Dez jovens na rota da Bola de Ouro

  • por Henrique Souza
  • 4 Anos atrás

A Fifa realiza nesta segunda-feira a entrega da Bola de Ouro para o melhor jogador do ano de 2015. Entre os finalistas, nenhuma surpresa. Messi e Cristiano Ronaldo concorrem ao prêmio ao lado do brasileiro Neymar. O argentino e o português polarizam a disputa pelo título de melhor do mundo desde 2008 (e um ano antes os dois já estiveram entre os três melhores, perdendo para Kaká), com quatro Bolas de Ouro para Messi e três para Ronaldo.

Este ano, a dupla terá pela primeira vez a companhia de um jogador nascido de 1990 para cá. Neymar evolui a olhos vistos e é um sério candidato ao prêmio nas próximas edições. Mas ele não está sozinho. O argentino e o português começam a se aproximar da fase descendente da carreira e mais cedo ou mais tarde abrirão espaços para outros jogadores.  Escolhemos dez jovens que dão indícios de poderem disputar o posto de melhor do mundo nos próximos anos. Confira:

Neymar

https://www.youtube.com/watch?v=W_w76UQkJzA

O brasileiro é uma escolha óbvia. Não apenas por ser o único da década de 1990 já indicado ao prêmio da Bola de Ouro, mas por todo o talento que possui. Integrante do melhor ataque do mundo na atualidade, o atacante do Barcelona parece mais à vontade dentro de campo a cada dia. Com Suárez, assumiu o protagonismo do time durante a lesão de Messi na atual temporada e não sentiu a responsabilidade, brilhando exatamente no período em que ocorre a votação do prêmio. Gols, passes e dribles desconcertantes são parte do repertório de Neymar, além da capacidade de brilhar em momentos decisivos, como durante o mata-mata da última Liga dos Campeões. Na temporada 15/16, já marcou 22 gols e 11 assistências em 23 partidas.

Eden Hazard

https://www.youtube.com/watch?v=M2SBKuxD6d4

O belga é um dos principais jogadores tanto do seu clube quanto da seleção. Grande figura do Chelsea na conquista do título inglês na temporada 14/15, sua combinação de velocidade e habilidade sempre leva perigo às defesas adversárias. Apesar de não viver boa fase na temporada 15/16, assim como o Chelsea, Hazard possui talento de sobra para figurar entre os melhores do mundo. Especula-se que o Real Madrid tentará sua contratação, já que o novo treinador merengue, Zinedine Zidane, é fã declarado do atleta.

James Rodríguez

https://www.youtube.com/watch?v=MrbjjcATSSY

Contratado pelo Real Madrid depois de uma grande Copa do Mundo com a Colômbia, James chegou ao maior clube do mundo sem se intimidar. Assumindo a camisa 10, o colombiano teve bons momentos na equipe e viu o desempenho dos merengues começar a cair justamente quando se lesionou. Jogador que arma o jogo e também aparece para finalizar, além da qualidade nas bolas paradas, James é um atleta que parece ter naturalidade em assumir o protagonismo dentro de campo. Em 15/16, fez 4 gols e deu 4 assistências em 14 partidas.

Paul Pogba

Após poucas oportunidades no Manchester United, Paul Pogba foi para a Juventus e em pouco tempo se destacou na equipe italiana. Meio-campista completo, com físico de volante e técnica de armador, esbanja habilidade em seus dribles e qualidade nas suas finalizações de fora da área. Após a saída de peças importantes como Pirlo, Vidal e Tevez, cabe ao francês a missão de conduzir a Juventus dentro de campo. Nesta temporada, Pogba marcou 4 gols e deu 5 assistências em 23 jogos.

Kevin De Bruyne

Grande estrela da nova geração belga ao lado de Hazard, De Bruyne vem subindo de degrau em degrau até a elite do futebol. Sem muitas chances no Chelsea após ser comprado junto ao Genk, se destacou durante um empréstimo ao Werder Bremen e foi comprado pelo Wolfsburg, por onde brilhou e foi eleito o melhor jogador da Bundesliga 14/15. Voltou para a Inglaterra como a segunda maior contratação da história do futebol inglês, desta vez para atuar pelo Manchester City. Meia criativo, técnico, com grande qualidade no passe e nas finalizações, já fez 13 gols e deu 8 assistências em 24 partidas na atual temporada.

Thiago Alcântara

https://www.youtube.com/watch?v=MNRaR4JR9tk

Cria da base do Barcelona, o filho do tetracampeão Mazinho enfrentou a dura concorrência de craques como Xavi, Iniesta e Fàbregas no clube blaugrana. Em busca de mais espaço, assinou com o Bayern de Munique, onde apesar de sofrer com problemas físicos, se tornou peça fundamental no esquema de Pep Guardiola. Jogador que mescla a habilidade e o drible fácil com criatividade e muita qualidade no passe, possui o dom de controlar o jogo como desejar. Em 17 jogos, deu 6 assistências nesta temporada.

Paulo Dybala

O argentino poderia ser mais um dos tantos rotulados como “novo Messi”, mas Dybala vem dando mostras de que comparações à parte, possui futebol para brilhar e escrever sua própria história no esporte. Após ser contratado pela Juventus, cresceu bastante de produção nos últimos meses e vem comandando a equipe ao lado de Pogba na busca pela liderança do campeonato italiano. Versátil e capaz de de jogar em várias posições do meio pra frente, mostra muita facilidade em finalizar, driblar e assistir os companheiros, lembrando de fato Messi em alguns momentos, inclusive na baixa estatura. Em 15/16, já foram 11 gols e 4 assistências em 23 jogos.

Antoine Griezmann

Mais um representante dos ótimos atacantes que passaram pelo Atlético de Madrid nos últimos anos, Griezmann é um dos principais jogadores do futebol espanhol desde seus tempos de Real Sociedad. Também capaz de jogar pelos lados, se encontrou atuando pelo centro do ataque sob o comando de Simeone nos colchoneros. Muito inteligente e técnico nas finalizações, tanto dentro quanto fora da área, já marcou 14 gols e deu 3 assistências em 24 partidas nesta temporada.

Memphis Depay

https://www.youtube.com/watch?v=qB0WedFLupY

Chamou a atenção na última Copa do Mundo e foi contratado pelo Manchester United depois de uma grande temporada no PSV. Assim como Hazard, outro integrante desta lista, não vive bom momento e está abaixo do que promete nesta temporada. Seu estilo de jogo, comparado ao de Cristiano Ronaldo, reúne habilidade, boa finalização e força física. Entretanto, ainda peca pelo individualismo e necessita amadurecer. Nesta temporada, marcou 4 gols em 21 partidas.

Romelu Lukaku

A posição de centroavante está em escassez no futebol mundial. Não há mais espaço para aquele jogador alto, forte, finalizador e bom de cabeça, mas que não possui qualidade nos passes e sem mobilidade para abrir espaço para os companheiros. Combinando as virtudes dos antigos centroavantes com a inteligência tática necessária para o futebol moderno, está Romelu Lukaku, mais um representante da ótima geração belga. Assim como seu companheiro de seleção Kevin De Bruyne, não teve muitas chances no Chelsea e precisou sair dos Blues para amadurecer futebolisticamente. Hoje, é artilheiro da Premier League ao lado de Jamie Vardy e já passou dos 100 gols na carreira. Em 15/16, fez 19 gols e deu 5 assistências em 20 partidas.

Concorda com os nomes citados? Gostaria de sugerir outros? Use os comentários e vamos debater!

Comentários

Doente por futebol desde que se conhece por gente. Formado em Educação Física e estudante de jornalismo. Apaixonado por jogos e times clássicos. Considera Zidane, Ronaldo, Romário e Messi os maiores que viu jogar.