O dia que Sinisa Mihajlovic marcou um hat-trick cobrando falta

  • por Tiago Lima Domingos
  • 6 Anos atrás

mihajlovic

Hat-trick. O termo que simboliza marcar três gols em uma mesma partida se popularizou no Brasil nos últimos anos. Lionel Messi, por exemplo, já marcou mais de 30 hat-tricks na carreira. É o maior da história no quesito no futebol espanhol. Quem não lembra do famoso hat-trick de Ronaldo em pleno Mineirão contra a Argentina em 2004? Naquela ocasião o “Fenômeno” marcou todos os três gols em cobranças de pênalti. Mas e três tentos numa mesma partida cobrando falta? Isso já aconteceu alguma vez? É o que contaremos agora.

Temporada 1998-1999. Tempos áureos do Calcio. O jogo? Lazio 5×2 Sampdoria. No time da capital jogava o sérvio Sinisa Mihajlovic, por coincidência, ex-jogador da Sampdoria entre os anos de 94 e 98. Mihajlovic, um zagueiro, sempre foi considerado um dos maiores batedores de falta da história do futebol. Tal fato ficou comprovado naquela tarde de sol em Roma.

Leia mais: O Parma do fim dos anos 90

A Lazio recebeu a Sampdoria no Estádio Olímpico. Os romanos entraram em campo com a seguinte formação: Marchegiani, Negro, Nesta, Mihajlovic, Pancaro; Sérgio Conceição, Matías Almeyda, Stankovic, Ivan De la Peña; Salas e Roberto Mancini. O árbitro da partida era o lendário Pierluigi Collina.

Fato curioso naquela tarde: a primeira falta de perigo para a Lazio não foi cobrada por Mihajlovic, mas sim pelo seu compatriota Dejan Stankovic, que obrigou o goleiro Ferron a fazer boa defesa.

Leia mais: O primeiro hat-trick da carreira de Lionel Messi

29 minutos do 1º tempo e Roberto Mancini sofre falta perto da meia lua adversária. Começava ali o show particular de Sinisa Mihajlovic.O sérvio partiu para cobrança. Leve desvio na barreira. Lazio 1×0. Oito minutos depois a Sampdoria empataria com Palmieri cobrando pênalti. Antes do intervalo, Mihajlovic colocaria a Lazio novamente em vantagem. Arrancada sensacional de De la Peña, que só foi parado com falta. Naquele dia, falta para o sérvio era pênalti. Sinisa mandou um canudo, colocado, sem chances para Ferron. Lazio 2×1.

Na volta do intervalo, bastaram sete minutos para Mihajlovic fazer história. Mais uma falta de média distância. Mais um canudo extremamente bem colocado. Lazio 3×1. Hat-trick do sérvio.

Os torcedores da Lazio cantavam nas arquibancadas: “E se tira Sinisa è gol!” (Se Sinisa chuta é gol).

Mihajlovic é até hoje o jogador com mais gols de falta na história da Série A Italiana com 28 bolas nas redes. 

O fato, raro no futebol mundial, teve como precursor o escocês Ray McKinnon, que em fevereiro de 1997, anotou os três gols da vitória do Dundee United sobre o Kilmarnock, pelo Campeonato Escocês. No Brasil, Marcos Assunção também já marcou três vezes em um jogo da Copa do Brasil, diante do bahia, quando atuava pelo Santos. Clique aqui para ver

Comentários

Carioca e rubro-negro. Do Rio de Janeiro a Milão. Doente por futebol, é claro. E apaixonado pelo Calcio.