Definidos os classificados para a Champions 15/16

Curta o Futebol nos Alpes no Facebook e siga no Twitter.

Quando a bola rolou para Barcelona e Juventus, finalistas da última edição da Champions League, a grande maioria dos participantes da próxima já estavam certos. Faltava apenas um: o campeão polonês, que foi coroado apenas na última rodada – realizada no domingo (7).

Com a definição do classificado (Lech Poznan), todos os concorrentes da edição 15/16 da liga milionária estavam definidos – desde os que entrarão na primeira eliminatória até diretamente na fase de grupos. Chegou a hora de você conhecê-los e, de quebra, relembrar como funciona cada estágio que eles estão classificados.

Na próxima temporada, 78 clubes lutarão pelo troféu da UEFA Champions League; saiba quem são eles (Foto: Getty Images)

Na próxima temporada, 78 clubes lutarão pelo troféu da UEFA Champions League; saiba quem são eles (Foto: Getty Images)


Primeira eliminatória

Antes da fase de grupos, existem três eliminatórias e um playoff, que definirão, além dos 22 já classificados através de suas respectivas ligas nacionais, mais dez times para fechar os 8 grupos e as 32 vagas subsequentes.

É praticamente impossível um clube que disputa a primeira eliminatória, que ocorrerá entre os dias 30 de junho e 8 de julho, chegar na fase de grupos, tudo graças às suas diversas limitações. Os 8 times que fazem o primeiro estágio do certame são os campeões nacionais das oito ligas pior classificadas no ranking da UEFA.

Para se ter noção, desde que foi implantada a nova divisão de times em quatro estágios (três eliminatórias mais um playoff) na temporada 2009/2010, nunca aconteceu de um time que começou a competição neste estágio chegar à fase de grupos. Antes, quando ainda eram apenas as três eliminatórias (sem um playoff) que definiam o restante dos classificados, por ter um maior número de times no primeiro estágio, não era tão comum, mas acontecia de um ou dois azarões conseguirem chegar nos grupos – BATE Borisov e Dinamo Zagreb, em 2008/2009, ilustram bem esse exemplo.

Na temporada que está para começar, a 2015/2016, entrarão na primeira eliminatória as seguintes equipes: Crusaders (Irlanda do Norte), The New Saints (País de Gales), Pyunik (Armênia), Levadia Talinn (Estônia), B36 Tórshavn (Ilhas Faroe), Folgore (San Marino), Santa Coloma (Andorra) e Lincoln Red Imps (Gibraltar).

Como você pode ver, são times pertencentes a nações que não possuem expressão alguma no cenário europeu. Seria bem interessante caso algum conseguisse a vaga para os grupos (em termos de coeficientes para o país, já que seria sério candidato a saco de pancadas), embora isso seja praticamente seja impossível.

BATE Borisov foi o último clube (junto com o Dinamo Zagreb) a se classificar para os grupos passando pela primeira eliminatória; o formato, vale lembrar, era diferente na época (Foto: Getty Images)

BATE Borisov foi o último clube (junto com o Dinamo Zagreb) a se classificar para os grupos passando pela primeira eliminatória; o formato, vale lembrar, era diferente na época (Foto: Getty Images)

Segunda eliminatória

Nos últimos anos, tem se tornado comum um time que começa a segunda eliminatória atingir a fase de grupos. Este estágio costuma contar, ano após ano, com pelo menos uma equipe tradicional em âmbito continental, que geralmente é campeã de uma liga com poucos pontos nos coeficientes da UEFA.

A segunda eliminatória, a ser realizada entre os dias 14 e 22 de julho, é mais uma que conta apenas com campeões nacionais – os campeões da “periferia da bola”, como gosto de classificar -, e é a que mais reúne participantes. Em 2015/2016, serão 30 campeões, além dos quatro que se classificarão da primeira eliminatória.

Dentre os garantidos neste estágio da liga, vale destacar dois times que já foram campeões continentais: o Steaua Bucareste (1985/1986) e o Celtic (1966/1967). Outros nomes proeminentes deste estágio são o APOEL (chegou nas quartas de final da edição 2011/2012), BATE Borisov, Ludogorets Razgrad (ambos têm atingido a fase de grupos com frequência), Malmö e Maribor (chegaram nos grupos na última edição).

Os outros campeões nacionais já classificados são: Maccabi Tel Aviv (Israel), Midtjylland (Dinamarca), Dinamo Zagreb (Croácia), Lech Poznan (Polônia), Molde (Noruega), Partizan (Sérvia), Videoton (Hungria), Trencin (Eslováquia), Milsami Orhei (Moldávia), Qarabag (Azerbaijão), Dila Gori (Geórgia), Astana (Cazaquistão), Saravejo (Bósnia e Herzegovina), HJK (Finlândia), Stjarnan (Islândia), Ventspils (Letônia), Rudar Pljevlja (Montenegro), Skënderbeu Korçë (Albânia), Zalgiris Vilnius (Lituânia), Vardar (Macedônia), Dundalk (Irlanda), Fola Esch (Luxemburgo) e Hibernians (Malta).

Na última Champions, Malmö começou na segunda eliminatória e conseguiu atingir a fase de grupos (Foto: Getty Images)

Na última Champions, Malmö começou na segunda eliminatória e conseguiu atingir a fase de grupos (Foto: Getty Images)

Terceira eliminatória

São enormes as chances de os previamente classificados para este estágio da Champions League atingirem a fase de grupos. Grande parte conta com elencos superiores aos dos 17 times classificados da segunda eliminatória e também com uma certa experiência, não só nos grupos, mas também no estágio do mata-mata.

A terceira eliminatória é o primeiro estágio que não conta apenas com campeões, mas também com segundos e terceiros colocados de ligas que estão bem rankeadas nos coeficientes da UEFA.

Entre os 13 previamente classificados para a terceira eliminatória, a ser realizada entre 28 de julho e 5 de agosto, três merecem destaque: Basel e Shakhtar Donetsk, por terem atingido as oitavas de final da última edição, e o Monaco, que eliminou o Arsenal e chegou nas quartas de final de 2014/2015, caindo para a então vice-campeã Juventus.

Participarão da terceira eliminatória, além dos 17 classificados da segunda e os três citados acima, outras dez equipes. São elas: Red Bull Salzburg (Áustria), Viktoria Plzen (República Tcheca), CSKA Moscou (Rússia), Ajax (Holanda – tetracampeão da Champions), Club Brugge (Bélgica), Fenerbahçe (Turquia), Panathinaikos (Grécia), Young Boys (Suíça), Rapid Viena (Áustria) e Sparta Praga (República Tcheca).

Vale lembrar que os times que caem na terceira eliminatória ganham, como “prêmio de consolação”, uma vaga nos playoffs da Europa League.

Monaco iniciará a próxima Champions na terceira eliminatória; na última, equipe do principado eliminou Arsenal e chegou nas quartas de final (Foto: Getty Images)

Monaco iniciará a próxima Champions na terceira eliminatória; na última, equipe do principado eliminou Arsenal e chegou nas quartas de final (Foto: Getty Images)

Playoffs

É o último estágio que antecede a fase de grupos, criado a partir da temporada 2009/2010. Os playoffs contam sempre com cinco times previamente classificados – os que ficam em quarto lugar nas três ligas melhor classificadas no ranking da UEFA (Espanha, Inglaterra e Alemanha), além dos dois terceiros colocados das duas ligas seguintes (Itália e Portugal).

Se juntarão aos cinco times previamente classificados os 15 campeões da terceira eliminatória. Com 20 times, serão sorteados dez confrontos – cinco envolvendo campeões e outros cinco envolvendo classificados apenas através de outras vagas disponibilizadas para ligas (segundo ou terceiro lugar). Os vencedores destes dez jogos estarão na fase de grupos.

Os cinco times já classificados para os playoffs, que ocorrerão entre os dias 18 e 26 de agosto, são: Valencia (Espanha), Manchester United (Inglaterra), Bayer Leverkusen (Alemanha), Lazio (Itália) e Sporting (Portugal).

Os dez derrotados neste estágio pré-fase de grupos da Champions ganharão, automaticamente, uma vaga na fase de grupos na Europa League 2015/2016.

Ludogorets Razgrad x Steaua Bucareste: para muitos, um dos melhores jogos dos playoffs da Champions nos últimos anos (Foto: Getty Images)

Ludogorets Razgrad x Steaua Bucareste: para muitos, um dos melhores jogos dos playoffs da Champions nos últimos anos (Foto: Getty Images)

Fase de grupos

É quando, para muitos, “começa” a Champions League. 32 equipes compõem os oito grupos. Destas, 22 já estão previamente classificadas, e as outras dez serão as campeãs dos playoffs.

Participam da fase de grupos os três melhor colocados das três ligas com os mais altos coeficientes da UEFA (Espanha, Inglaterra e Alemanha), os dois melhor colocados das três ligas subsequentes (Itália, Portugal e França), e os campeões da Rússia, Holanda, Ucrânia, Bélgica, Turquia e Grécia. Uma novidade que a edição da temporada 2015/2016 trará é a participação diretamente na fase de grupos, também, do campeão da última Europa League.

Os times já classificados para a fase de grupos são: Barcelona (atual campeão europeu e nacional), Real Madrid e Atlético de Madrid (Espanha), Chelsea, Manchester City e Arsenal (Inglaterra), Bayern de Munique, Wolfsburg e Borussia Mönchengladbach (Alemanha), Juventus e Roma (Itália), Benfica e Porto (Portugal), PSG e Lyon (França), Zenit (Rússia), PSV Eindhoven (Holanda), Dynamo Kiev (Ucrânia), Gent (Bélgica), Galatasaray (Turquia) e Olympiacos (Grécia), além do Sevilla (Espanha – campeão da Europa League 2014/2015).

Todas as equipes que terminarem a fase de grupos da Champions na terceira colocação ganharão, automaticamente, uma vaga nos 16. avos de final da Europa League 2015/2016.

Barcelona, o atual campeão da Champions League (Foto: Getty Images)

Barcelona tentará defender seu título na próxima temporada (Foto: Getty Images)

Com o título do Sevilla na última Europa League, a edição 2015/2016 será histórica para o futebol espanhol. Afinal, será a primeira que o país terá cinco participantes em uma mesma edição (no caso, quatro na fase de grupos e um nos playoffs).

A fase de grupos da Champions League 2015/2016 será realizada entre 15 de setembro e 9 de dezembro deste ano. Como todos sabem, dentre os citados acima, é o estágio mais emocionante do torneio. Mas se você é fanático pela Champions e curioso para descobrir de onde vieram aqueles times que ninguém conhece e que acabam se destacando na fase de grupos, a dica é acompanhar as eliminatórias e os playoffs. E fique ligado: a primeira eliminatória começará em apenas 19 dias! A última edição acabou recentemente, mas a próxima começará mais rápido do que você imagina.

Comentários

Estudante de Jornalismo. Foi editor de futebol alemão e holandês na VAVEL Brasil e cofundador da VAVEL Portugal. É blogueiro do Bayern no ESPN FC (projeto da ESPN Brasil) e completamente Doente por Futebol.