Estádio do Espanyol eternizará craques » DPF

Estádio do Espanyol eternizará craques

Raúl Tamudo foi o mais votado (Foto: RCDEspanyol.com)

Foto: RCD Espanyol – Raúl Tamudo foi o mais votado

Em função da venda de seus naming rights, o Estádio Cornellà-El Prat, casa do Espanyol de Barcelona, passou a se chamar, no final da última temporada, Power8 Stadium. A transação rendeu aproximadamente 40 milhões de euros aos cofres Periquitos em um vínculo que tem sete anos de duração. Com a colaboração do Diario La Grada, periódico especializado no noticiário da equipe catalã, foi desenvolvido um projeto que homenageará os grandes jogadores da esquadra Blanquiazul na casa do clube.

“Glòria als Herois” é um projeto que contou com a votação de aproximadamente 32.000 pessoas, que escolheram os maiores craques da história do Espanyol, e visa aproximar os sócios e torcedores da história do clube, de seus ídolos, criando uma atmosfera recheada de emoções. Foram selecionados os 15 ídolos mais votados pelos participantes e estes passarão a dar nome aos portões do estádio, eternizados. Os escolhidos ainda representam para o clube um “Top-15” de toda a história da equipe, os melhores dos 114 anos de vida do clube.

Doentes, confiram os escolhidos:

1. Raúl Tamudo
2. Tommy N’Kono
3. John Lauridsen
4. Luís García
5. Rafa Marañón
6. Dani Solsona
7. Mauricio Pochettino
8. Ferran Corominas
9. Ivan De la Peña
10. Ricardo Zamora
11. Jordi Lardín
12. Sergio García
13. José Cano “Canito”
14. “José María” García
15. Sergio González

Foto: RCDEspanyol.com - Sérgio García foi o único escolhido do elenco atual

Foto: RCDEspanyol.com – Sérgio García foi o único escolhido do elenco atual

Comentários

Advogado graduado pela PUC Minas, mestrando em Ciências da Comunicação (Universidade do Minho) e Jornalismo Esportivo (MARCA), 26 anos. Amante do futebol inglês, mas que aprecia o esférico rolado qualquer terra. Tem no atacante Marques e no argentino Pablo Aimar referências; e não põe em dúvida quem foi o melhor jogador que viu jogar: o lúdico Ronaldinho Gaúcho, na temporada 2004/05. Também n'O Futebólogo e na Revista Relvado.