A última grande atuação de Ronaldinho na Europa

  • por Tiago Lima Domingos
  • 5 Anos atrás

7397ecb58b584fe89ae79114a3aa972d

16 de fevereiro de 2010. Essa data marcou a última grande atuação de Ronaldinho Gaúcho na Europa. A partida era Milan e Manchester United, jogo de ida das oitavas de final da Liga dos Campeões daquela época. O palco, o San Siro: gramado em que o Gaúcho já tinha desfilado toda sua categoria nos tempos de Barcelona.

Era ano de Copa do Mundo. O Milan já vivia um enorme declínio técnico e financeiro. Era também a primeira temporada sem Kaká, vendido ao Real Madrid. O clube carecia de uma grande referência técnica e Leonardo, elevado ao posto de treinador após ser jogador e dirigente, tinha a missão de fazer Ronaldinho Gaúcho retomar um futebol condizente com suas qualidades técnicas. O time, inicialmente armado em um 4-3-1-2, com Ronaldo sendo esse armador atrás dos atacantes, não deu certo. Léo então apostou no 4-3-3, com Ronaldinho aberto pela ponta esquerda como nos tempos de Barcelona. A mudança alavancou o futebol do astro e, consequentemente, o Milan todo.

Na partida, o Milan encarava um Manchester United notadamente superior técnica e taticamente. Porém, tal superioridade não foi vista na 1ª etapa, quando os rossoneros amassaram os ingleses nos primeiros 30 minutos de jogo com um Ronaldinho absolutamente participativo e decisivo. Não demorou para o brasileiro explodir San Siro abrindo o placar logo aos 3 minutos. Via-se um jogador ligado na partida, apertando a saída de bola adversária e, sobretudo, partindo pra cima dos marcadores, característica de sua carreira.

AFP PHOTO - Damien Meyer

Foto: AFP PHOTO / Damien Meyer – Ronaldinho começou logo marcando aos 3 minutos de jogo

Ronaldinho era o melhor do Milan e o melhor em campo. Não fosse van der Sar em uma grande defesa na 2ª etapa, o brasileiro teria anotado seu segundo gol. Com o desenrolar da partida, o United se acertou e virou o placar para 3×1, mas nada que mudasse a grande partida do craque. Ainda houve tempo para duas boas jogadas: a assistência para o gol de Seedorf, e a jogada genial girando sobre Rafael e dando passe milimétrico para Inzaghi perder ótima oportunidade de empatar o jogo.

Manchester United's Rooney celebrates after scoring against AC Milan during their Champions League soccer match in Milan

Rooney marcou duas vezes e ofuscou grande atuação de Ronaldinho

Naquele jogo, em 2010, Ronaldinho fez sua última grande apresentação em uma partida contra um clube de alto nível na Europa, o último suspiro do gênio antes de retornar ao futebol brasileiro. Foram jogadas plásticas de outrora, dribles, gol, assistência e passes do jogador que nos habituamos a ver. Talvez, se o Milan tivesse ganho aquela partida e passasse de fase (na volta levou um sonoro 4×0), este jogo teria mais reconhecimento do grande público.

Importante ressaltar: houve outras grandes partidas de Ronaldinho naquela temporada, como o hat-trick no Siena, os dois gols sobre a Juventus, a partida contra a Udinese em que saiu de campo dando três assistências e por aí vai, mas nenhuma delas marcou tanto quanto essa contra o Manchester United.

Ronaldo fez uma temporada 2009-10 muito digna, talvez buscando o sonho de disputar o Mundial da África do Sul. Este sonho, contudo, foi impedido por Dunga, que não quis levá-lo. Ronaldinho merecia ter disputado aquela Copa, sobretudo pelas opções levadas pelo treinador (Grafite, Júlio Baptista e principalmente Kléberson). Infelizmente, fechamos os olhos para um dos nossos principais talentos.

Ronaldinho finalizou a temporada 2009-10 tendo participado de 43 jogos. Marcou 15 gols e distribuiu 19 assistências, foras as tantas outras desperdiçadas por Alexandre Pato, Huntelaar e Borriello. Durou mais seis meses no Milan, onde teve baixo rendimento com Massimiliano Allegri. Voltou ao Brasil em janeiro de 2011, contratado pelo Flamengo.

Melhores momentos de Ronalinho na partida:


Ronaldinho vs Manchester United por MrBlackHoleMoon

Ficha técnica da partida:

Jogo: Milan 2-3 Manchester United, válido pelas oitavas de final da Liga dos Campeões 2009-10

Data: 16/02/2010

Estádio: San Siro, Milão (Itália)

Milan: Dida; Bonera, Nesta, Thiago Silva, Antonini (Favalli); Ambrosini, Beckham (Seedorf); Pirlo; Alexandre Pato, Huntelaar (Inzaghi), Ronaldinho

Manchester United: van der Sar; Rafael (Brown), Ferdinand, Evans, Evra; Nani (Valencia), Scholes, Carrick, Fletcher; Park; Rooney

Gols: Ronaldinho Gaúcho, aos 3min, Scholes, aos 36min do primeiro tempo; Rooney, aos 21min e 28min e Seedorf, aos 39min do segundo tempo.

Melhores momentos do jogo:


AC Milan v Manchester United por sistenmathic

Comentários

Carioca e rubro-negro. Do Rio de Janeiro a Milão. Doente por futebol, é claro. E apaixonado pelo Calcio.