Os jogadores mais completos da Europa: temporada 2014/15

  • por João Almeida
  • 4 Anos atrás

Ao fim da temporada 2013/14, fizemos aqui um texto tratando dos jogadores “mais completos” do Velho Continente daquela temporada.

IMAGEM DESTACADA

Clique na imagem e relembre os jogadores que mais foram efetivos em gols e assistências na temporada 2013 / 2014

Agora que nos encontramos em um ínterim sem futebol europeu, nada mais justo do que refazer a lista, levando em conta as atuações mais recentes.

Nota-se que, como já exposto no texto publicado no ano passado, quando tratamos de jogadores “mais completos”, nos baseamos apenas em estatísticas. Sabemos que futebol não é um jogo somente de números, mas usamos aqui um padrão que visa dar o devido reconhecimento àqueles que conseguem aliar bem os gols e as assistências. O que é preciso para um jogador ser considerado completo, neste caso, é muito simples: ter conseguido chegar aos dois dígitos tanto em gols quanto em assistências em seu campeonato nacional (levando em consideração apenas as 5 principais ligas do continente).

Na edição do ano passado foram treze os jogadores que se encaixaram no requisito supracitado – e todas as ligas tiveram ao menos um representante. Dentre eles, algumas surpresas, como Roberto Firmino, Alessio Cerci e Rickie Lambert. Levando em consideração os dados da última temporada, os números mudaram: desta vez, apenas onze atletas entraram na lista, sendo que duas ligas não tiveram sequer um representante.

Novamente, a liga com mais representantes foi a espanhola. Desta vez foram seis jogadores, mais da metade do número total e um a mais em relação ao ano passado.

CR X MESSI

Em La Liga estão também todos os “reincidentes”: Lionel Messi (43 gols e 18 assistências) e Luis Suárez (16 gols e 14 assistências). Cristiano Ronaldo, que na última temporada não entrou na lista por apenas um passe para gol, encabeçou os representantes do Real Madrid, com 48 gols e 16 assistências. Junto dele estão James Rodríguez, com 13 em ambos os quesitos, e Karim Benzema, que marcou 15 vezes e deu 10 passes para gol. A surpresa da competição ficou por conta de Nolito, do Celta de Vigo, que fez excelente temporada e obteve os mesmos números de James (13 gols e 13 assistências).

DESTACADA

A segunda liga com mais jogadores na lista foi a italiana, com três, e nenhum destes atua em algum clube dos dez primeiros colocados. O grande destaque ficou por conta da dupla que surpreendeu a Itália: Franco Vázquez e Paulo Dybala, ambos do Palermo, décimo primeiro colocado da última edição da Série A. O primeiro conseguiu 10 em ambos os quesitos, enquanto o segundo, hoje jogador da Juventus, marcou 13 vezes e deu 10 assistências. Quem fecha a lista é o garoto Domenico Berardi, do Sassuolo, com 15 gols e 10 passes para gol. O jovem é uma das maiores promessas da Velha Bota e recentemente foi adquirido em definitivo pelo clube.

As ligas inglesa e francesa não tiveram um jogador sequer na lista. Entretanto, cada uma teve um jogador batendo na trave.

CONSOLIDAÇÃO HAZARD

Clique e saiba mais da excelente temporada do jovem belga, grande craque do Chelsea.

Na Premier League, Eden Hazard, o craque do campeonato, precisava de apenas mais uma assistência além de seus 14 gols para entrar;

OLHO NELE - FEKIR

Clique e saiba mais sobre o canhoto mágico do Lyon

na Ligue 1, a jovem promessa Nabil Fekir, do Lyon, também não entrou por causa de um passe para gol e fez um tento a menos que o belga do Chelsea.

Portanto, os últimos representantes são da liga alemã.

kevin

Grande jogador da Bundesliga 14/15, o belga deu sequência a seu ótimo Mundial e liderou os lobos até a vice-liderança do campeonato. Clique e saiba mais sobre seu desempenho.

O meia Kevin de Bruyne, que igualou o recorde de assistências em uma temporada da Bundesliga (20), conseguiu entrar na lista por causa de seus 10 gols. Por último, e não menos importante, aparece o sempre eficiente Thomas Müller, que anotou 13 tentos e deu 10 passes para gol na última temporada.

Além de Fekir e Hazard, vale destacar outros jogadores que não entraram por causa de um número. Foram eles: Antonio Candreva (Serie A), Gareth Bale e Sergio Garcia (La Liga) e Max Kruse (Bundesliga), que pelo segundo ano seguido não entrou por causa de uma assistência.

Abaixo, a lista com os números de gols e assistências de todos os jogadores que alcançaram o duplo-duplo nas grandes ligas em 2014/2015 (o critério utilizado para o ranqueamento foi a soma do número de gols com o de assistências):

1- Cristiano Ronaldo (48 gols e 16 assistências)
2- Lionel Messi (43 gols e 18 assistências)
3- Kevin De Bruyne (10 gols e 20 assistências)
Luis Suárez (16 gols e 14 assistências)
5- James Rodríguez (13 gols e 13 assistências)
Nolito (13 gols e 13 assistências)
7- Domenico Berardi (15 gols e 10 assistências)
Karim Benzema (15 gols e 10 assistências)
9- Paulo Dybala (13 gols e 10 assistências)
Thomas Müller (13 gols e 10 assistências)
11- Franco Vázquez (10 gols e 10 assistências)

Comentários