Hakim Ziyech, a pérola marroquina

  • por Henrique Souza
  • 4 Anos atrás

O Twente, campeão holandês em 2010, vive uma temporada irregular, muito longe das glórias de outrora. O clube ocupa apenas a décima-segunda colocação na Eredivisie e se vê afundado em dívidas. Em meio ao cenário caótico, umas das (poucas) boas notícias é, sem dúvida, a ascensão do meio-campista marroquino Hakim Ziyech, grande destaque da equipe e um dos melhores jogadores do campeonato.

Ziyech participou diretamente de mais da metade do gols do Twente nesta temporada.

Ziyech participou diretamente de mais da metade do gols do Twente nesta temporada.

Ziyech nasceu em 19 de março de 1993 na cidade holandesa de Dronten. De ascendência marroquina, aceitou defender o país africano recentemente, mesmo tendo passagens pelas seleções de base da Holanda e até já ter sido convocado por Guus Hiddink para a equipe principal da Laranja Mecânica.

O armador iniciou sua carreira no Heerenveen e passou duas temporadas por lá até chegar ao Twente, em 2014. Em 2014/2015 já foi bem na equipe, marcando 11 gols e dando 16 assistências em 31 jogos. Mas foi na atual temporada que o jogador explodiu de vez, assumindo o protagonismo do clube. Dos 36 gols feitos pelo Twente na Eredivisie até o momento, Ziyech esteve envolvido diretamente em 21, marcando 13 e dando 8 passes para gol em 25 partidas. Na temporada, ao todo são 29 jogos, 13 gols e 10 assistências.

O atleta é o principal responsável pela criação das jogadas da equipe, atuando como meia-atacante. Canhoto, ainda pode jogar como meia-central ou pelos lados. Ziyech possui todas as características necessárias a um grande armador: qualidade no passe, habilidade e visão de jogo. Além disso, conduz a bola muito bem, chuta de fora da área e é bom nas bolas paradas. Sua taxa de acertos nos passes não é muito alta (por volta dos 75%) em função da verticalidade do seu jogo, sempre tentando levar o time à frente.

Naturalmente, alguns aspectos do seu futebol ainda precisam melhorar, como a marcação e o jogo aéreo. Por vezes, também é um pouco individualista, devido também a sua inexperiência. Alto e magro, o jogador sai em desvantagem em duelos com adversários mais fortes, e necessita melhorar sua condição física.

A grande temporada do jovem não passou despercebida pelas outras equipes europeias. Várias especulações sobre o futuro de Ziyech surgiram na imprensa, segundo as quais times como o Porto estariam interessados em contar com seus serviços. Devido à delicada situação financeira do Twente, o jogador ficou próximo de se transferir em janeiro, chegando, inclusive, a declarar estar aberto a ofertas. Avaliado em 10 milhões de euros, o marroquino tem tudo para deixar o Twente na próxima temporada e ir para um clube maior. Caso mantenha a evolução do seu futebol, tem tudo para se consolidar como um dos grandes meias da sua geração.

Olho Nele!

Comentários

Doente por futebol desde que se conhece por gente. Formado em Educação Física e estudante de jornalismo. Apaixonado por jogos e times clássicos. Considera Zidane, Ronaldo, Romário e Messi os maiores que viu jogar.