Não tem graça comparar Cristiano e Messi

  • por Leandro Lainetti
  • 6 Anos atrás

A postagem de Sergio Lopes exaltando Messi em detrimento de Cristiano Ronaldo rendeu bastante discussões.

Leia mais: Não tem graça comparar Messi e Cristiano

Rendeu tanto, que Leandro Lainetti resolveu entrar na parada e dar sua réplica em prol do atual vencedor do FIFA Ballon D’or.

Confira o que o carioca tem a dizer:

É verdade. Não há a menor graça na comparação Messi x Cristiano Ronaldo. Ninguém se empolga, ninguém se importa, é apenas uma rivalidade criada pela mídia para transformar dois jogadores de futebol em uma questão maniqueísta. O bom e velho bem x mal. Na qual o argentino é o bem, claro.

Afinal, como comparar o melhor jogador da história a um simples português preocupado com músculos e cabelo? Que ultraje! Colocar Messi e Cristiano na mesma frase deveria ser crime inafiançável, quiçá com garantia de pena de morte. Cadeira elétrica com direito a olhadinha para o telão, tal qual adora fazer o portuga. Ousados aqueles que ainda brigam e defendem o jogador do Real Madrid. Baita perda de tempo.

https://www.youtube.com/watch?v=q4y1ypgttwU

O que esse rapaz fez e faz além de quebrar recordes, muitos gols, muitos golaços, lances geniais, dribles, faltas cobradas com perfeição, aliar força e velocidade, cabeçadas que parecem chutes, pulos que o fazem pairar no ar, assistências… caramba, já ia me esquecendo que ele sabe cobrar pênaltis.

Aliás, impossível comparar um cara que tem TRÊS Bolas de Ouro com outro que tem QUATRO (Sneijder versão 2010 mandando abraços). A diferença é tão grande que chega a ser constrangedora. Impossível, de novo, comparar um cara que já foi finalista de Copa do Mundo contra outro que, no máximo, beliscou a semifinal (Anderson Polga versão 2002 sorri).

http://youtu.be/3XviR7esUvo?t=1m9s

Outro ponto importante nessa comparação estúpida. Messi é bacana, não provoca os adversários, não quer saber muito da mídia, é reservado, pouco afeito à polêmicas, um bom garoto, daqueles para você deixar casar com sua filha. CR7 é um fanfarrão. Fica por aí namorando essas modelos, posando de galã, fazendo provocações em comemorações, interpretando caras e bocas em campo. Vê se eu apresentaria um sujeito desses para a minha filha?

Leia mais: Menos Messi, mais Cristiano Ronaldo

Por fim, essa rivalidade é falsa, mentirosa e não me empolga. Até porque Cristiano tem somente um rival nessa vida: ele mesmo (galera gritando “MAS FOI ELE QUEM DISSE QUERER ALCANÇAR O MESSI”). Fosse Ibra, Kaká, Agüero, Robben, Leandro Damião, Alan Kardec, ou qualquer outro jogador à frente dele, Ronaldo também diria isso.

A meta é simples: ele precisa ser o melhor porque é o limite que colocou a si mesmo.

É indiscutível a superioridade do argentino e não tem graça discutir o indiscutível.

O que você tem a dizer sobre isso, Cristiano?

http://youtu.be/Cdqyh-aeCL8?t=2s

Comentários

Jornalista trabalhando com marketing, carioca, 28 anos. Antes de mais nada, não acredito em teorias da conspiração. Até que me provem o contrário, futebol é decidido dentro das quatro linhas. Mais futebol nacional do que internacional. Não vi Zico mas vi Romário, Zidane, Ronaldinho, Ronaldo. Vejo Messi e Cristiano Ronaldo. Totti é pai.