O dia em que Amelia usou o Playstation para defender pênalti de Ronaldinho

  • por Tiago Lima Domingos
  • 5 Anos atrás
ronaldinho

Ronaldinho e Amelia – Uma história de videogame da vida real

Os games de futebol sempre fizeram parte na vida de muitos jogadores, sejam em casa ou nas concentrações. A história a seguir é real e bem conhecida para quem acompanha futebol com afinco. Aconteceu em 2008, na partida entre Palermo e Milan válida pelo Campeonato Italiano.

O goleiro italiano Marco Amelia defendeu uma cobrança de pênalti de Ronaldinho Gaúcho e disse que conseguiu o feito graças a sua experiência em jogos de futebol no Playstation.

“Foi como se estivesse jogando contra Ronaldinho no PlayStation. Ele fez o mesmo movimento, a mesma corrida para a bola, muito estranho. No último instante, vi que ele havia mudado o canto e, então, mudei também o movimento, indo na bola e fazendo a defesa”

No momento da defesa de Amelia, a partida ainda estava no 1º tempo e empatada em 0x0. O Palermo venceu por 3×1, com todos os gols anotados na 2ª etapa. Curiosamente, o gol do Milan foi marcado por Ronaldinho…de pênalti! O brasileiro trocou o canto, mas o goleiro por muito pouco não pegou a cobrança novamente.

A história é de 2008, mas os games estão cada vez mais reais. Para Amelia, ser viciado rendeu para o goleiro um dia histórico. Fechar o gol diante de um dos maiores jogadores da história.

Mais interessante ainda. Em janeiro de 2010, o Milan venceu o Genoa por 5×2. Amelia era o goleiro do time de Gênova e voltou a pegar pênalti de Ronaldinho. Coincidentemente, o Milan teve outra penalidade na partida, convertida pelo mesmo Gaúcho momentos depois. O videogame atacou novamente!

Em 2014, Hummels salvou o Borussia Dortmund de levar um gol, ao se posicionar ao lado da trave em uma cobrança de falta, em um lance comum ocorrido nos games. Clique aqui e veja o lance.

Você acredita que os games de futebol podem ajudar os jogadores na vida real?

Comentários

Carioca e rubro-negro. Do Rio de Janeiro a Milão. Doente por futebol, é claro. E apaixonado pelo Calcio.