – Jorge Correa é mais um formado nas canteras do Vélez

2014 tinha tudo para ser o ano de Jorge Correa. Após boas partidas na Libertadores e no Campeonato Argentino pelo Vélez, uma vaga no time titular parecia questão de tempo. Mas a lesão sofrida no meio do ano atrapalhou a sequência do meia, que só voltará a campo em maio de 2015. Formado nas canteras do clube, Correa está desde 2011 no elenco principal, sempre se destacando pelos bons chutes de média distância, visão de jogo, força física e qualidade no passe.

Comentários

Projeto de jornalista, mineiro, 20 anos. Viu que não tinha muito futuro dentro das quatro linhas e resolveu trabalhar dando seus pitacos acompanhando tudo relacionado ao futebol, principalmente quando a pelota rola nas canchas dos nossos vizinhos sul-americanos. Admirador do "Toco y me voy" argentino, também escreve no Sudaca FC e tem Riquelme e Alex como maiores ídolos.